Últimas notícias

Fique informado

Hospital SickKids é afetado por violação de 3,4 milhões dados do BORN Ontario

27 de setembro de 2023

Spotlight

A Transformação Digital do Mercado Imobiliário: Blockchain, Moedas digitais, Cartórios e o Futuro

A tecnologia blockchain tem despertado interesse devido ao seu potencial disruptivo em vários setores, incluindo o setor imobiliário.

8 de abril de 2024

Empresa de Israel traz tecnologia de ponta em cibersegurança para o mercado brasileiro

Com o potencial de crescimento do mercado brasileiro e sua consequente inserção no ambiente digital, os fundadores da Cysfera decidiram trazer as inovações de ponta israelenses ao cenário nacional.

3 de abril de 2024

Do primeiro Robô Advogado ao ChatGPT: Você sabe como as IAs podem impactar o futuro do setor jurídico?

Assista o webinar na íntegra, gratuitamente pelo canal oficial da doc9 no YouTube e obtenha insights essenciais sobre como aproveitar ao máximo as tecnologias emergentes e manter vantagem competitiva neste setor em constante evolução.

28 de março de 2024

AX4B: 64% das empresas brasileiras não possuem soluções corporativas de antivírus, apesar do aumento de 7% nos ataques cibernéticos

A AX4B acaba de divulgar os resultados de sua mais recente pesquisa sobre a situação da segurança cibernética no Brasil.

26 de março de 2024

O Hospital for Sick Children (SickKids), o principal hospital pediátrico canadense, foi afetado pela recente violação de dados do BORN Ontario.

A violação, que impactou 3,4 milhões de pessoas, foi causada pela exploração de uma vulnerabilidade de zero day no software Progress MOVEIt Transfer.

A SickKids divulgou que compartilha informações pessoais de saúde com o BORN Ontario relacionadas à gravidez, parto e cuidados com o recém-nascido. Os dados expostos podem incluir nome completo, endereço residencial, código postal, data de nascimento e número do cartão de saúde.

A BORN criou uma página web com detalhes sobre o impacto que a violação teve sobre seus pacientes e quem provavelmente será afetado pelo roubo de dados. A SickKids também orientou seus pacientes e associados a visitar a página web da BORN para descobrir se foram afetados.

A violação de dados do BORN Ontario foi descoberta em 14 de julho de 2023. A BORN fechou o sistema afetado em 15 de julho e contratou uma empresa de segurança cibernética para investigar o incidente.

A investigação concluiu que a violação foi causada pela exploração de uma vulnerabilidade de zero day no software Progress MOVEIt Transfer. A vulnerabilidade permitia que um invasor assumisse o controle de um sistema remoto sem autenticação.

Os dados expostos das pessoas afetadas pela violação de dados do BORN Ontario incluíam, no mínimo:

  • Nome completo
  • Endereço residencial
  • Código postal
  • Data de nascimento
  • Número do cartão de saúde

Dependendo do tipo de atendimento recebido pelo BORN, os dados expostos também podem ter incluído:

  • Datas de serviço/atendimento
  • Resultados de testes de laboratório
  • Fatores de risco na gravidez
  • Tipo de nascimento
  • Procedimentos
  • Resultados da gravidez e do parto

A BORN informou que está trabalhando com as autoridades policiais e de segurança cibernética para investigar a violação. O BORN também está oferecendo serviços de monitoramento de crédito e assistência de identidade às pessoas afetadas.

A violação de dados do BORN Ontario é um lembrete de que os dados de saúde são um alvo valioso para os cibercriminosos. Os indivíduos devem estar cientes dos riscos de segurança associados ao compartilhamento de seus dados de saúde e devem tomar medidas para proteger sua privacidade.

Osetor de saúde é um dos alvos priorizados pelos grupos hackers, uma vez que uma das estratégias de extorsão das ações de Ransomware é atacar as operações críticas para que a urgência da liberação dos dados bloqueados acelere o pagamento do resgate além de gerar mais valor para a ação.

Sobre o cenário brasileiro e mundial dos ataques de Ransomware sofridos pelas instituições de saúde, nossas diretoras e sócias fundadoras do Crypto ID, Regina Tupinambá e Susana Taboas, conversaram com Sérgio Muniz Diretor de Gestão de Acesso e Identidades da Thales para América Latina e com Octavio Cazonato Neto que é Gerente de Tecnologia da Informação e Comunicação – TIC do Grupo Trasmontano.

Entrevista com Sérgio Muniz e Octavio Cazonato Neto sobre o cenário brasileiro da cibersegurança no setor de saúde – Parte I

Entrevista com Sérgio Muniz e Octavio Cazonato Neto sobre o cenário brasileiro da cibersegurança no setor de saúde – Parte II

Banner Saúde

Somos o maior portal brasileiro sobre Criptografia e Identificação Digital.

Com uma década de existência, temos um público de cerca de 2 milhões de leitores por ano.

As empresas que nos apoiam e nossos colunistas ajudam a criar um mundo digital mais seguro, confiável e tranquilo.

Acompanhe o Crypto ID nas redes sociais!

Você quer acompanhar nosso conteúdo? Então siga nossa página no LinkedIn!