Últimas notícias

Fique informado

Fraudes em 2024: tendências e como se proteger

27 de janeiro de 2024

Spotlight

Bertacchini da Nethone compartilha sua visão sobre o cenário atual de fraudes digitais

Tivemos a oportunidade de conversar com Bertacchini, especialista em Desenvolvimento de Negócios Sênior na Nethone, sobre como as empresas podem se blindar contra ciberameaças.

17 de abril de 2024

A Transformação Digital do Mercado Imobiliário: Blockchain, Moedas digitais, Cartórios e o Futuro

A tecnologia blockchain tem despertado interesse devido ao seu potencial disruptivo em vários setores, incluindo o setor imobiliário.

8 de abril de 2024

Empresa de Israel traz tecnologia de ponta em cibersegurança para o mercado brasileiro

Com o potencial de crescimento do mercado brasileiro e sua consequente inserção no ambiente digital, os fundadores da Cysfera decidiram trazer as inovações de ponta israelenses ao cenário nacional.

3 de abril de 2024

Do primeiro Robô Advogado ao ChatGPT: Você sabe como as IAs podem impactar o futuro do setor jurídico?

Assista o webinar na íntegra, gratuitamente pelo canal oficial da doc9 no YouTube e obtenha insights essenciais sobre como aproveitar ao máximo as tecnologias emergentes e manter vantagem competitiva neste setor em constante evolução.

28 de março de 2024

AX4B: 64% das empresas brasileiras não possuem soluções corporativas de antivírus, apesar do aumento de 7% nos ataques cibernéticos

A AX4B acaba de divulgar os resultados de sua mais recente pesquisa sobre a situação da segurança cibernética no Brasil.

26 de março de 2024

Compartilhamento de informações é passo importante para combate a fraudes e golpes

A norma que determina o compartilhamento de dados e informações sobre fraudes é resultado de uma agenda de medidas propostas pela Febraban

25 de maio de 2023

Bancos deverão compartilhar dados para prevenção de golpes e fraudes determina BC

As instituições financeiras autorizadas pelo BC deverão compartilhar entre si dados e informações sobre fraudes e golpes no SFN e no SPB.

24 de maio de 2023

Tentativas de fraudes e golpes mais comuns com o Pix: conheça quais são e saiba como evitá-los

Bandidos usam manipulação psicológica para enganar clientes e até aplicativos criminosos para forjar recibos de Pix em transações comerciais

7 de março de 2023

Por que é tão fácil ser vítima de golpes digitais?

E, com o aumento do número de usuários no mundo virtual, surgem os golpes digitais, aqueles praticados utilizando-se basicamente de três elementos: o desejo da vítima em ter algum ganho (financeiro ou pessoal); a oportunidade que é oferecida por meio de propostas tentadoras e a engenharia social.

17 de outubro de 2022

Golpes via PIX: Quatro dicas para evitar

Trata-se de uma ferramenta que acelerou muito a digitalização de pagamentos, além de abrir uma oportunidade para novos golpes

10 de outubro de 2022

Fraudadores utilizarão táticas cada vez mais elaboradas, por isso, empresas precisam investir em ações para proteger seus negócios e clientes

Por Thiago Bertacchini

Thiago Bertacchini, Desenvolvimento de Negócios Sênior da Nethone

À medida que a tecnologia avança, os criminosos encontram novas maneiras de explorá-la para cometer fraudes.

As tendências emergentes para o próximo ano indicam um aumento preocupante nas táticas utilizadas pelos fraudadores, exigindo ações proativas das empresas para proteger os seus negócios e clientes.

A evolução da engenharia social impulsionada pela Inteligência Artificial está transformando o cenário das fraudes financeiras, tornando cada vez mais complexo o combate a esses crimes cibernéticos.

As projeções para 2024, conforme aponta a Kaspersky, indicam que a IA será uma ferramenta fundamental para os criminosos criarem golpes cada vez mais sofisticados.

A utilização de IA para criar conteúdos falsos, como anúncios, e-mails e websites, é uma tendência preocupante. Essas ferramentas permitirão uma imitação quase perfeita de canais de comunicação legítimos, dificultando a distinção entre o que é genuíno e o que é fraudulento.

Isto não só aumentará o potencial de fraude, mas também levará a uma proliferação de campanhas de baixa qualidade à medida que a barreira à entrada de criminosos diminui.

Além disso, sistemas de pagamento direto, como o PIX no Brasil, tornam-se alvos de novos golpes direcionados. A expectativa é que surjam malwares bancários específicos para esses sistemas, com o objetivo de explorar suas facilidades para cometer fraudes.

A automatização da fraude, especialmente no mobile banking com o ATS (Automated Transfer System), representa um desafio adicional, permitindo que os golpes aumentem sem a necessidade de intervenção manual dos criminosos.

Para o cenário empresarial em 2024, a preparação antecipada e a adoção de soluções de segurança avançadas serão essenciais.

Estar um passo à frente na detecção e prevenção destas tendências de fraude será crucial para proteger clientes e empresas.

Confira as cinco principais tendências de fraudes para 2024 e saiba como se proteger

1. Deep Fake e Chat Bots em Engenharia Social

A conscientização sobre golpes de engenharia social tem aumentado, mas os fraudadores estão se adaptando. O uso de deep fakes e chatbots para criar áudio convincente e persuasivo é uma ameaça iminente. Soluções como o FraudGPT estão sendo exploradas para organizar ataques cada vez mais sofisticados.

Para as empresas digitais é importante investir em sistemas avançados de detecção de fraudes, treinar equipes para identificar sinais de manipulação e educar os clientes sobre novas formas de ataques será essencial.

A tecnologia baseada em IA contribui para o desenvolvimento de métodos avançados de autenticação biométrica, como reconhecimento facial baseado em aprendizagem profunda e sistemas de reconhecimento de voz.

Além disso, a IA generativa pode auxiliar em análises comportamentais mais precisas e granulares que as empresas podem usar para criar perfis de usuário detalhados e analisar padrões de comportamento do usuário.

2. Ferramentas de fraude e acesso remoto

Os criminosos adotam ferramentas tecnológicas para mascarar a sua identidade e obter acesso remoto aos dispositivos das vítimas. Setores sensíveis, como o bancário e os de pagamentos, correm um risco substancial com esta tendência.

Os decisores precisam implementar medidas de autenticação robustas, como ferramentas que possibilitem a identificação deste modus operandi, monitorar continuamente atividades suspeitas e reforçar a segurança dos dados.

3. Ataques de Bots e Device Farm

Os fraudadores estão expandindo o uso de bots e farms de dispositivos complexos para ataques direcionados e difíceis de detectar.

É necessário desenvolver estratégias avançadas de detecção de ferramentas de automação, como analisar detalhadamente ocomportamento e identificar padrões incomuns.

4. Fraude de afiliados em marketing digital

O marketing digital, especialmente no Brasil, corre risco com o aumento de fraudes por afiliados falsos em busca de comissões indevidas.

As empresas devem encontrar formas eficazes de verificar a autenticidade dos afiliados, adotar ferramentas de monitoramento de tráfego e estabelecer protocolos rigorosos para identificar tráfego suspeito.

5. Fraude em Criptoativos e Investimentos

O mercado de criptoativos é alvo atrativo para fraudadores, que visam roubar saldos e criar contas falsas para lavagem de dinheiro.

Portanto, para 2024, vale a pena reforçar as medidas de segurança nas plataformas de investimento, como uma autenticação robusta no login e o monitoramento constante das transações, o que é crucial para mitigar esses riscos.

Para se manterem à frente da fraude no próximo ano, as empresas devem criar estratégias em três áreas principais: um sistema de deteção de riscos capaz de descobrir até as táticas mais obscuras utilizadas pelos fraudadores para ocultar a sua identidade e detalhes do dispositivo, modelos de machine learning e deep learning que se adaptam continuamente às ameaças emergentes, insights da dark web para se manter atualizado sobre as novas tendências e comportamentos de fraude para medidas proativas.

A evolução do ransomware também é preocupante, pois os ataques serão mais seletivos, visando instituições financeiras e estruturas criminosas mais fluidas, dificultando ainda mais o combate a estes crimes.

Por fim, a exploração de vulnerabilidades em programas de código aberto e a migração para “ataques de um dia” indicam uma mudança na estratégia dos criminosos, tornando mais desafiador identificar e combater estes ataques.

Neste contexto, as corporações precisam se preparar para a evolução da IA, pois ela aumenta consideravelmente a sofisticação desses ataques, exigindo melhoria constante nas medidas de segurança, lançando mão de tecnologias Know Your Customer e digital fingerprinting, além de conscientização por parte das empresas e dos usuários finais.

Como a inovação pode contribuir para a prevenção de fraudes nas empresas

As principais aplicações de IA no combate às fraudes financeiras

IA impulsionará deepfake e envenenamento de dados em 2024, prevê Lumu

Somos o maior portal brasileiro sobre Criptografia e Identificação Digital.

Com uma década de existência, temos um público de cerca de 2 milhões de leitores por ano.

As empresas que nos apoiam e nossos colunistas ajudam a criar um mundo digital mais seguro, confiável e tranquilo.

Acompanhe o Crypto ID nas redes sociais!

CATEGORIAS

Destaques Notícias

TAGS

fraudes