Últimas notícias

Fique informado

Os chats e chamadas criptografadas de ponta a ponta do Messenger estão disponíveis para todos

28 de janeiro de 2022

Spotlight

Governo Federal apoia Rio Grande do Sul na emissão 2ª via da Carteira de Identidade Nacional

O mutirão coordenado pelo Governo do RS começou nos abrigos de Porto Alegre. Expedição da segunda via será imediata

20 de maio de 2024

Você pode apertar um botão e ativar a criptografia de proteção de privacidade sem perder recursos

O Messenger adicionou bate-papo criptografado de ponta a ponta (E2EE) em 2016, quando ainda era chamado de Facebook Messenger, e o Meta ainda era Facebook.

Agora muitas coisas mudaram, mas o recurso opcional é totalmente implementado para todos, com alternâncias para criptografar mensagens de texto, bem como bate-papos e chamadas em grupo.

A Meta discutiu a mudança para o E2EE – End-to-end encryption, como padrão, mas isso pode não acontecer até o próximo ano, já que alguns reguladores afirmam que isso prejudicaria a segurança pública.

O que é criptografia E2EE?

End-to-end encryption ou criptografia de ponta a ponta (E2EE) é um método de comunicação segura que impede que terceiros acessem dados enquanto são transferidos de um sistema final ou dispositivo para outro.

No E2EE, os dados são criptografados no sistema ou dispositivo do remetente e apenas o destinatário pretendido pode descriptografá-los. À medida que viaja para o seu destino, a mensagem não pode ser lida ou adulterada por um fornecedor de serviços de Internet (ISP), fornecedor de serviços de aplicações, hacker ou qualquer outra entidade ou serviço.

Muitos provedores de serviços de mensagens populares já usam criptografia de ponta a ponta, incluindo Facebook, WhatsApp e Zoom. 

Como utilizar a criptografia no Messenger?

Existem duas maneiras pelas quais os usuários do Messenger podem optar pelos bate-papos seguros, seja pelo modo de desaparecimento, deslizando para cima em um bate-papo existente para inserir um onde as mensagens desaparecem automaticamente quando a janela é fechada ou a versão original que foi introduzida em 2016 como Conversas secretas. Você pode ativar isso alternando o ícone de cadeado ao iniciar um novo bate-papo.

Além de um lançamento completo do recurso, o Messenger também possui alguns novos recursos para habilitar. Agora, em bate-papos criptografados de ponta a ponta, você pode usar GIFs, adesivos, reações e toques longos para responder ou encaminhar mensagens. Os bate-papos criptografados agora também suportam crachás verificados para que as pessoas possam identificar contas autênticas.

Você também pode salvar a mídia trocada nos bate-papos, e há uma notificação de captura de tela no estilo Snapchat que será lançada nas próximas semanas.

Com informações do The Verge.

Dos hieróglifos ao WhatsApp: a importância da criptografia

Key Reinstallation Attacks Breaking WPA2 by forcing nonce reuse

Crypto ID é o maior canal sobre criptografia no Brasil!

O QUE É CRIPTOGRAFIA?

A criptografia protege a segurança pessoal de bilhões de pessoas e a segurança nacional de países ao redor do mundo.

A criptografia de ponta-a-ponta (end-to-end encryption ou E2EE) é um recurso de segurança que protege os dados durante a troca de mensagens, de forma que o conteúdo só possa ser acessado pelos dois extremos da comunicação: o remetente e o destinatário. 

Criptografia Simétrica

Criptografia Simétrica utiliza uma chave única para cifrar e decifrar a mensagem. Nesse caso o segredo é compartilhado.

Criptografia Assimétrica

Criptografia Assimétrica utiliza um par de chaves: uma chave pública e outra privada que se relacionam por meio de um algoritmo.  O que for criptografado pelo conjunto dessas duas chaves só é decriptografado quando ocorre novamente o match.  

Criptografia Quântica

Criptografia Quântica utiliza algumas características fundamentais da física quântica as quais asseguram o sigilo das informações e soluciona a questão da Distribuição de Chaves Quânticas – Quantum Key Distribution.

Criptografia Homomórfica

Criptografia Homomórfica refere-se a uma classe de métodos de criptografia imaginados por Rivest, Adleman e Dertouzos já em 1978 e construída pela primeira vez por Craig Gentry em 2009. A criptografia homomórfica difere dos métodos de criptografia típicos porque permite a computação para ser executado diretamente em dados criptografados sem exigir acesso a uma chave secreta. O resultado de tal cálculo permanece na forma criptografada e pode, posteriormente, ser revelado pelo proprietário da chave secreta.