Últimas notícias

Fique informado

Zaitt: a primeira loja autônoma e sem funcionários do Brasil

29/03/2019

O impacto das novas tecnologias sobre a maneira com que fazemos compras é evidente.

Se hoje já é natural adquirir uma imensa gama de produtos sem precisar sair de casa com alguns poucos cliques, o futuro da experiência de compra de produtos que não podemos ou queremos aguardar pela entrega é o mercado autônomo.

É nisso que aposta o grupo de empreendedores capixaba por trás da Zaitt  – uma loja que dispensa a presença de qualquer funcionário no atendimento ou mesmo em seu interior.

Trata-se do primeiro mercado autônomo da América Latina.

A Zaitt, loja automatizada que funciona sem nenhum funcionário, vai abrir duas unidades na cidade de São Paulo e mais uma no estado do Espírito Santo.

A primeira unidade, inaugurada em dezembro do ano passado, está localizada na Praia do Canto, em Vitória, também no Espírito Santo.

Paula Cardoso, CEO do Carrefour eBusiness Brasil.

A startup, agora, abriu uma loja em São Paulo, no dia 21 de março no Itaim Bibi, R. João Cachoeira, 382 – Vila Nova Conceição, São Paulo – SP

Nesta unidade, a empresa contará com a expertise, suporte lógico e abastecimento do Carrefour, seu mais novo patrocinador.

“Estamos testando novos conceitos, inovações e tecnologias para melhorar a experiência de compra e alcançar novos clientes. Assim como fazemos globalmente, iremos estreitar parcerias com empresas e startups que nos tragam novas tecnologias e competências para acelerar a nossa transformação digital e gerar escala para serviços e soluções realmente inovadores”, destaca Paula Cardoso, CEO do Carrefour eBusiness Brasil.

O sistema é simples: o cliente baixa o app da Zaitt em seu smartphone, e nele acessa uma chave de segurança que abre a loja através de um leitor em sua porta.

Lá dentro, produtos variados como bebidas, comidas, legumes, carnes e muito mais podem ser selecionados pelo cliente sem qualquer mediação humana.

Após escolher o produto, basta aproximar o celular do código e registrar sua compra.

Ao fim, mais um registro confirma o controle da cobrança pelo sistema do aplicativo.

O processo é rápido e funcional, e a única parte que realmente precisa do trabalho humano, segundo Renato Antunes, um dos quatro sócios da Zaitt, é na reposição do estoque.

Para dar certo de fato, porém, o sistema precisa contar com a honestidade das pessoas, pois não há segurança que confirme que o cliente não levou um produto sem registra-lo.

Segundo Renato, no entanto, a aposta é mesmo essa, e não houve nenhuma ocorrência de roubo no primeiro mês de funcionamento da loja.

Para proporcionar uma experiência de compra com o menor atrito possível ao consumidor, a Zaitt conta 24h com a ajuda de muita tecnologia.

Câmeras com sensores monitoram cada ação e reconhecem quem está no mercado em tempo real.

Na Zaitt, o cliente está no centro da conversa, começando pela abertura e fechamento sendo feitas por ele mesmo de duas formas após baixar o aplicativo do mercado e fazer o cadastro: pela leitura via aplicativo do reconhecimento facial ou do QR Code no totem, ambos disponíveis ao lado da entrada.