Últimas notícias

Fique informado
FrenID e CEFIC discutem avanços na implementação da CIN

FrenID e CEFIC discutem avanços na implementação da CIN

10 de agosto de 2023

Spotlight

Bertacchini da Nethone compartilha sua visão sobre o cenário atual de fraudes digitais

Tivemos a oportunidade de conversar com Bertacchini, especialista em Desenvolvimento de Negócios Sênior na Nethone, sobre como as empresas podem se blindar contra ciberameaças.

17 de abril de 2024

A Transformação Digital do Mercado Imobiliário: Blockchain, Moedas digitais, Cartórios e o Futuro

A tecnologia blockchain tem despertado interesse devido ao seu potencial disruptivo em vários setores, incluindo o setor imobiliário.

8 de abril de 2024

Empresa de Israel traz tecnologia de ponta em cibersegurança para o mercado brasileiro

Com o potencial de crescimento do mercado brasileiro e sua consequente inserção no ambiente digital, os fundadores da Cysfera decidiram trazer as inovações de ponta israelenses ao cenário nacional.

3 de abril de 2024

Do primeiro Robô Advogado ao ChatGPT: Você sabe como as IAs podem impactar o futuro do setor jurídico?

Assista o webinar na íntegra, gratuitamente pelo canal oficial da doc9 no YouTube e obtenha insights essenciais sobre como aproveitar ao máximo as tecnologias emergentes e manter vantagem competitiva neste setor em constante evolução.

28 de março de 2024

AX4B: 64% das empresas brasileiras não possuem soluções corporativas de antivírus, apesar do aumento de 7% nos ataques cibernéticos

A AX4B acaba de divulgar os resultados de sua mais recente pesquisa sobre a situação da segurança cibernética no Brasil.

26 de março de 2024

Nesta quarta-feira, 9 de agosto, integrantes da Frente Parlamentar Mista para Garantia do Direito à Identidade (FrenID) e da Câmara Executiva Federal de Identificação do Cidadão (CEFIC), responsável pela governança da identificação da pessoa natural no âmbito da Administração Pública Federal e pelos procedimentos de emissão da Carteira de Identidade, estiveram reunidos no Palácio do Planalto, em Brasília-DF.

Com a pauta centrada em pontos estratégicos e na implementação da tão aguardada Carteira de Identidade Nacional (CIN), o encontro serviu como plataforma para discutir os avanços alcançados até o momento.

Da esquerda para a direita: Eduardo Lacerda, coordenador-geral de Identificação Civil (Secretaria de Governo Digital); Rogério Mascarenhas, secretário de Governo Digital; deputada Flávia Morais, coordenadora-geral da FrenID; Pedro Helena Pontual Machado, coordenador da CEFIC; e Carlos Antônio Lopes de Araújo, assessor especial da Secretaria Executiva da Casa Civil da Presidência da República.

Um dos principais tópicos abordados durante a reunião foi o cronograma para a adoção da CIN. Todas as unidades da federação terão até o dia 6 de novembro para iniciar a emissão do novo modelo de carteira de identidade.

Participaram da reunião o coordenador da CEFIC, Pedro Helena Pontual Machado, a coordenadora-geral da FrenID, deputada Flávia Morais, o secretário nacional de Governo Digital, Rogério Mascarenhas, o Coordenador-Geral de Identificação Civil da SGD, Eduardo Lacerda e o assessor especial da Secretaria Executiva da Casa Civil da Presidência da República, Carlos Antônio Lopes de Araújo.

Durante a reunião, foram compartilhados os avanços já alcançados no processo de implementação da CIN, incluindo a estruturação das bases de dados, tecnologias de segurança e os procedimentos de verificação de identidade. Além disso, os participantes destacaram a importância da colaboração entre as diferentes esferas governamentais e a sociedade civil para garantir o sucesso dessa empreitada.

O poder executivo federal tem ciência da necessidade de se estruturar para a implementação e funcionamento pleno do sistema de identificação do Brasil e que é necessário agir para que esteja tão logo pronto e disponível. Neste sentido, a FrenID se mostra atenta a essa necessidade pois entende que, além da ausência de identificação, outras mazelas sociais possam ser eliminadas, como fraudes ao erário e o desaparecimento de crianças.

Para o secretário-executivo da FrenID, Célio Ribeiro, a reunião com a CEFIC demonstrou o compromisso e a determinação em promover uma identificação mais segura, moderna e acessível para todos os brasileiros. Ribeiro acrescentou sobre a necessidade de que seja criada uma estrutura específica para essa missão.

Célio Ribeiro
Célio Ribeiro, diretor-presidente do InterID

Para que possamos assegurar o sucesso dessa iniciativa, é crucial estabelecer uma estrutura robusta no âmbito do governo federal. Essa estrutura, um núcleo de trabalho forte e atuante, deve ser dedicada exclusivamente ao tema da identificação, coordenando e colaborando de forma eficaz com as várias instituições envolvidas em todo o território nacional. Estamos falando do maior projeto de cidadania desse País. De uma Plataforma Social que estará disponível para toda a população. Não é um produto, é o Sistema de Identificação do Brasil e por isso deve estar acima de iniciativas menores existentes. Portanto, é imperativo que estabeleçamos uma abordagem colaborativa e coordenada entre o governo federal e os institutos de identificação das unidades da federação”, comentou.

Ação concreta da Frente Parlamentar, sob o condão da deputada Flávia Morais, será também, a de lutar por recursos com vistas a garantir que a emissão da CIN seja tão logo iniciada por todos os estados, bem como que não haja interrupções na sua condução. Por isso, entre as ações pretendidas está a de se propor emenda à Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para que as unidades da federação possam ter ainda mais repasse de verbas da União e, assim, conduzirem a emissão da nova carteira de identidade.

Foto de destaque: Pedro Helena Pontual Machado, coordenador da CEFIC, e a coordenadora-geral da FrenID, deputada federal Flávia Morais

Sobre InterID

O Instituto Internacional de Identificação – InterID foi constituído com o objetivo de unir esforços para que a identificação tenha voz e lugar entre os mais importantes decisores técnicos, políticos e sociais. Identificação é pauta prioritária da segurança pública e cidadania de incontáveis nações.

No entanto, vemos que esta não é a mesma realidade encontrada em diversos países, significando ônus incontáveis ao erário, políticas de distribuição de renda e redução da pobreza deficitárias, além de ambientes propícios a toda sorte de crimes contra o patrimônio privado e a ordem pública.

InterID tem entre suas metas criar espaço para que a sociedade participe, compreenda e aprenda que a identificação não se trata de mera obrigação dos nacionais. A Declaração Universal dos Direitos Humanos é clara: todos, sem exceção, têm direito de ser reconhecidos como pessoas perante a lei.
Noutras palavras, significa que qualquer um tem direito a ter direitos e essa máxima inicia-se com a devida identificação em todos os momentos da existência humana.

Por meio de nossos canais, você saberá muito mais sobre o InterID. Por ora, fica o convite para que participe de nossos eventos e para que nos ajude a disseminar este que é assunto de primeira ordem.

Você quer acompanhar nosso conteúdo? Então siga nossa página no LinkedIn!

CATEGORIAS

Govtech Identidade