Últimas notícias

Fique informado
Como hackear contas do Instagram?

Como hackear contas do Instagram?

16 de novembro de 2023

Spotlight

Entenda o que mudou na assinatura eletrônica em documentos a partir do Decreto nº 68306

Qual o impacto do Decreto nº 68.306 na assinatura eletrônica, simplificação de processos e nos avanços da digitalização dos serviços públicos?

24 de abril de 2024

AX4B impulsiona a resiliência cibernética de Pequenas e Médias Empresas

Conheça como a AX4B está revolucionando a Segurança Cibernética para PMEs.

24 de abril de 2024

O Halving do Bitcoin: Entendendo o Evento que Redefine a Oferta da Criptomoeda. Por Susana Taboas

Uma visão geral do que é o halving do Bitcoin e sua importância no contexto da economia digital.

17 de abril de 2024

Do primeiro Robô Advogado ao ChatGPT: Você sabe como as IAs podem impactar o futuro do setor jurídico?

Assista o webinar na íntegra, gratuitamente pelo canal oficial da doc9 no YouTube e obtenha insights essenciais sobre como aproveitar ao máximo as tecnologias emergentes e manter vantagem competitiva neste setor em constante evolução.

28 de março de 2024

AX4B: 64% das empresas brasileiras não possuem soluções corporativas de antivírus, apesar do aumento de 7% nos ataques cibernéticos

A AX4B acaba de divulgar os resultados de sua mais recente pesquisa sobre a situação da segurança cibernética no Brasil.

26 de março de 2024

Quando se trata de hackear contas do Instagram, existem vários equívocos que muitas vezes atrapalham a compreensão das pessoas

O Instagram, o aplicativo de compartilhamento de fotos que todos conhecemos e amamos, tornou-se uma parte diária de nossas vidas. Mas com sua popularidade vem um lado negro: a ameaça de invasão de contas.

Luiz Moura. Especialista em Tecnologia e Cibersegurança

Por Luiz Moura1

Os hackers estão sempre à espreita, inventando maneiras inteligentes de obter acesso não autorizado às nossas contas. Mas não tema!

Este artigo é o seu guia para compreender essas táticas e aprender como proteger sua conta do Instagram

Iremos mergulhar no mundo obscuro do hacking, desmascarar equívocos comuns e muni-lo de conhecimentos e estratégias para manter sua conta segura.

Então, vamos começar e transformá-lo em um profissional em segurança do Instagram!

Compreendendo o cenário de hackers

Equívocos comuns sobre hackear contas do Instagram

Quando se trata de hackear contas do Instagram, existem vários equívocos que muitas vezes atrapalham a compreensão das pessoas.

Uma das mais comuns é a crença de que hackear é um processo simples de um clique.

Na realidade, o hacking é uma atividade complexa que requer uma compreensão profunda dos princípios de segurança cibernética e muitas vezes envolve a exploração da psicologia humana, em vez de apenas lacunas técnicas.

Outro equívoco é que apenas celebridades ou contas importantes são alvo de hackers.

A verdade é que qualquer um pode se tornar vítima.

Os hackers geralmente têm como alvo usuários comuns, pois suas contas podem ser mais fáceis de violar e podem ser usadas para diversas atividades maliciosas, como spam, golpes ou até mesmo como trampolins para atingir alvos maiores.

Considerações Éticas e Implicações Legais do Hacking

Hackear, especialmente com a intenção de obter acesso não autorizado à conta pessoal de alguém, não é apenas antiético – é ilegal.

É uma violação dos direitos de privacidade e pode levar a consequências graves. Em muitas jurisdições, o hacking pode resultar em multas pesadas, prisão ou ambos. 

Eticamente, hackear é uma quebra de confiança e pode causar danos significativos.

Pode levar à exposição de informações pessoais confidenciais, perdas financeiras e sofrimento emocional para as vítimas.

É importante lembrar que por trás de cada conta está uma pessoa real e o acesso não autorizado pode ter impactos no mundo real. 

No mundo da segurança cibernética, existe um conceito de “hacking ético” .

São profissionais que usam suas habilidades para encontrar e corrigir vulnerabilidades de segurança, geralmente empregados pelas próprias empresas que estão tentando hackear.

Eles operam sob rígidas diretrizes éticas e com permissão explícita.

Qualquer pirataria fora deste contexto, especialmente a pirataria dirigida a contas pessoais sem consentimento, é antiética e ilegal.

Como as contas do Instagram são hackeadas?

1. Táticas de engenharia social usadas por hackers

A engenharia social é um método comum usado por hackers para manipular os usuários para que revelem suas informações pessoais.

Isso pode envolver táticas como phishing, em que hackers enviam e-mails ou mensagens que parecem ser do Instagram, enganando os usuários para que forneçam suas credenciais de login.

2. Mensagens falsas de violação de direitos autorais

Os hackers costumam enviar mensagens falsas de violação de direitos autorais para assustar os usuários e fazê-los clicar em links maliciosos.

Essas mensagens afirmam que o usuário violou as leis de direitos autorais e sua conta será suspensa, a menos que tome medidas imediatas, levando usuários desavisados a inserir seus dados de login em uma página de login falsa do Instagram.

3. Ofertas enganosas de selos verificados

Alguns hackers atraem usuários com a promessa de um crachá verificado em seus perfis.

Eles enviam mensagens alegando oferecer serviços de verificação, pedindo aos usuários que cliquem em um link e insiram suas credenciais do Instagram, obtendo assim acesso à conta do usuário.

4. Alertas de atividades suspeitas ilegítimas

Os hackers podem enviar alertas avisando sobre atividades suspeitas na conta de um usuário.

Esses alertas, projetados para parecerem ser do Instagram, solicitam que os usuários confirmem sua identidade inserindo seus dados de login em uma página fraudulenta.

 5. Brindes fraudulentos e patrocínios de marcas

Os hackers muitas vezes se fazem passar por marcas ou influenciadores populares e anunciam brindes ou patrocínios falsos.

Eles pedem aos usuários que cliquem em um link e insiram seus dados de login do Instagram para participar, obtendo assim acesso não autorizado às suas contas.

6. Ferramentas de mídia social falsificadas

Existem inúmeras ferramentas falsificadas de mídia social que prometem aumentar seguidores ou curtidas no Instagram.

Essas ferramentas geralmente exigem que os usuários insiram seus dados de login do Instagram, que os hackers usam para obter acesso às suas contas.

 7. Ataques de proxy reverso

Em um ataque de proxy reverso, os hackers criaram um site que parece idêntico à página de login do Instagram.

Quando os usuários inserem seus dados de login, eles estão, na verdade, enviando essas informações diretamente para o hacker.

Este método é frequentemente usado em combinação com as táticas mencionadas acima para induzir os usuários a visitarem a página de login falsa.

Métodos comuns usados em hackers no Instagram

Embora desencorajemos fortemente o hacking, é essencial estar ciente dos métodos comuns usados pelos hackers.

Compreender essas técnicas pode ajudá-lo a reconhecer ameaças potenciais e a tomar medidas apropriadas para proteger sua conta.

Aqui estão alguns métodos comuns:

Ataques de força bruta: Os ataques de força bruta envolvem a tentativa de inúmeras combinações de senhas até que a correta seja encontrada.

Este método depende de um software automatizado que tenta sistematicamente senhas diferentes até obter acesso à conta.

Ataques de phishing: Os ataques de phishing normalmente envolvem a criação de sites falsos ou páginas de login que imitam a plataforma oficial do Instagram.

Usuários desavisados podem inserir suas credenciais de login, fornecendo suas informações aos hackers sem saber.

Engenharia Social: As técnicas de engenharia social exploram a psicologia humana para manipular os indivíduos para que revelem suas senhas ou outras informações confidenciais.

Os hackers podem se passar por indivíduos confiáveis ou usar manipulação psicológica para obter acesso às contas.

O que os hackers fazem depois de hackear sua conta?

1. Exigem um resgate

Depois que os hackers obtiverem o controle de uma conta, eles poderão exigir um resgate do proprietário.

Eles ameaçam excluir a conta, expor informações privadas ou realizar atividades prejudiciais, a menos que o proprietário pague uma quantia específica, geralmente em criptomoeda, para manter seu anonimato.

2. Enganam seus amigos, familiares e clientes

Os hackers costumam usar a conta hackeada para enganar os seguidores da vítima.

Eles podem enviar mensagens pedindo dinheiro, alegando estar em uma emergência, ou podem promover produtos, serviços ou investimentos fraudulentos.

3. Vendem sua conta na Dark Web

Em alguns casos, os hackers vendem as contas hackeadas na dark web, uma parte da Internet não indexada pelos motores de busca e conhecida por atividades ilícitas.

O preço de uma conta pode depender de fatores como o número de seguidores, a taxa de engajamento da conta ou o nicho em que atua.

 4. Usam sua conta para executar uma operação fraudulenta

Os hackers podem usar a conta hackeada para executar golpes ou operações fraudulentas.

Eles podem se passar pelo proprietário da conta e postar conteúdo que engane os seguidores, promovendo produtos falsificados, esquemas de pirâmide ou outras práticas enganosas.

5. Fazem vários tipos de solicitações ilegais

Os hackers podem usar a conta comprometida para fazer solicitações ilegais, como pedir aos seguidores que participem de atividades ilegais, espalhar software prejudicial ou compartilhar conteúdo ilegal.

Isto pode levar a consequências graves para o proprietário da conta, mesmo que ele não tenha conhecimento das atividades do hacker.

Como proteger sua conta do Instagram?

1. Definindo uma senha forte

Uma das primeiras linhas de defesa para proteger sua conta do Instagram é definir uma senha forte.

Deve ser única, longa e incluir uma mistura de letras, números e caracteres especiais. Evite usar informações fáceis de adivinhar, como nome, data de nascimento ou palavras comuns.

2. Habilitando a autenticação de dois fatores

A autenticação de dois fatores (2FA) adiciona uma camada extra de segurança à sua conta.

Quando o 2FA estiver ativado, você precisará fornecer uma segunda forma de identificação (como um código enviado para o seu telefone), além da sua senha ao fazer login. senha.

3. Reconhecendo e evitando tentativas de phishing

Desconfie de e-mails ou mensagens que solicitem seus dados de login ou informações pessoais.

O Instagram nunca pedirá sua senha por e-mail ou mensagem direta. Verifique sempre o endereço de e-mail do remetente, procure erros ortográficos e gramaticais e evite clicar em links suspeitos.

 4. Atualizando e protegendo regularmente sua conta de e-mail

Sua conta de e-mail costuma ser a chave para redefinir sua senha do Instagram, por isso é crucial mantê-la segura.

Use uma senha forte e exclusiva para sua conta de e-mail, habilite 2FA e verifique regularmente se há sinais de atividades suspeitas.

5. Usando aplicativos e ferramentas confiáveis de terceiros

Use apenas aplicativos e ferramentas confiáveis de terceiros que respeitem as diretrizes do Instagram e priorizem a segurança do usuário.

Tenha cuidado com qualquer aplicativo que solicite seus dados de login do Instagram. Sempre pesquise o aplicativo ou ferramenta, leia as avaliações e verifique sua política de privacidade antes de usar.

O que fazer se sua conta do Instagram for hackeada?

1. Passos para recuperar sua conta

Se você suspeita que sua conta do Instagram foi hackeada, o primeiro passo é tentar fazer login. Se não conseguir fazer login, tente redefinir sua senha.

O Instagram enviará um link para o endereço de e-mail associado à sua conta para criar uma nova senha.

Se o seu endereço de e-mail foi alterado pelo hacker, você pode tocar em “Precisa de mais ajuda” na tela de login e seguir as instruções fornecidas.

 2. Denunciando o hack ao Instagram

Se você não conseguir recuperar sua conta pelos métodos usuais, deverá relatar o incidente ao Instagram.

Você pode fazer isso através da “Central de Ajuda” no site do Instagram.

Forneça o máximo de detalhes possível sobre sua conta e o incidente.

Isso ajudará o Instagram a verificar sua identidade e tomar as medidas apropriadas.

3. Entrando em contato com o atendimento ao cliente

Se você ainda não conseguir recuperar sua conta depois de denunciar o hacker ao Instagram, considere entrar em contato com o atendimento ao cliente do Instagram.

Embora o Instagram não ofereça suporte por telefone, você pode enviar um e-mail detalhado para o endereço de suporte.

Certifique-se de incluir o nome de usuário da sua conta, o endereço de e-mail associado à sua conta e uma descrição do problema.

O papel do Instagram na segurança da conta

1. Esforços do Instagram para proteger contas de usuários

O Instagram leva a segurança da conta a sério e implementou diversas medidas para proteger seus usuários.

Isso inclui opções de autenticação de dois fatores, que adiciona uma camada extra de segurança às contas.

O Instagram também usa algoritmos de aprendizado de máquina para detectar atividades suspeitas e proteger as contas contra comprometimento.

Além disso, o Instagram fornece recursos e diretrizes em sua Central de Ajuda para educar os usuários sobre a segurança da conta e como se proteger contra tentativas de hacking.

2. Melhorias e recursos futuros para segurança da conta

O Instagram trabalha continuamente para melhorar seus recursos de segurança para proteger melhor as contas dos usuários.

Embora recursos futuros específicos não sejam divulgados por motivos de segurança, podemos esperar que o Instagram continue evoluindo suas medidas de segurança em resposta a novas ameaças.

Isso poderia incluir algoritmos de aprendizado de máquina mais avançados para detectar atividades suspeitas, processos aprimorados de verificação de usuários e recursos de segurança aprimorados para recuperação de contas.

O objetivo do Instagram é criar uma plataforma segura onde os usuários possam compartilhar seus momentos sem se preocupar com a segurança de suas contas.

Riscos de hackear contas do Instagram

Hackear a conta do Instagram de alguém é uma violação grave e pode ter consequências sérias.

É crucial compreender que o acesso não autorizado à conta de alguém viola a sua privacidade e informações pessoais.

A invasão pode levar ao roubo de identidade, cyberbullying, assédio e outras atividades maliciosas.

É essencial respeitar a privacidade dos outros e abster-se de qualquer forma de hacking.

Fortalecendo a segurança da sua conta

Para proteger sua própria conta do Instagram contra hackers, é vital seguir as melhores práticas de segurança.

Aqui estão algumas etapas que você pode seguir:

Crie uma senha forte: escolha uma senha exclusiva e complexa que inclua uma combinação de letras maiúsculas e minúsculas, números e caracteres especiais.

Evite usar informações facilmente adivinháveis, como seu nome ou data de nascimento.

Habilite a autenticação de dois fatores: Habilite a autenticação de dois fatores (2FA) para sua conta do Instagram.

Isso adiciona uma camada extra de segurança ao exigir um código de verificação, geralmente enviado para o seu dispositivo móvel, além da sua senha.

Seja cauteloso com tentativas de phishing: fique atento contra tentativas de phishing, nas quais hackers se fazem passar por sites ou contas legítimas para induzir os usuários a revelarem suas credenciais de login.

Sempre verifique o URL antes de inserir seu nome de usuário e senha.

Atualize regularmente seu aplicativo e dispositivo: mantenha seu aplicativo Instagram e sistema operacional do dispositivo atualizados.

As atualizações de software geralmente incluem patches de segurança que ajudam a proteger contra vulnerabilidades.

Evite links e aplicativos suspeitos: evite clicar em links suspeitos ou baixar aplicativos de fontes não verificadas.

Eles podem conter malware ou serem projetados para roubar suas informações de login.

Como o Instagram está trabalhando para proteger as contas dos usuários?

O Instagram leva muito a sério a segurança das contas de seus usuários e implementou uma série de medidas para protegê-los.

Aqui estão algumas das maneiras pelas quais o Instagram está trabalhando para proteger as contas dos usuários:

 Autenticação de dois fatores (2FA): O Instagram oferece autenticação de dois fatores, um recurso de segurança que ajuda a proteger sua conta do Instagram, além de sua senha.

Se você configurar o 2FA, será solicitado que você insira um código de login especial ou confirme sua tentativa de login sempre que alguém tentar acessar o Instagram de um dispositivo que não reconhecemos.

Alertas de login suspeitos: o Instagram possui um recurso que envia alertas aos usuários quando alguém tenta fazer login em sua conta a partir de um dispositivo ou local não reconhecido.

Esses alertas fornecem aos usuários a opção de alterar sua senha caso não tenham iniciado a tentativa de login.

Verificação de solicitação de login: Quando é feita uma nova tentativa de login, o Instagram envia uma solicitação de verificação ao usuário.

O usuário deve aprovar esta solicitação antes que o login possa prosseguir.

Aprendizado de máquina para detectar atividades suspeitas: o Instagram usa algoritmos de aprendizado de máquina para detectar atividades incomuns nas contas dos usuários, como uma mudança repentina no local da atividade do usuário ou um aumento drástico no número de ações realizadas (curtidas, comentários, seguidores etc.).

Quando tal atividade é detectada, o Instagram pode solicitar que o usuário confirme sua identidade e pode até mesmo limitar temporariamente certas funcionalidades da conta.

Educação e Recursos: O Instagram oferece uma variedade de recursos para educar os usuários sobre a segurança da conta.

Isso inclui dicas sobre como criar uma senha forte, reconhecer golpes de phishing e usar autenticação de dois fatores.

Eles também oferecem orientações sobre o que fazer se um usuário acreditar que sua conta foi comprometida.

Recuperação de conta: O Instagram possui um processo para ajudar os usuários a recuperarem suas contas caso tenham sido hackeadas.

Isto inclui etapas de verificação para confirmar a identidade do usuário.

Criptografia de dados: o Instagram usa criptografia para proteger seus dados e manter suas informações privadas seguras.

Quando você usa o Instagram, seus dados são enviados pela internet de forma segura e criptografada.

O Instagram continua a desenvolver e implementar novos recursos de segurança para proteger ainda mais as contas dos usuários e manter a integridade da plataforma.

Quais melhorias ou recursos futuros estão sendo desenvolvidos para a segurança da conta?

O Instagram não anunciou publicamente melhorias ou recursos futuros específicos para segurança da conta.

No entanto, dado o compromisso contínuo da plataforma com a segurança e privacidade dos utilizadores, é razoável esperar que continuem a refinar e a expandir as suas medidas de segurança em resposta à evolução das ameaças e das necessidades dos utilizadores.

Aqui estão algumas áreas gerais onde podemos ver melhorias futuras:

 Algoritmos avançados de aprendizado de máquina: o Instagram já usa aprendizado de máquina para detectar atividades suspeitas.

Melhorias futuras poderão envolver algoritmos mais sofisticados, capazes de identificar novos tipos de ameaças ou detectar padrões de comportamento malicioso com mais precisão.

Processos aprimorados de verificação de usuários: para evitar invasões de contas, o Instagram pode implementar processos de verificação de usuários mais robustos.

Isto pode incluir métodos de verificação biométrica, como reconhecimento facial ou digitalização de impressões digitais, ou biometria comportamental que identifica os utilizadores com base nos seus padrões únicos de comportamento.

Autenticação aprimorada de dois fatores (2FA): embora o Instagram já ofereça 2FA, atualizações futuras podem incluir mais opções para 2FA, como o uso de uma chave de segurança de hardware ou a integração com vários aplicativos autenticadores.

Melhor educação do usuário: o Instagram poderia desenvolver mais recursos para educar os usuários sobre a segurança da conta, como tutoriais interativos, notificações no aplicativo sobre possíveis riscos de segurança ou dicas de segurança personalizadas com base no comportamento do usuário.

Mais controle sobre a atividade da conta: o Instagram pode dar aos usuários mais controle sobre a atividade da conta, como a capacidade de monitorar locais de login, ver sessões ativas e sair de outros dispositivos remotamente.

Observe que estes são especulativos e baseados em tendências gerais em segurança digital.

Para obter informações mais precisas e atualizadas, você deve consultar os anúncios oficiais do Instagram ou de sua empresa controladora, Meta Platforms (anteriormente Facebook, Inc.).

Onde as nossas vidas estão cada vez mais interligadas com plataformas online como o Instagram, a segurança da conta não é apenas um luxo, mas uma necessidade.

Os hackers estão sempre evoluindo, encontrando novas maneiras de violar as defesas e obter acesso não autorizado.

Isto torna a aprendizagem e a vigilância contínuas cruciais para manter a segurança das nossas contas.

 Lembre-se de que proteger sua conta do Instagram não se limita à definição de uma senha forte ou à ativação da autenticação de dois fatores.

Trata-se de manter-se informado sobre as últimas táticas de hacking, reconhecer ameaças potenciais e saber o que fazer se sua conta for comprometida.

É um processo contínuo de aprendizagem e adaptação a novos desafios.

A segurança da sua conta do Instagram está em suas mãos.

Fique atento, mantenha-se informado e mantenha sua conta segura.

Afinal, sua conta do Instagram é um reflexo do seu eu digital e merece ser protegida.

  1. Luiz Moura – Especialista em Tecnologia e Cibersegurança | LinkedIn Creator Tecnologia | CTO com 3 décadas de TI e Cibersegurança | Analiso o panorama tecnológico completo | Alinho visões de negócios com soluções tecnológicas. ↩︎

Fonte: LinkedIn

ChatGPT pode hackear o cérebro humano?

Quando as crianças mostram interesse em hackear 

Ei, Google: como hackear uma conta no Facebook? Essa pesquisa pode parecer estranha, mas o estudo da NordVPN explica

Hackers se aproveitam de ferramentas para PCD’s no Android para roubar informações em apps bancários

Certificado SSL vencido tira o Instagram do ar

Vulnerabilidade no Instagram permitia sequestrar contas dos usuários

CATEGORIAS

Destaques Notícias