Últimas notícias

Fique informado

Inteligência Artificial como recurso na gestão pública

28 de dezembro de 2021

Spotlight

O Halving do Bitcoin: Entendendo o Evento que Redefine a Oferta da Criptomoeda. Por Susana Taboas

Uma visão geral do que é o halving do Bitcoin e sua importância no contexto da economia digital.

17 de abril de 2024

Bertacchini da Nethone compartilha sua visão sobre o cenário atual de fraudes digitais

Tivemos a oportunidade de conversar com Bertacchini, especialista em Desenvolvimento de Negócios Sênior na Nethone, sobre como as empresas podem se blindar contra ciberameaças.

17 de abril de 2024

Do primeiro Robô Advogado ao ChatGPT: Você sabe como as IAs podem impactar o futuro do setor jurídico?

Assista o webinar na íntegra, gratuitamente pelo canal oficial da doc9 no YouTube e obtenha insights essenciais sobre como aproveitar ao máximo as tecnologias emergentes e manter vantagem competitiva neste setor em constante evolução.

28 de março de 2024

AX4B: 64% das empresas brasileiras não possuem soluções corporativas de antivírus, apesar do aumento de 7% nos ataques cibernéticos

A AX4B acaba de divulgar os resultados de sua mais recente pesquisa sobre a situação da segurança cibernética no Brasil.

26 de março de 2024

A PL 21/20, estabelece os fundamentos do uso dessa tecnologia, como respeitar os direitos humanos, a democracia, a igualdade e a privacidade de dados, entre outras coisas, para estimular a aplicação da IA e proteger os cidadãos de seu mau uso.

No último mês de setembro, a Câmara dos Deputados aprovou um projeto de lei que regulamenta o uso da Inteligência Artificial.

O projeto ainda está em debate no Congresso Nacional, mas a atitude mostra que a Inteligência Artificial fará, cada vez mais, parte do cotidiano.

Este recurso já é aplicado em diversos setores, como na segurança pública e privada, saúde e recursos humanos e pode ser muito benéfico para diversos outros setores.

Pensando nisso, a RealNetworks, desenvolvedora do SAFR, software de visão computacional e inteligência artificial, listou quatro benefícios que a IA pode proporcionar para a gestão pública.

Detecção de fraudes

A Inteligência Artificial permite a implantação de soluções para detectar fraudes.

Por meio de identificação biométrica por voz e reconhecimento facial, é possível detectar e-mails fraudulentos, por exemplo. Além disso, desde 2018 o Ministério da Transparência e a Controladoria-Geral da União utilizam machine learning para detectar desvios na atuação dos servidores.

Agilidade nos processos de atendimento

Automatizar atendimentos, sobretudo para agendamento de procedimentos que costumam ser burocráticos, como emissão de documentos como RG e Bilhete Único, por exemplo, torna todo o processo muito mais ágil.

A combinação da Inteligência Artificial com atuação humana para automatizar conversas em chats, por exemplo, se mostra altamente eficaz, por tornar a experiência automatizada e personalizada ao mesmo tempo.

Economia de recursos

Além da minimização de falhas humanas, o uso da Inteligência Artificial na gestão pública, proporciona uma economia de recursos financeiros que chega na casa dos bilhões de dólares. Teoricamente, o montante financeiro economizado após a implantação da tecnologia, pode ser aplicado em outras áreas públicas que necessitem, ou para melhorar as condições do próprio setor.

Previsão de problemas

A Inteligência Artificial pode ser aplicada para monitorar áreas de risco e prever situações e cenários nos quais a gestão pública deve atuar, podendo prevenir enchentes, por exemplo. Dessa maneira, a equipe profissional e a verba destinada para solucionar o problema circunstancial, é feita com melhor precisão.

Acompanhe os principais conteúdos sobre Inteligência Artificial!

Acompanhe os principais conteúdos sobre Inteligência Artificial!

CATEGORIAS

Destaques IA Notícias