Últimas notícias

Fique informado

Cirurgia realizada com óculos de realidade aumentada será transmitida em tempo real

20 de setembro de 2022

Spotlight

Nuvens Tempestuosas: Navegando pelo Panorama Complexo da Cibersegurança na Nuvem

Enquanto as organizações migram cada vez mais dados e serviços para a nuvem, a complexidade e a magnitude das ameaças cibernéticas também crescem.

15 de maio de 2024

Cancelamento de hipotecas – Assinatura avançada versus qualificada – Parte II

Essa segunda parte discute os padrões e requisitos para o processamento eletrônico de documentos no registro de imóveis no Brasil.

15 de maio de 2024

Cancelamento de hipotecas – Assinatura avançada versus qualificada – Parte I

Questão das assinaturas eletrônicas no Registro de Imóveis é incerta, mesclando aspectos tecnológicos e jurídicos.

14 de maio de 2024

Por que é tão complexo se proteger de ataques cibernéticos? Por Rodrigo Fragola

“A meta agora não é alcançar segurança absoluta, mas sim segurança relativa no mercado em que se atua.” Fragola

13 de maio de 2024

Edmar Araujo, o novo diretor-executivo da ANCD concede sua 1ª entrevista ao Crypto ID

Edmar Araujo diretor-executivo da Associação Nacional de Certificação Digital e fala com exclusividade ao Crypto ID.

13 de maio de 2024

Confira 7 dicas para a redução do uso de papel nas empresas

São sete dicas essenciais para ajudar as empresas a reduzirem o uso de papel e promoverem práticas mais sustentáveis.

9 de maio de 2024

Com uso de óculos de realidade aumentada, ele transmite, em tempo real, exatamente o seu campo de visão durante a cirurgia

Simuladores médicos. Cirurgias robóticas. Telemedicina e mais outros tantos aparatos tecnológicos têm transformado o setor de saúde nos últimos anos.

No Brasil, segundo estudo da consultoria PwC, as startups de saúde, conhecidas como healthtechs, cresceram 16,1% durante o período entre 2019 e 2022. 

E, agora, começa mais uma evolução com as tecnologias do metaverso. Dados da Accenture apontam que 80% dos profissionais de saúde acreditam nos impactos positivos da realidade aumentada e da realidade virtual no setor.

Dentre as vantagens, a capacitação médica é uma das mais citadas. “Equipes cirúrgicas, por exemplo, podem aprender novos procedimentos sem precisar estar fisicamente na mesma sala de cirurgia”, afirma Kaveh Safavi, diretor da Accenture Health.

É justamente essa inovação que o médico Renato Souza, fundador do Ambulatório de Rinoplastia da Otorrinolaringologia da Santa Casa de Belo Horizonte, traz para o ensino dos cirurgiões.

Com uso de óculos de realidade aumentada, ele transmite, em tempo real, exatamente o seu campo de visão durante a cirurgia.

Ou seja, o aluno, que está fora do bloco cirúrgico, consegue acompanhar a rinoplastia por meio das imagens captadas pelos olhos do cirurgião.

É possível ver todos os detalhes das técnicas utilizadas. A tecnologia garante um ângulo de visão melhor até mesmo que o registrado no acompanhamento presencial.

E tem mais, por meio da realidade virtual, é possível interagir e tirar dúvidas. 

Há outros pontos positivos. O registro em vídeo das imagens com realidade aumentada contribui para o acompanhamento e estudos pós-cirúrgicos. 

Liderança na rinoplastia 

O Brasil é líder em rinoplastia no mundo, segundo a Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica Estética (ISAPS). Em 2020, foram realizadas 87.879 cirurgias plásticas dessa modalidade no Brasil. Essa posição de liderança é acompanhada pelo uso das melhores técnicas no procedimento.

Otorrinolaringologista com atuação exclusiva em rinosseptoplastia estética, reparadora e funcional, o médico Renato Souza se tornou referência nessas cirurgias e é sempre procurado por profissionais que buscam aperfeiçoar o procedimento.

Foi a partir da demanda por uma melhora na didática que Souza combinou duas tecnologias para fazer, de maneira inédita, uma cirurgia com o uso de dispositivos de realidade aumentada.

Renato Souza é titular da Academia Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial, e da Academia Brasileira de Cirurgia Plástica Facial, além de ser membro da da International Federation of Facial Plastic Surgery Societies e da Rhino

Os óculos RealWear Navigator captam, com precisão, o campo de visão do cirurgião, e transmitem, permitindo que o aluno acompanhe os detalhes, como se ele estivesse fazendo a cirurgia.

É uma vivência de aprendizado completa, com uso inédito de realidade aumentada. 

E tem mais aparatos tecnológicos inovadores. Com a combinação de outro dispositivo, o hands overlay, o aluno, além de assistir e ouvir tudo que acontece durante a cirurgia, poderá interagir, levantando dúvidas e outras questões com relação aos procedimentos realizados naquele instante.

Com essa interação completamos a didática necessária para que o aluno tenha segurança e conhecimento para fazer uma rinoplastia de excelência”, afirma.

Health Insights Day acontece em São Paulo

Aplicação da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) em clínicas e hospitais

A Tecnologia biométrica está reinventando a identificação do paciente, melhorando o atendimento e reduzindo erros em ambientes clínicos

Como garantir a cibersegurança na área da saúde