Últimas notícias

Fique informado
ANS discute venda online de planos de saúde

ANS discute venda online de planos de saúde

26 de julho de 2016

Spotlight

O Halving do Bitcoin: Entendendo o Evento que Redefine a Oferta da Criptomoeda. Por Susana Taboas

Uma visão geral do que é o halving do Bitcoin e sua importância no contexto da economia digital.

17 de abril de 2024

Bertacchini da Nethone compartilha sua visão sobre o cenário atual de fraudes digitais

Tivemos a oportunidade de conversar com Bertacchini, especialista em Desenvolvimento de Negócios Sênior na Nethone, sobre como as empresas podem se blindar contra ciberameaças.

17 de abril de 2024

Do primeiro Robô Advogado ao ChatGPT: Você sabe como as IAs podem impactar o futuro do setor jurídico?

Assista o webinar na íntegra, gratuitamente pelo canal oficial da doc9 no YouTube e obtenha insights essenciais sobre como aproveitar ao máximo as tecnologias emergentes e manter vantagem competitiva neste setor em constante evolução.

28 de março de 2024

AX4B: 64% das empresas brasileiras não possuem soluções corporativas de antivírus, apesar do aumento de 7% nos ataques cibernéticos

A AX4B acaba de divulgar os resultados de sua mais recente pesquisa sobre a situação da segurança cibernética no Brasil.

26 de março de 2024

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) reuniu mais de 100 representantes de prestadores de saúde, operadoras e entidades de defesa do consumidor na primeira reunião do Grupo Técnico Interáreas, coordenado pelas diretorias de Desenvolvimento Setorial, de Normas e Habilitação de Produtos e de Fiscalização.

A pauta da reunião, realizada em 14 de julho no Rio de Janeiro, foi a regulamentação das vendas de planos de saúde online e os usos e Mecanismos Financeiros de Regulação (coparticipação e franquia).

O tema certamente terá grande impacto no mercado profissional de corretores de seguro saúde. Segundo dados da ANS, o Brasil tem 48 milhões de planos de saúde de assistência médica  e 21,7 milhões de assistência odontológica, desses 66% são planos coletivos empresariais, 20% familiares e 13,44% por adesão, sendo que os estados do Sudeste representam 30% desse total. Eles são geridos por 1.320 operadoras de saúde em atividade no Brasil.

As diretoras da ANS, Martha Oliveira, Simone Freire e Karla Coelho iniciaram o encontro explicando o objetivo do grupo. Segundo elas, o encontro foi uma oportunidade de debate sobre os temas emergentes da saúde suplementar de forma integrada. As diretoras destacaram ainda que as soluções colaborativas são mais eficientes por se adaptarem à realidade do setor.

A diretora-adjunta de Desenvolvimento Setorial, Michelle Mello e o diretor-adjunto de Normas e Habilitação das Operadoras, Cesar Serra, acompanhados do vice-presidente da Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico, Leonardo Palhares, do Head BX da seguradora Youse, Gustavo Zobaran e do diretor da Amil, Paulo Jorge Rascão, participaram do debate sobre as vendas de planos de saúde online.

LEONARDO PALHARES CRYPTOID

Dr. Leonardo Palhares | Vice-presidente da Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico

Palhares tratou do uso da informação, do e-commerce e das rupturas trazidas pela tecnologia em face aos desafios regulatórios. Zobaran apresentou um benchmarking da empresa Youse, uma seguradora (automóveis, vida e residência) 100% virtual.

Ele destacou a evolução do mercado de seguros e da atual mudança de foco, que deixa de ser em um portfólio baseado em produtos para um portfólio adaptável ao cliente. Já Rascão apresentou o protótipo da Amil para a venda online de planos de saúde e a experiência da empresa na venda online de planos exclusivamente odontológicos.

Na segunda parte do encontro, a diretora-adjunta de Normas e Habilitação dos Produtos, Carla de Figueiredo Soares, e o Gerente-Geral de Fiscalização, Frederico Villela, representaram a ANS e coordenaram o debate sobre coparticipação e franquia. Carla apresentou um panorama sobre os mecanismos financeiros de regulação e destacou os três pilares que devem basear a discussão: clareza contratual, definição clara de limites, modelagem contratual da franquia e coparticipação e delimitação da incidência dos fatores moderadores. Villella apresentou os conceitos de coparticipação e franquia com os quais a regulação da ANS trabalha e o arcabouço legal e normativo do tema em questão.

César Lopes, consultor da Towers Watson Brasil, Solange Beatriz, presidente da FenaSaúde e  José Lumertz, do Instituto Brasileiro de Atuária, foram convidados para compor a mesa. Lopes apontou dados sobre coparticipação, franquia e outros fatores moderadores, em planos coletivos empresariais no Brasil e nos Estados Unidos. Solange Beatriz defendeu que o beneficiário precisa ser estimulado a zelar pelo controle do uso do plano de saúde. E Lumertz encerrou o encontro apresentando um panorama sobre a coparticipação no Brasil e as consequências desse instrumento.

Acesse a apresentação do Dr. Leonardo Palhares

 

Outras apresentações da ANS

A próxima reunião do grupo está marcada para 5 de setembro, no Rio de Janeiro, e terá transmissão ao vivo pelo Periscope e pelo Twitter da ANS. (Com informações da assessoria da ANS).

Fonte: Fórum Saúde Digital

CATEGORIAS

Destaques Notícias