Últimas notícias

Fique informado

Dicas da DigiCert para o Natal: como fazer compras online sem cair em golpes

20 de dezembro de 2022

Spotlight

Bertacchini da Nethone compartilha sua visão sobre o cenário atual de fraudes digitais

Tivemos a oportunidade de conversar com Bertacchini, especialista em Desenvolvimento de Negócios Sênior na Nethone, sobre como as empresas podem se blindar contra ciberameaças.

17 de abril de 2024

A Transformação Digital do Mercado Imobiliário: Blockchain, Moedas digitais, Cartórios e o Futuro

A tecnologia blockchain tem despertado interesse devido ao seu potencial disruptivo em vários setores, incluindo o setor imobiliário.

8 de abril de 2024

Empresa de Israel traz tecnologia de ponta em cibersegurança para o mercado brasileiro

Com o potencial de crescimento do mercado brasileiro e sua consequente inserção no ambiente digital, os fundadores da Cysfera decidiram trazer as inovações de ponta israelenses ao cenário nacional.

3 de abril de 2024

Do primeiro Robô Advogado ao ChatGPT: Você sabe como as IAs podem impactar o futuro do setor jurídico?

Assista o webinar na íntegra, gratuitamente pelo canal oficial da doc9 no YouTube e obtenha insights essenciais sobre como aproveitar ao máximo as tecnologias emergentes e manter vantagem competitiva neste setor em constante evolução.

28 de março de 2024

AX4B: 64% das empresas brasileiras não possuem soluções corporativas de antivírus, apesar do aumento de 7% nos ataques cibernéticos

A AX4B acaba de divulgar os resultados de sua mais recente pesquisa sobre a situação da segurança cibernética no Brasil.

26 de março de 2024

A importância da nuvem em um sistema de softwares de gestão

Mais segurança contra sinistros, proteção dos dados e informações, e mais agilidade são algumas das vantagens da nuvem

20 de dezembro de 2022

Brasileiros confiam mais no setor de tecnologia do que na média global, diz estudo da Edelman

Pesquisa feita em 15 países abordou diversos tópicos que apontam otimismo ou desconfiança no setor de tecnologia

19 de dezembro de 2022

ESET descobre ransomware dirigido à Ucrânia

Detectada nova campanha de ransomware direcionada a organizações ucranianas e que estaria relacionada ao grupo Sandworm

19 de dezembro de 2022

O retorno dos Cavalos de Troia: ciberataques com ransomware e phishing

Emotet, um dos mais nocivos Cavalos de Troia, voltou ao ranking global, ficando apenas atrás do AgentTesla, segundo Check Point Research

19 de dezembro de 2022

Mercado financeiro: como a tecnologia impacta a comunicação crítica?

A tendência no mercado é a de que o uso massivo da tecnologia gere conexões mais diretas, dispensando infraestruturas complexas

15 de dezembro de 2022

Apesar do cenário problemático, existem maneiras simples de garantir segurança e tranquilidade ao realizar compras online nesse Natal

Por Dean Coclin

online
Dean Coclin, diretor sênior de Desenvolvimento de Negócios da DigiCert

É a época mais maravilhosa do ano – pelo menos para aqueles que não estão sofrendo ataques hackers em suas compras online.

A Pesquisa de Confiança Digital DigiCert 2022 mostra que mais da metade (57%) dos consumidores entrevistados sofreram ataques de segurança cibernética.

Os principais ataques incluem hacks de contas, exposição de senhas e roubo de contas bancárias ou de crédito.

Menos da metade dos consumidores entrevistados disse que sua confiança digital nas organizações com as quais lidam é maior do que no passado, e 54% dizem que há espaço para melhorias.

Apesar do cenário assustador, existem maneiras simples de garantir que suas compras online sejam seguras e que você fique tranquilo enquanto compra on-line o presente perfeito. Aqui estão nossas principais dicas para compras seguras neste Natal.

Não clique em links desconhecidos

A maneira mais comum que os cibercriminosos usam para enganar você nesta temporada de festas é enviando e-mails de phishing com links que fingem levá-lo a algum lugar que eles não vão. Embora possa ser tentador ver a oferta interessante que eles enviaram, é melhor prevenir do que remediar.

Uma boa saída é copiar manualmente o link e inspecioná-lo antes de colar em um navegador da web, para que você possa ver se o link o vai de fato direcionar você ao site do varejista. O mesmo conselho vale para clicar em links por meio de resultados de pesquisa.

Certifique-se de saber para onde o link o está levando antes de clicar ou, melhor ainda, digite a URL do site do varejista na barra de endereço sempre que possível.

Verifique se o site é seguro

Você provavelmente já ouviu falar em procurar o cadeado para confirmar que um site é seguro. No entanto, cada navegador exibe esses sites autorizados de maneira diferente, o que pode causar alguma confusão.

URLs de sites que começam com HTTPS:// acompanhados pelo ícone de cadeado têm TLS/SSL (segurança da camada de transporte/camada de soquetes seguros), e os consumidores devem clicar no cadeado para revisar as informações do certificado e confirmar se o site usa criptografia TLS antes de inserir seus Informação do cartão de crédito.

Não custa nada dar uma olhada no site para ver se eles parecem legítimos. Se você vir uma página de termos e condições, revisões, boa ortografia e gramática, um selo de site seguro e seguidores nas mídias sociais, todos esses são indicadores de que o site pode ser confiável.

Não use Wi-Fi público

O Wi-Fi público gratuito é comum e muitas vezes nem exige uma senha, facilitando o acesso dos cibercriminosos aos seus arquivos e informações pessoais.

Muitas dessas conexões estão subprotegidas, por isso é melhor usar uma conexão Wi-Fi pessoal, hotspot pessoal ou rede privada virtual (VPN) ao acessar qualquer tipo de informação privada online, como uma conta bancária ou inserir informações de cartão de crédito para comprar.

Não compartilhe demais

Quando chegar a hora de se inscrever para obter um desconto ou entrar para comprar, serão solicitadas informações padrão. Os varejistas nunca precisarão de informações pessoais, como número do seguro social ou aniversário, para concluir uma compra, portanto, forneça o mínimo de informações necessárias.

Se um contato entrar procurar você sobre uma compra por mensagem de texto ou e-mail, não clique no link nem se apresse em fornecer informações adicionais até que você possa confirmar que a pessoa ou empresa realmente é quem diz ser.

Atualize seu software

Os cibercriminosos podem explorar pontos fracos quando você não mantém seu software atualizado. Verifique se o seu navegador está totalmente atualizado, além de evitar softwares ou plug-ins suspeitos. Mantenha seus computadores, telefones e tablets atualizados também.

Atualize regularmente seus programas antivírus para se proteger contra coisas como malware de cavalo de Tróia.

Gerencie e proteja suas senhas

Muitos varejistas exigem que você crie uma conta para concluir sua compra online. Se o check-out do convidado for uma opção, use-a. Para contas com senhas, crie senhas fortes, utilize a autenticação multifator quando disponível e não repita as senhas.

Um gerenciador de senhas que criptografa senhas é uma ótima opção para ajudar a salvar senhas que você pode esquecer sem comprometer a segurança.

Fique de olho nas atualizações do pedido

Enquanto aguarda sua compra chegar pelo correio, seja diligente – verifique as atualizações de rastreamento e certifique-se de que seu pacote realmente chegue. Salve os detalhes de confirmação do pedido e esteja pronto para entrar em contato com o comerciante, se necessário.

Além disso, fique de olho nos extratos bancários em busca de cobranças fraudulentas para garantir que você não seja cobrado por algo que não comprou.

Use o bom senso nesse Natal

Se um acordo parece bom demais para ser verdade, provavelmente não é. Se um site parece incompleto, você nunca ouviu falar do varejista antes ou não consegue encontrar nenhuma outra evidência de presença online, não confie nele.

Essas dicas podem evitar que você seja vítima de um golpe cibernético, mas, em última análise, é preciso bom senso, vigilância e alfabetização digital para salvá-lo dos perigos online.

Embora possa parecer arriscado fazer compras online nesta temporada de festas, lembre-se de que essas etapas simples ajudarão a proteger você e seus dados pessoais. Logo, não há razão para não aproveitar a conveniência e acessibilidade de fazer compras online – aproveite as facilidades do mundo digital!

Sobre a DigiCert, Inc.

A DigiCert é fornecedora líder mundial de soluções escalonáveis TLS/SSL e PKI para identidade e criptografia. As empresas mais inovadoras, incluindo 89% das empresas da Fortune 500 e 97 dos 100 principais bancos globais, escolhem a DigiCert por sua experiência em identidade e criptografia para servidores da Web e dispositivos da Internet das Coisas.

A DigiCert oferece suporte a TLS/SSL e outros certificados digitais para implantações de PKI em qualquer escala por meio de sua plataforma de gerenciamento de ciclo de vida de certificados, CertCentral®. A empresa é reconhecida por sua plataforma de gerenciamento de certificados de nível empresarial, suporte ao cliente rápido e experiente e soluções de segurança líderes de mercado. Para obter as notícias e atualizações mais recentes da DigiCert, visite digicert.com ou follow@digicert.

Previsões da DigiCert sobre Segurança Digital em 2023

E-commerce no Natal: 5 dicas para alavancar suas vendas

Evite dar um presente de Natal para os cibercriminosos

Rio de Janeiro adota biometria neonatal como prevenção à sequestro e troca de bebês nas maternidades

“Abono Emergencial de Natal” de R$ 800 é golpe, alerta Kaspersky

O MAIOR CONTEÚDO SOBRE TLS/SSL NO BRASIL VOCÊ ENCONTRA NO CRYPTO ID. DESDE 2014!

Acesse aqui e saiba tudo sobre SSL ou TLS, esse protocolo de segurança que garante o sigilo das informações e identifica empresas no mundo eletrônico.

Somos o maior portal brasileiro sobre Criptografia e Identificação Digital.

Com uma década de existência, temos um público de cerca de 2 milhões de leitores por ano.

As empresas que nos apoiam e nossos colunistas ajudam a criar um mundo digital mais seguro, confiável e tranquilo.

Acompanhe o Crypto ID nas redes sociais!