Últimas notícias

Fique informado

Conselho de Cibersegurança da CompTIA visa fortalecer a defesa cibernética do Brasil

05/02/2020

Spotlight

A MP 983 e a classificação das assinaturas eletrônicas: comparação com a MP 2.200-2 | Por Fabiano Menke

Em 16 de junho de 2020 foi editada a Medida Provisória nº 983 (MP 983), que dispõe sobre as assinaturas eletrônicas em comunicações com entes públicos e em questões de saúde, e trata sobre as licenças de softwares desenvolvidos por entes públicos.

29/06/2020

Brasília receberá maior evento de Segurança e Defesa do país

O evento foi concebido para promover o debate de assuntos da Defesa e Segurança entre as Forças Armadas e de Segurança Pública.

19/06/2019

Política de Defesa Cibernética será avaliada pela Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional

A Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE) decidiu nesta quinta-feira (9) avaliar durante o ano de 2019 a Política de Defesa Cibernética, que está sob a alçada do Exército brasileiro

09/05/2019

A criação de um esforço para melhorar o ambiente de cibersegurança no país, é um reflexo da necessidade que o governo e as empresas enfrentam contra as ameaças existentes, e traz à tona reflexões sobre como mudar o cenário atual com a elaboração de novas leis

Pensando nisso, a CompTIA (The Computing Technology Industry Association), principal associação da indústria de tecnologia no mundo, e líderes do setor de tecnologia, além da comunidade empresarial brasileira, formaram o Conselho Empresarial de Segurança Cibernética da CompTIA no Brasil (CSEC).

O CSEC inclui executivos de diversas organizações, todas ligadas à setores críticos de infraestrutura e cibersegurança, como serviços bancários e financeiros; consultoria e serviços profissionais; defesa; varejo; aço e telecomunicações.

Leonard Wadewitz – Diretor de desenvolvimento de negócios da CompTIA na América do Sul e no Caribe

“As organizações estão enfrentando desafios de segurança cibernética que são cada vez mais complexos e representam sérias ameaças às suas operações”, pontua Leonard Wadewitz, diretor de desenvolvimento de negócios da CompTIA na América do Sul e no Caribe.

O Conselho também inclui executivos de muitos dos maiores provedores de serviços de segurança gerenciados do Brasil. O grupo se reunirá trimestralmente para discutir o cenário da cibersegurança que passa por rápidas mudanças, focando em estratégias para manter seguros os indivíduos e as organizações. Foram estabelecidos 5 pilares que serão o foco das reuniões:

• Cooperação Público/Privada – tem como objetivo discutir e propor medidas legais ou regulação setorial para melhorar a segurança cibernética

• Cooperação e Culturas Corporativas – visa integrar e estimular a cooperação e a troca de experiências para melhorar a segurança

• Governança Internacional – tem o propósito de fazer a ponte entre as melhores práticas e referências entre as organizações, e propor padrões e estruturas internacionais

• Novas Tecnologias – promover a inovação, pesquisa e desenvolvimento de novas tecnologias em cibersegurança

• Força de trabalho – desenvolver campanhas de conscientização e propor políticas públicas que aprimorem a força de trabalho de segurança cibernética do país

“A cada nova tecnologia lançada aumentam as possibilidades de novos negócios, além de trazer benefícios inimagináveis para a vida das pessoas. Mas, toda inovação também traz ameaças intrínsecas à estas tecnologias. As ameaças cibernéticas são uma realidade com a qual teremos sempre que lidar.”

“O que precisamos a partir de agora é nos conscientizar, e investir em segurança de uma forma organizada. E é para isso que criamos o novo Conselho da CompTIA, que apoiará legisladores e empresas e será fonte de consulta sobre cibersegurança.”, finaliza Leonard Wadewitz.

Sobre a CompTIA

A CompTIA é uma das principais vozes na defesa do ecossistema global que gira em torno de US 5 trilhões em tecnologia da informação; e dos mais de 50 milhões de profissionais da indústria e tecnologia que projetam, implementam, gerenciam e salvaguardam a tecnologia que alimenta a economia mundial. Por meio de educação, treinamento, certificações, advocacia, filantropia e pesquisa de mercado, a CompTIA é o centro de avanço da indústria tecnológica e de sua força de trabalho. Visite o site para saber mais.

Autenticação de dois fatores está entre as medidas de cibersegurança que você deve aplicar em 2020

Os desafios da cibersegurança aplicada a banco de dados

Política de Defesa Cibernética será avaliada pela Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional

Navegue mais em nosso portal, você com certeza vai gostar! (cibersegurança)

  Explore outros artigos!