Últimas notícias

Fique informado

Intel fecha compra da McAfee para acelerar diversificação – WSJ.com

20 de agosto de 2010
Paulo Otellini

Don Clark
The Wall Street Journal
AUGUST 19, 2010, 7:02 P.M. ET
A Intel Corp. fechou acordo para comprar a firma de programas antivírus McAfee Inc. por US$ 7,68 bilhões, uma aquisição surpreendente que ressalta a determinação da fabriante de chips de expandir sua tecnologia para além do mercado de computadores.
O acordo, o maior nos 42 anos de história da Intel, foi apontado pelas empresas como prova de que a segurança está se tornando um dos pilares da informática. Com cada vez mais eletrônicos, eletrodomésticos, equipamentos industriais e outras máquinas ganhando conexões à internet, as abordagens que serviram até agora para proteger os computadores e servidores não são mais adequadas, disseram executivos da Intel e da McAfee.
Munida com a expertise da McAfee, a Intel sugeriu que a segurança pode ser aplicada de maneira mais ampla aos microchips e outros componentes, criando produtos mais resistentes a ataques. “Acreditamos que a segurança será mais efetiva quando instalada diretamente no hardware”, disse numa teleconferência Paulo Otellini, diretor-presidente da Intel.
O acordo avalia a McAfee em US$ 48 por ação, um ágio de 60% em relação ao fechamento do papel ontem. A ação da McAfee subiu 58% imediatamente após o acordo ser anunciado, enquanto a da Intel caiu 2,5%. A McAfee fechou em alta de 57% e a Intel, em queda de 3,52%.
O acordo também é um sinal da consolidação que está encolhendo o número de empresas de tecnologia de médio porte. Gigantes da informática que dominam certos setores estão usando as aquisições para conquistar espaço em mercados de rápido crescimento. A recente aquisição da Palm Inc. pela Hewlett-Packard Co. foi voltada a encaminhar a maior fabricante de computadores do mundo para o segmento de celulares inteligentes. Enquanto isso, a Oracle Corp. comprou a Sun Microsystems no ano passado para se expandir da venda de software para o fornecimento do pacote completo de hardware e programas para os departamentos de TI de empresas.
Fundada em 1987, a McAfee é mais conhecida por seu extremamente popular programa antivírus e está se preparando para entrar no mercado de celular, que está crescendo rapidamente. Ela anunciou recentemente a aquisição da empresa de segurança para celulares tenCube, um negócio que realizou após comprar a Trust Digital, outra firma do mesmo ramo.
Há muito tempo que a McAfee disputa o mercado de segurança de computadores com a Symantec Corp. Muitos especulavam que a empresa, sediada em Santa Clara, na Califórnia, mesma cidade da Intel, buscava um comprador.
A ação da Symantec subiu 7,3% na manhã desta quinta, num indício de que os investidores estão apostando que ela também pode ser tornar um alvo de aquisição.
A Intel, por sua vez, anda de olho em firmas de software que lhe permitam conquistar novos mercados. Otellini já indicou que a empresa está concentrada em software, numa iniciativa liderada por Renee James, vice-presidente sênior e gerente-geral da divisão de software e serviços da Intel. E, em abril, o diretor financeiro Stacy Smith disse que a empresa ia buscar aquisições no ramo de software que a ajudassen a criar servidores e produtos móveis mais personalizados.
A empresa quer entrar no mercado de celulares inteligentes com seu processador Atom, muito popular nos netbooks, mas ainda não conseguiu abrir espaço num segmento dominado pelos processadores com consumo menor de energia da Qualcomm Inc. e outros, que se baseiam num projeto da ARM Holdings PLC.
A Intel adquiriu ano passado a firma de software Wind River Systems Inc. por US$ 884 milhões, para ajudá-la a aplicar o Atom em aparelhos embutidos como painéis eletrônicos e caixas automáticos. Fornecendo o software, a Intel espera facilitar que seus clientes adotem seus processadores em vez de os produtos concorrentes.
Da mesma maneira que a Wind River, a McAfee será administrada como subsidiária e manterá sua marca. Otellini disse que a diretoria da McAfee se comprometeu e ficar na empresa durante “vários anos”.
O acordo é o segundo anunciado pela Intel esta semana. Na segunda-feira, ela informou que vai comprar a linha de produtos para modem de cabo da Texas Instruments Inc. por um valor não divulgado.
As aquisições ocorrem depois de a Intel ter divulgado no mês passado o melhor resultado trimestral de sua história, graças à recuperação do mercado de semicondutores. A Intel espera que o negócio diminua ligeiramente seus lucros no primeiro ano após a conclusão, devido a despesas relacionadas à fusão, e não tenha muito impacto no lucro do segundo ano.
De sua parte, a McAfee informou que o lucro do segundo trimestre subiu 38%, diminuindo os temores sobre seus negócios após um primeiro trimestre fraco. A empresa informou que as vendas subiram consideravelmente na América do Norte, um de seus principais mercados.
“Estou muito empolgado e totalmente comprometido em me juntar à equipe da Intel”, disse o presidente da McAfee, Dave DeWalt.
Ambos os conselhos de administração aprovaram unanimemente o acordo. A aquisição ainda necessita da aprovação dos acionistas da McAfee e de autorização das autoridades de regulamentação.
Fonte: The Wall Street Journal
Intel fecha compra da McAfee para acelerar diversificação – WSJ.com
(Colaboraram Nathan Becker e Jerry A. DiColo)
O Blog apresenta sempre novidades sobre certificação digital. Conheça e divulgue.

Nenhum comentário até agora

Ir para a discussão

Nenhum comentário ainda!

Você pose ser o primeiro a iniciar a discussão.

<