Últimas notícias

Fique informado

Digitalização financeira no Brasil: DREX e seu potencial de tokenização da economia

25 de novembro de 2023

Spotlight

Doc9 lança Guia Prático de Prompts para ChatGPT no Jurídico: Como Maximizar a Eficiência com a Inteligência Artificial

Para obter os melhores resultados com o ChatGPT no contexto jurídico, siga as dicas importantes do Guia Prático de Prompts da doc9.

28 de maio de 2024

Governo Federal apoia Rio Grande do Sul na emissão 2ª via da Carteira de Identidade Nacional

O mutirão coordenado pelo Governo do RS começou nos abrigos de Porto Alegre. Expedição da segunda via será imediata

20 de maio de 2024

Pesquisa mostra que hackers criaram mais de 130.000 contas para mineração de criptomoedas

Os hackers utilizam determinadas plataformas que, no pico de suas operações, criavam de 3 a 5 contas por minuto para cripto mineração

9 de janeiro de 2023

Você sabe o que é Rug Pull? Previna-se do golpe que mais cresce entre criptomoedas 

O que faz o golpe Rug Pull ser bem-sucedido é que na maioria dos casos não é fácil identificar que se trata de uma fraude

2 de janeiro de 2023

Tecnologia ICP-Brasil no mercado financeiro brasileiro

Muitas formas de cadastramento das assinaturas manuscritas dos correntistas e do reconhecimento dessas assinaturas foram evoluindo ao longo do tempo. 

26 de setembro de 2022

Além de digitalizar o Real, a ideia do Banco Central é transformar bens e direitos em representações digitais

Jonatas Montanini, CGO e Co-Founder da Zuvia

Nos últimos anos, a digitalização financeira fez com que diversos países investissem na criação de suas CBDC, sigla para Central Bank Digital Currency – ou Moeda Digital Emitida por Banco Central.

Basicamente, trata-se de uma versão virtual da moeda do país, usada para realizar compras, estipular o valor de um produto, guardar para o futuro, entre outras finalidades.

Para se ter uma noção de como as moedas digitais representam o futuro do mercado financeiro, um total de 130 países, que juntos representam 98% do PIB global, estão atualmente explorando essa tecnologia em seus respectivos bancos centrais, segundo estudo do Atlantic Council dos Estados Unidos, um think tank de relações internacionais.

O Brasil não está fora desta tendência. O país está testando sua nova moeda digital, o DREX, ou Digital Real Exchange, uma inovadora representação digital da moeda oficial do Brasil, o Real.

Jonatas Montanini, CGO e Co-Founder da Zuvia, empresa que atua com Tokenização, blockchain, criptomoedas e distribuição de ativos digitais, explica que, o Drex emerge como uma representação digital do mundo físico, operando e sendo supervisionado sob a tutela do Bacen e garantido pela segurança do blockchain. Esta moeda digital mantém uma equivalência direta com o real, adotando a relação fixa de 1 para 1 (R$ 1 = RD$ 1).

Além de digitalizar o Real, a ideia do Banco Central é avançar na tokenização do sistema. É importante diferenciar a digitalização de moedas, que se refere a uma conversão direta do formato físico para o digital, ou seja, 1 Drex será sempre igual a 1 real, da tokenização que é a transformação de bens e direitos em representações digitais, ou tokens, dentro de uma blockchain.

Assim, o impacto do DREX na tokenização é proeminente e tem grande potencial para impulsioná-la, uma vez que introduz uma forma digitalizada do Real.

Segundo Montanini, a plataforma oferece uma estrutura robusta para a criação e negociação de tokens representativos da moeda brasileira, promovendo a digitalização dos ativos financeiros de forma mais ampla.

Ao oferecer uma solução inovadora, ele pode catalisar a aceitação e integração de ativos financeiros tokenizados, facilitando transações e promovendo a inclusão financeira.

A tokenização do sistema financeiro nacional com o DREX pode agilizar substancialmente as transações. A representação digital da moeda simplifica processos, proporcionando eficiência e praticidade, além de reduzir os custos associados às transações financeiras.

Além disso, a infraestrutura do Banco Central foi desenvolvida considerando a transição para o formato digital. Sua compatibilidade com estruturas de tokens existentes garante uma transição suave, promovendo a interoperabilidade e estabelecendo as bases para um ecossistema financeiro digital coeso e modernizado.

Sobre a Zuvia

A Zuvia Digital Assets é um marketplace de ativos digitais que oferece tokenização, criptomoedas, renda fixa digital e crowdfunding. Criada em setembro de 2022, a empresa foi fundada por entusiastas da tecnologia com a missão de democratizar as finanças digitais, além de promover a educação financeira para pessoas e empresas de todos os níveis, zelando pela transparência de informações e segurança nas transações.

A Origem e Evolução do Dinheiro: DREX Já Parou Pra Pensar?

Drex: quais são os principais pilares de segurança para a proteção da moeda digital brasileira?

Por que a tokenização de ativos é o nicho mais promissor da Web 3.0?

Crypto ID trilhou um caminho incrível!

Em novembro de 2024 completaremos uma Década De Sucesso!

Desde o seu início, temos sido acompanhados por uma comunidade apaixonada e engajada, que cresce a cada ano. Com dois milhões de seguidores por ano, nossa jornada é marcada por conquistas, inovação e colaboração.

As empresas mantenedoras têm sido pilar fundamental para o nosso crescimento contínuo. Seu apoio nos permite manter a qualidade e a relevância das informações que compartilhamos. Agradecemos a cada uma delas por acreditar na nossa missão e nos ajudar a construir uma comunidade forte e informada. Contamos com a colaboração de um excepcional time de colunistas! São eles que trazem insights, análises e opiniões valiosas para os nossos leitores. Com suas vozes únicas, eles enriquecem o conteúdo do Crypto ID e nos ajudam a manter a excelência. E não podemos esquecer de parcerias incríveis que temos com as Assessorias de Imprensa que nos fornecem informações detalhadas e atualizadas sobre as empresas que atendem.

À medida que nos aproximamos de mais um aniversário, renovamos nosso compromisso com a segurança digital, a privacidade e a tecnologia. Obrigado a todos que fazem parte dessa incrível jornada!

Juntos trabalhamos por um mundo digital com mais sigilo, identificação, segurança e gestão gerando confiança para que empresas, máquinas e pessoas possam confiar umas nas outras.

TAGS

drex