Últimas notícias

Fique informado
SSL: Confira os 4 motivos para investir nessa tecnologia

SSL: Confira os 4 motivos para investir nessa tecnologia

02/07/2015

Spotlight

Guia do NIST sobre como recuperar arquivos perdidos por ransomware e por outros ataques de integridade de dados

Recuperação de ransomware e outros eventos destrutivos pode ajudar as organizações.

28/09/2020

Resolução possibilita reuniões do Comitê Gestor da ICP-Brasil por Videoconferência

Com a Resolução n° 176, de 21 de setembro de 2020, do CG da ICP-Brasil, ficam estabelecidos o prazo de 3 dias úteis para a convocação e a deliberação devendo ocorrer em seguida ao encerramento da Plenária por videoconferência.

28/09/2020

A sanção da Lei 14.063 de 2020, segundo agência Senado.

A nova lei cria dois novos tipos de assinatura eletrônica em comunicações com entes públicos e em questões de saúde: simples e avançada.

25/09/2020

Como gerenciar Identidades Digitais em empresas públicas e privadas? Ouça

Sobre como gerenciar eIDs, conversamos com Luís Correia – Business Development da AET EUROPE, empresa global na área de soluções de segurança digital.

02/09/2020

Google favorece sites com tecnologia Responsiva e Certificados SSL

Seu site não é seguro? Veja o que está perdendo por isso.

20/04/2015
Secure Socket Layer ou, simplesmente SSL

A maioria das empresas e muitos consumidores já percebem que essa tecnologia é fundamental para garantir a navegabilidade na internet e, principalmente, realizar transações financeiras, fazer compras e informar dados pessoais.

O SSL é a segurança para usuários (clientes) e empresas (sites) para transacionarem na web. O Certificado de servidor é um protocolo de proteção que garante a criptografia das informações e resguarda os internautas durante toda a navegação.

Este tipo de tecnologia é primordial, por exemplo, para empresas de comércio eletrônico, que precisam proteger dados como informações de cadastro e números de cartão de crédito dos clientes.

Cada vez mais, para obter sucesso no mundo digital, é preciso ter a segurança como prioridade, mas o SSL não se restringe apenas a segurança dos sites.  Também estão presentes em aplicativos, sistemas e máquinas (servidores)  que de alguma forma guardam dados sensíveis.SSL - fala Serasa

Confira os 4 motivos para investir nessa tecnologia
1- Segurança

Todas as informações trafegadas entre o navegador do usuário e o site são criptografadas. Os dados ficam totalmente protegidos, uma vez que são totalmente codificados, impedindo que hackers interceptem as informações para utilizá-las de forma fraudulenta.

2- Confiança do usuário

Os usuários sentem-se mais confiantes quando encontram a sinalização de site seguro.  Exibir essa sinalização aos seus visitantes vai de encontro as boas práticas de conformidades no universo online.

3- Mais vendas

Para as lojas virtuais, a garantia de segurança pode resolver o problema do abandono dos carrinhos de compra, já que um dos principais receios dos consumidores na internet continua sendo a troca de informações no e-commerce. Soluções como essa ajudam a aumentar a confiança dos compradores e, consequentemente, promovem o crescimento das vendas.

4- Boa reputação

Muitas empresas já ficaram mundialmente conhecidas por grandes vazamentos de informações de usuários. Investir em tecnologias que impeçam este tipo de “mancha” na reputação garante que a imagem da companhia não ficará arranhada por conta de possíveis fraudes.

Os certificados digitais SSL fazem com que as informações transmitidas, como dados bancários e informações pessoais, sejam protegidas por meio da conexão criptografada entre um servidor web (site) e um navegador (cliente). Esse tipo de certificado é fundamental para a segurança tanto da empresa quanto dos clientes.” explica Eliane Pepe, gerente de produto da Serasa Experian.

A Serasa Experian que é uma Autoridade Certificadora que emite certificados digitais e-CNPJ e e-CPF da ICP-Brasil, também comercializa certificados digitais SSL de raiz internacional que garante a comunicação e interoperabilidade com os navegadores do mercado fechando a conexão de criptografia de forma automática para os usuários.

Os Certificados de Servidor SSL da Serasa  estão disponíveis em três versões: Protectweb, Protectweb Pro e Protectweb Pro EV, que variam de acordo com o nível de validação para obtenção do certificado.

Protectweb – Domain Validation

Procedimento de validação   Validação de Domínio (domain validated) – A SERASA a valida, de forma automática, a existência do domínio. A validação é feita com base nos dados cadastrados na entidade responsáveis pelo registro de domínio.

Protectweb Pro

Procedimento de validação  – Validação de Organização – A SERASA valida se a empresa solicitante do Certificado SSL é proprietária do domínio configurado na solicitação do Certificado, se a entidade é legalmente constituída e se a pessoa que solicitou certificado tem poder para efetuar o pedido.

Protectweb Pro EV –  Extended Validation

Procedimento de validação extendida, possui um nível mais detalhado de validação.

Os procedimentos recomendados consistem em várias regras para verificação da identidade da organização e da propriedade do domínio para o qual o certificado será emitido.

Para as operações no comércio eletrônico, os certificados com Validação Extendida são os mais indicados por proporcionarem maior segurança à empresa, aos usuários e aos clientes”, complementa Eliane Pepe.

A validação dos certificados SSL EVs, verificam  se a empresa está legalmente constituída, assegura que a mesma está em operação e que o domínio do Certificado é de sua propriedade. Além disso, quando os visitantes acessam um site protegido pelo certificado Extended Validation, a barra de endereços do navegador torna-se verde, permitindo aos usuários identificar visualmente o seu site como seguro.

E reservamos para o final o 5º motivo: A relevância nos sites de busca!

Leia o artigo: Google favorecerá sites com tecnologia Responsiva e Certificados SSL  e veja como os algorítimos do Google privilegiam os sites com o SSL.

Nenhum comentário até agora

Ir para a discussão

Nenhum comentário ainda!

Você pose ser o primeiro a iniciar a discussão.

<