Últimas notícias

Fique informado

Cibersegurança, uma carreira com várias oportunidades

28 de junho de 2023

Spotlight

Resiliência cibernética: Insights para o Board, CEO, CIO e CISOs

Leonardo Ferreira nesse artigo oferece uma visão abrangente e atualizada sobre o cenário da segurança cibernética.

28 de fevereiro de 2024

Como o Tether (USDT) se tornou a principal criptomoeda no Brasil 

No dinâmico cenário das criptomoedas em 2023, o Tether (USDT) conquistou a posição de destaque como a principal escolha entre os brasileiros.

23 de fevereiro de 2024

Entrevista com Marco Zanini, CEO da DINAMO Networks, sobre sigilo e assinatura digital

O CEO da DINAMO Networks, Marco Zanini, destacou o sigilo e as assinaturas digitais, além de abordar os principais marcos de 2023 e expectativas para 2024

19 de fevereiro de 2024

FIDO redefine a segurança online com a autenticação sem senhas

As senhas perduram, apesar do crescente consenso de que seu uso precisa ser reduzido, se não substituído.

16 de fevereiro de 2024

1º Insurance Mega Trends

O evento Insurance Mega Trends trará as principais tendências em seguros com personalidades nacionais e internacionais.

15 de fevereiro de 2024

Open Finance, ou Sistema Financeiro Aberto, e suas variações por setor econômico. Por Susana Taboas

Sistema Financeiro Aberto permite que as empresas e os indivíduos acessem dados financeiros de diversas fontes em um único lugar.

6 de fevereiro de 2024

Uso de assinaturas eletrônicas cresce 140% e deve chegar a 2 milhões/mês

Dados da ZapSign mostram ainda que adoção de assinaturas eletrônicas por empresas quase dobrou no ano de 2023

29 de janeiro de 2024

eIDAS – REGULAMENTO (UE) N.o 910/2014 DO PARLAMENTO EUROPEU E DO CONSELHO

eIDAS – REGULAMENTO (UE) Nº 910/2014 DO PARLAMENTO EUROPEU E DO CONSELHO

20 de outubro de 2020

Seu orçamento de 2023 contempla treinamento para cibersegurança e jornada digital?

Entre os itens que os gestores tem atenção no orçamento para o próximo ano estão a adequação de headcount e investimentos

15 de dezembro de 2022

Os benefícios da terceirização da cibersegurança

A organização evita que falhas apareçam tanto nas suas ações habituais, como em momentos difíceis, a exemplo dos incidentes de cibersegurança

13 de dezembro de 2022

O que faz o profissional de pentest e por que ele se tornou peça-chave na cibersegurança das empresas

Especialistas responsáveis por testes de intrusão se tornam uma camada extra de proteção contra ataques virtuais a empresas

25 de novembro de 2022

Isso fez com que a cibersegurança se tornasse uma necessidade fundamental para empresas de todos os tipos e também governos

Por Germán Patiño

cibersegurança
German Patiño, vice-presidente de vendas da Lumu Technologies para a América Latina.

Um dos temas mais relevantes do momento é o temor profissional de ser substituído por processos automatizados ou pela Inteligência Artificial (IA); essa não é uma questão nova.

Durante a Revolução Industrial, acreditava-se que as máquinas movidas a vapor assumiriam por completo os empregos da época.

O que aconteceu, porém, foi diferente: os processos industriais começaram a exigir cada vez mais trabalhadores em cargos inéditos que executassem outras tarefas, mais necessárias àquela demanda produtiva que seguia crescendo mundo afora.

Uma situação semelhante está acontecendo hoje. Cada vez mais organizações estão se tornando 100% digitais e estão procurando maneiras de se adaptar às novas formas de trabalhar e produzir.

Desde o desenvolvimento tecnológico, passando pela criação de processos automatizados, até o uso e o refinamento da IA, cada vez mais pessoas são necessárias para articular essas ferramentas com as diversas operações de negócios.

Esse aumento da digitalização e o crescente número de dispositivos conectados à internet também trouxeram uma onda de ameaças cibernéticas, que estão se tornando mais sofisticadas e frequentes.

Isso fez com que a cibersegurança se tornasse uma necessidade fundamental para empresas de todos os tipos e também governos, que precisam manter a segurança nacional.

Com o aumento exponencial de phishing, ransomware e outras formas de invasão, as equipes de cibersegurança têm trabalhado 24 horas por dia para proteger com eficiência os sistemas das mais diversas organizações.

Isso significa um aumento na demanda por pessoas em funções de gerenciamento e resposta a incidentes. No entanto, um dos desafios mais comuns para contar com novos profissionais e reduzir o desgaste é a hiperespecialização.

As ferramentas atuais usadas para proteger e mitigar ataques exigem processos complexos que somente alguns especialistas conseguem dominar.

Essa possível sensação de que há uma escassez de talentos no setor pode ser devido à capacidade tecnológica limitada ou desatualizada disponível para lidar com segurança de sistemas.

Para superarmos isso, precisamos nos concentrar no aprendizado, treinamento e especialização de profissionais, para que consigam lidar de forma eficiente com os desafios da cibersegurança.

Além disso, também é preciso criar plataformas e soluções tecnológicas inovadoras e acessíveis para que mais pessoas, de todas as áreas e profissões, possam atuar no setor, aproveitar as ferramentas automatizadas e melhorar o nível de prevenção e resposta em cibersegurança.

Muitas áreas de design e desenvolvimento tecnológico têm contribuído com iniciativas intuitivas e de livre acesso para que mais pessoas possam transformar suas vidas profissionais junto com a evolução digital.

Essa abordagem busca, em princípio, perder o medo de seguir em frente e não se deixar levar pelo temor de que as ferramentas automatizadas ou a IA vão nos substituir.

Do ponto de vista da cibersegurança, elas são a resposta para muitos dos problemas e restrições que temos atualmente no setor e ainda vão abrir a porta para muitas pessoas as utilizem como catalisadores de seus trabalhos ou como parte da da inovação nas organizações.

Entender as técnicas de evasão de EDR é uma maneira efetiva de mitigar ataques

Lumu Technologies apresenta relatório Flashcard: Monetização de Crimes Cibernéticos

Cinco razões que tornam a indústria manufatureira atrativa para os ataques de ransomware

O cibercrime no setor de educação

SOBRE CRYPTO ID

Somos o maior portal brasileiro sobre Criptografia e Identificação Digital.

Desde 2014 levamos as melhores e mais atualizadas informações sobre o mercado brasileiro e internacional de segurança digital para mais de 2 milhões de usuários únicos por ano.

As empresas que nos apoiam contribuem para a construção de um mundo digital mais seguro, confiável e tranquilo.

Acompanhe o Crypto ID nas redes sociais!

Você quer acompanhar nosso conteúdo? Então siga nossa página no LinkedIn!