Últimas notícias

Fique informado
NFC-e: Uma verdadeira Revolução no varejo brasileiro

NFC-e: Uma verdadeira Revolução no varejo brasileiro

10/07/2015
Depois do sucesso da Nota Fiscal Eletrônica, criada para a indústria e o atacado, agora é a vez da Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica NFC-e

O objetivo da NFC-e é permitir que um documento fiscal totalmente eletrônico registre, com validade jurídica, a compra do consumidor final, integrando plataformas físicas e virtuais e sirva como regulador do varejo. Com a NFC-e o consumidor é beneficiado com a possibilidade de conferir a validade e autenticidade do documento fiscal recebido em um padrão nacional.

A NFC-e será emitida e armazenada eletronicamente, com existência apenas digital e a validade jurídica é garantida pela assinatura digital do emitente e pela autorização de uso concedida pelo Fisco.

É mais uma grande aplicação da tecnologia da certificação digital no mercado brasileiro que já reconhece os benefícios e a possibilidade da redução de custos com o uso da tecnologia além da a confiabilidade que proporciona aos negócios.

Embora exista há quase 20 anos, a Certificação Digital no Brasil é algo novo para a grande maioria da população brasileira, considerando que sua maior expansão se deu nos últimos cinco anos e em determinados segmentos.

Michel Medeiros - CEO Soluti

Michel Medeiros – CEO Soluti

A Soluti  que oferece soluções com certificados digitais, comemora o reconhecimento da importância dessa tecnologia pelos os setores produtivos da economia brasileira que já utilizam em seus processos de negócios. A Certificação Digital não é vista mais pelos empresários como uma obrigatoriedade e sim como a tecnologia que viabiliza redução de custos e agiliza serviços como se dará com a implantação da NFC-e, declara Michel Medeiros CEO da Soluti.

As despesas com a implantação e a manutenção da NFC-e não serão significativas para o comércio se comparadas a economia que será gerada para o setor.  Já são 06 (seis) estados brasileiros que iniciaram a emissão da NFC-e no dia primeiro deste mês.

“A NFC-e vai proporcionar ganhos de eficiência aos lojistas, pois além de eliminar gastos com equipamentos fiscais, também dispensa as homologações, lacrações, registros, parametrizações, atestados de intervenção e outras exigências” explica Michel.

A Nota Fiscal do Consumidor Eletrônica propõe uma verdadeira revolução no varejo brasileiro

A NFC-e será, em alguns anos, uma solução moderna e definitiva para os atuais documentos fiscais em papel utilizados no varejo, como o cupom fiscal e a própria nota fiscal. É uma transformação nos custos e obrigações acessórias dos contribuintes, ao mesmo tempo que possibilita o aprimoramento do controle fiscal.

Segundo Michel Medeiros, “O projeto NFC-e é um módulo do Projeto do Sistema de Escrituração Digital (SPED), no qual o uso da Certificação Digital é fundamental.”

“O certificado digital torna-se a cada dia mais relevante e é importante perceber e acompanhar essa revolução tecnológica. Toda inovação requer muito trabalho de conscientização e educação o que, gradativamente, vem acontecendo com os certificados digitais, acrescenta.

Nenhum comentário até agora

Ir para a discussão

Nenhum comentário ainda!

Você pose ser o primeiro a iniciar a discussão.

<