Últimas notícias

Fique informado

Dez aplicações de gamificação para sua empresa em 2020

27/02/2020

Spotlight

Guia do NIST sobre como recuperar arquivos perdidos por ransomware e por outros ataques de integridade de dados

Recuperação de ransomware e outros eventos destrutivos pode ajudar as organizações.

28/09/2020

Resolução possibilita reuniões do Comitê Gestor da ICP-Brasil por Videoconferência

Com a Resolução n° 176, de 21 de setembro de 2020, do CG da ICP-Brasil, ficam estabelecidos o prazo de 3 dias úteis para a convocação e a deliberação devendo ocorrer em seguida ao encerramento da Plenária por videoconferência.

28/09/2020

A sanção da Lei 14.063 de 2020, segundo agência Senado.

A nova lei cria dois novos tipos de assinatura eletrônica em comunicações com entes públicos e em questões de saúde: simples e avançada.

25/09/2020

Como gerenciar Identidades Digitais em empresas públicas e privadas? Ouça

Sobre como gerenciar eIDs, conversamos com Luís Correia – Business Development da AET EUROPE, empresa global na área de soluções de segurança digital.

02/09/2020

O uso de mecânicas de jogos para enriquecer conteúdos educativos pode aumentar o engajamento e a produtividade dos funcionários

Em meio a um cenário de desafios para aprimorar a qualificação e aumentar a retenção e a produtividade de profissionais, a educação corporativa tem sido uma solução cada vez mais adotada pelas empresas, dos mais diversos portes.

Algumas abordagens inovadoras têm se destacado nessas jornadas de aprendizagem, por aumentarem a efetividade desse investimento.

É o caso da gamificação (do inglês gamification). O uso do design e da mecânica de jogos para enriquecer conteúdos educativos aumenta o engajamento, a produtividade e a sensação de pertencimento e propósito dos trabalhadores à corporação.

“A gamificação não é nenhuma novidade. Já tem dez anos de história e continua evoluindo. Seu uso continua crescendo porque é amplamente validada em termos de resultados”, declara Alessandro Vieira, especialista em Gamification do DOT digital group.

A estimativa da empresa americana de educação digital TalentLMS é que o mercado global de ferramentas com essa tecnologia alcance US$ 40 bilhões até 2024.

Se a previsão se confirmar, esta cifra terá crescido quase seis vezes em relação a 2018, quando movimentou US$ 6,8 bilhões.

Um estudo, realizado por esta mesma empresa, explica porquê as companhias estão ampliando os investimentos em ferramentas com gamificação. Dos trabalhadores ouvidos,  89% responderam se sentirem mais produtivos por meio de gamification e essa mesma parcela considera que a tecnologia aumenta a competitividade e o anseio por terminar as atividades.

Um terço dos respondentes disse, ainda, que gostaria de mais elementos gamificados nas ferramentas de treinamento de suas empresas, tais como metas claras, regras consistentes, amplos feedbacks e esquemas de incentivo.

No Brasil, a empresa de educação digital com 24 anos de expertise nesse mercado, DOT digital group, é uma das principais fornecedoras de soluções educativas gamificadas. Uma dessas estratégias foi desenvolvida especialmente para uma das maiores companhias de de cosméticos da América Latina, que precisava aumentar a produtividade de suas vendedoras.

“Utilizar gamification nas estratégias de educação corporativa é uma tendência que não para de crescer, pois os recursos motivacionais dos games são capazes de tornar o processo ensino-aprendizagem mais atrativo, envolvente e divertido”, explica Alessandro Vieira.

A empresa atendida pelo DOT precisava que suas consultoras consumissem mais materiais educativos sobre produtos, negócios e práticas de comércio; e estivessem mais motivadas e engajadas para aumentar as vendas e a interação com a marca.

A estratégia desenvolvida pelo DOT fez com que a gamification estivesse disponível online, com ênfase no uso mobile, em smartphones. Como parte dela, também realizou um estudo piloto com 30 mil consultoras.

Uma análise estatística dos resultados desse experimento demonstrou que as que utilizaram a gamificação adquiriram mais habilidades de consultoria e hábitos digitais (como usar máquina de cartão, realizar pedidos pela internet e demais atividades que contribuem para a redução de burocracias); além de venderem mais do que as consultoras que não participaram da estratégia.

Para 2020, o DOT compartilha dez ideias de aplicações reais, sobre o que pode ser gamificado em sua empresa. Confira:

  1. Marketing Digital

O mundo das pesquisas de mercado e da publicidade ainda tem muito a ganhar com a gamification (especialmente unindo-a ao storytelling e à realidade aumentada e virtual). As aplicações vão desde publicidade para turismo até à realização de pesquisas em marketing.

  1. Vendas

Missões, metas, competição, conquista de prêmios, aquisição de conhecimentos e competências. Gamificar tem tudo a ver com o processo de vendas. Tanto é que o DOT digital group gamificou a experiência das consultoras de uma grande empresa de cosméticos para que elas se engajassem mais e aumentassem a produtividade das vendas. A estratégia foi implementada no aplicativo usado por elas. Foi criada uma nova seção, denominada ‘Meu Sucesso’, onde cada consultora acompanha os pontos acumulados, o ranking por setor, vê as medalhas e missões realizadas. Cada medalha possui uma descrição e as instruções do que deve ser feito para conquistá-las.

  1. Formação Corporativa

O ambiente corporativo continua sendo um campo fértil para a gamificação. Ferramentas como a criação de recompensa, pontuação, estabelecimento de objetivos claros, regras, competição e cooperação são ótimos recursos de gamification em treinamentos.

  1. Educação 

A gamificação é uma tendência forte em educação digital há muitos anos e, em 2020, segue em destaque. Especialmente quando se fala em educação à distância. Há muitos cases de gamificação para crianças. Principalmente para ensino das chamadas disciplinas STEM, um acrônimo em inglês para as atividades escolares relacionadas às ciências, tecnologia, engenharia, artes e matemática. Nesse sentido, a gamificação já está bastante difundida em escolas dos EUA e da Índia, que usam a técnica para fazer com que os pequenos desenvolvam o pensamento científico desde muito cedo e gostem de matemática.

  1. Performance no Trabalho

Gamificar para ajudar os colaboradores a manter o foco, alcançar metas e serem mais produtivos. Um dos maiores proprietários de franquias da rede de restaurantes dos EUA, a AppleBee’s, estava sofrendo com altas taxas de rotatividade de funcionários. Para enfrentar esse desafio, lançou um sistema de gamificação personalizado que usa competição, reconhecimento e prêmios para motivar sua equipe. Com isso, conseguiu a aumentar a retenção de funcionários e as vendas.

  1. Desenvolvimento Pessoal

Aplicações que ajudam a parar de procrastinar e a atingir objetivos e fazem disso um jogo empolgante. É o caso do Habitica – um aplicativo gratuito de desenvolvimento de hábitos e produtividade, que trata a vida real como um jogo, com recompensas e punições para o alcance de objetivos. Seja eles na escola, trabalho ou relacionados a condicionamento físico

  1. Mobilidade 

Em 2019 foi lançado o programa Uber Rewards – programa de fidelidade para usuários do  app de transporte, que já chegou a 15 cidades brasileiras -. Com ele, a empresa pretende aumentar a vantagem sobre os concorrentes. Seguindo o exemplo da Uber, o mercado de mobilidade e logística tende a apostar na gamification como fator de diferenciação e competitividade.

  1. Segurança de Dados

A Lei Geral de Proteção de Dados, que entrará em vigor em agosto, trará mudanças significativas na forma como todas as empresas usam os recursos digitais. As técnicas de gamificação vêm para complementar a estratégia de treinamento em segurança cibernética e também para otimizar a conexão entre usuários e profissionais de TI com relação a este tema. Elas podem ajudar a engajar funcionários a proteger a empresa contra ciberameaças, com um jogo em que colaboradores recebem prêmios a cada meta alcançada e recompensas, por exemplo.

  1. Saúde

Saúde e bem-estar é uma das aplicações da gamification que mais cresce no mundo. Geralmente envolvem auto-monitoramento, atividades físicas e formação de profissionais de saúde, como é o caso da solução gamificada que o DOT desenvolveu para um hospital de referência de São Paulo. Trata-se de um simulador digital centrado no treinamento de uma situação de socorro a uma vítima de parada cardiorrespiratória.

  1. Internet das Coisas

Essa tendência ainda é incipiente no Brasil. Mas a expansão da tecnologia 5G e a disseminação de interatividade eletrônica terão, nos próximos anos, um profundo impacto, principalmente na indústria e na agricultura. E a gamificação já faz parte dessa nova fase da internet.

Gamificação para combater crimes cibernéticos

Oito soluções tecnológicas que serão realidade na educação corporativa em 2020

Relatório da NTT aponta que crescer em meio à tecnologia não aumenta a consciência sobre os riscos cibernéticos

 

29set01outEvento CanceladoBrazil Cyber Summit 2020 - NOVA DATAExplore a tecnologia, percepções e tendências que dão forma ao futuro da cyber e dos negócios 29 de setembro a 01 de outubro de 2020 | Brasília 08:00 - (outubro 1) 18:00 Brasilia Hotel Royal Tulip Brasilia Alvorada, SHTN Trecho 1 Conjunto 1B - Bloco C - Asa Norte, Brasília