Últimas notícias

Fique informado

A gasolina pode ficar mais barata

30 de março de 2023

Spotlight

Ricardo Saravalle assume a liderança do Meta Hub de Soluções Digitais

O executivo vai liderar o centro de excelência de soluções

23 de maio de 2024

INSS passa exigir Certificado ICP-Brasil A3 para advogados que atendem Acordos de Cooperação Técnica (ACTs)

Para acessar o Portal de Atendimento (PAT) os advogados precisarão ter o certificado digital ICP-Brasil A3.

21 de maio de 2024

Do Deepfake ao ChatGPT: como a evolução tecnológica está influenciando as fraudes e golpes que vemos hoje?

Os golpes, de falsificação de identidade bancária a investimentos fictícios e golpes românticos, são cada vez mais diversificados

20 de maio de 2024

Contato Seguro une forças com a DOC9 para trazerem mais segurança aos abrigos do Rio Grande do Sul

Contato Seguro une forças com a Doc9 para trazerem mais segurança aos abrigos do Rio Grande do Sul. Essa parceria é essencial para enfrentar o momento difícil que o estado está passando devido às enchentes.

20 de maio de 2024

Governo Federal apoia Rio Grande do Sul na emissão 2ª via da Carteira de Identidade Nacional

O mutirão coordenado pelo Governo do RS começou nos abrigos de Porto Alegre. Expedição da segunda via será imediata

20 de maio de 2024

Reconhecimento facial: a nova fronteira de segurança em meio aos desafios dos Deepfakes

A capacidade dos deepfakes de imitar e falsificar identidades compromete diretamente a eficácia do reconhecimento facial

20 de maio de 2024

Nuvens Tempestuosas: Navegando pelo Panorama Complexo da Cibersegurança na Nuvem

Enquanto as organizações migram cada vez mais dados e serviços para a nuvem, a complexidade e a magnitude das ameaças cibernéticas também crescem.

15 de maio de 2024

Especialistas reiteram segurança das assinaturas digitais qualificadas em evento da AARB

O Encont[AR] contou com a presença do diretor do ITI, Maurício Coelho, Dr. Jean Martina e o advogado Bernardo Campinho.

27 de março de 2023

Portal único do governo traz riscos de segurança ao cidadão, alerta AARB

“A imprensa, com algumas exceções, tem dado pouco destaque à vulnerabilidade dos sistemas do governo, em especial para os serviços disponibilizados pelo Gov.br ”, alerta Bruno Linhares.

26 de janeiro de 2023

Presidente da República nomeia diretores da AARB para o Comitê Gestor da ICP-Brasil

As nomeações reforçam o papel da AARB – Associação das Autoridades de Registro do Brasil, na defesa das Autoridades de Registro do país.

9 de dezembro de 2022

AARB torna-se associada do InterID

AARB e InterID unirão esforços por uma identificação cada vez mais cidadã e que esteja prevista e garantida na lei e pelos poderes constituídos, respectivamente.

10 de outubro de 2022

No Brasil, além de ser um forte indicador econômico, a gasolina é também um índice político dos mais poderosos

Por Edmar Araujo

gasolina
Edmar Araujo, presidente executivo da Associação das Autoridades de Registro do Brasil (AARB)

Sempre que se fala no valor e na qualidade dos combustíveis, em especial a gasolina, o debate tem como referência a fórmula do preço, que leva em consideração a Petrobrás, os impostos federais, o imposto estadual, o custo da distribuição e da revenda e os biocombustíveis, como o etanol anidro e o biodiesel.

Paralelo ao debate, a novela de incontáveis capítulos da intervenção sobre o comando da estatal petrolífera produz muita especulação, influências nem sempre republicanas e impacto direto na vida das pessoas.

No Brasil, além de ser um forte indicador econômico, a gasolina é também um índice político dos mais poderosos.

Se a constituição do quanto se cobra para adquiri-la e a como a mão do estado atua não encontram alternativas que produzam melhorias, por outro lado a tecnologia apresenta via das mais factíveis para a otimização da entrega de combustíveis nos postos de fora a fora.

O Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) anunciou a entrada em operação da primeira geração da família de medidores de combustíveis líquidos com novas tecnologias metrológicas, incluindo criptografia assimétrica para assinatura dos registros de medição.

Na prática, os postos de gasolina já podem adquirir bombas que inibem a burla na entrega de combustíveis. Um não negligenciável número de vendedores finais utilizam técnicas para entregar menos gasolina e diesel do que o volume informado no display das bombas.

Funciona assim:

Chegamos ao posto de combustível e informamos ao frentista o quanto desejamos abastecer. As bombas são compostas por dispositivos eletrônicos que calculam a quantidade a ser entregue.

O volume é computado pelo bloco medidor, e o transdutor óptico informa esse mesmo volume ao medidor. O processo da fraude acontece na comunicação entre o bloco e o transdutor, produzindo informação falsa. Na prática, se o consumidor paga por 20 litros, ele acaba levando quantidade menor.  

Isso resulta em sonegação das grandes. De acordo com o Instituto do Combustível Legal, cerca de R$ 14 bilhões são sonegados por ano no Brasil. Só em janeiro de 2023, o valor chega a R$ 1 bilhão.

Conduzido pelo Inmetro, com o apoio da Universidade Federal de Santa Catarina e do Instituto Nacional de Tecnologia da Informação (ITI), o projeto de aferição metrológica deve ser ampliado a outros equipamentos, como medidores de luz, velocímetros e balanças de precisão.

Trata-se de elevada segurança física (hardware) e lógica (software) aplicada às bombas de gasolina, uma vez que certificados digitais ICP-Brasil assinarão os códigos e garantirão a procedência dos equipamentos, evitando a instalação de dispositivos que burlem a informação prestada ao consumidor.

A gasolina pode ficar mais barata graças à tecnologia, pesquisa e desenvolvimento. Hora de saber se os governantes adotarão providências à altura do desafio.

Sobre o autor

Edmar Araujo, presidente executivo da Associação das Autoridades de Registro do Brasil (AARB). MBA em Transformação Digital e Futuro dos Negócios, jornalista.

Sobre AARB

Fundada em 2014, a Associação das Autoridades de Registro do Brasil AARB é fruto dos anseios dos representantes das Autoridades de Registro da ICP-Brasil e tem por objetivo defender os interesses do segmento perante os poderes da república, sociedade civil organizada, bem como a massificação da certificação digital no País.

Entidade de direito privado e sem fins lucrativos, a AARB é mantida exclusivamente por seus associados. Além dos interesses mencionados, compete a AARB disseminar a cultura da tecnologia ICP-Brasil e agregar benefícios e vantagens aos seus associados.

Procure saber sobre o Selo de Ação Ética Na Certificação Digital. Esse Selo identifica as empresas que assumem o compromisso ético na sociedade entre seus pares, clientes e colaboradores.

Leia a coluna da AARB aqui no Crypto ID!