Últimas notícias

Fique informado

LGPD: entenda como a logística pode garantir a segurança de dados dos consumidores

31 de outubro de 2022

Spotlight

Entenda o Incidente de Segurança no Siafi que fez o Tesouro exigir a autenticação exclusivamente com Certificados Digitais ICP-Brasil

No Siafi os certificados ICP-Brasil vão conferir Integridade, autenticidade, conformidade, confidencialidade, disponibilidade, legalidade e irretratabilidade.

22 de abril de 2024

O Halving do Bitcoin: Entendendo o Evento que Redefine a Oferta da Criptomoeda. Por Susana Taboas

Uma visão geral do que é o halving do Bitcoin e sua importância no contexto da economia digital.

17 de abril de 2024

Bertacchini da Nethone compartilha sua visão sobre o cenário atual de fraudes digitais

Tivemos a oportunidade de conversar com Bertacchini, especialista em Desenvolvimento de Negócios Sênior na Nethone, sobre como as empresas podem se blindar contra ciberameaças.

17 de abril de 2024

Do primeiro Robô Advogado ao ChatGPT: Você sabe como as IAs podem impactar o futuro do setor jurídico?

Assista o webinar na íntegra, gratuitamente pelo canal oficial da doc9 no YouTube e obtenha insights essenciais sobre como aproveitar ao máximo as tecnologias emergentes e manter vantagem competitiva neste setor em constante evolução.

28 de março de 2024

AX4B: 64% das empresas brasileiras não possuem soluções corporativas de antivírus, apesar do aumento de 7% nos ataques cibernéticos

A AX4B acaba de divulgar os resultados de sua mais recente pesquisa sobre a situação da segurança cibernética no Brasil.

26 de março de 2024

Em vigor efetivo desde o segundo semestre de 2020, a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD) determina diretrizes rigorosas

Grupo Intelipost reforça que ações protetivas vão além do investimento em tecnologias

Em vigor efetivo desde o segundo semestre de 2020, a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD) determina diretrizes rigorosas para a coleta, tratamento e armazenamento de dados pessoais.

Desta forma, qualquer instituição que detém informações de clientes ou funcionários, é obrigada a protegê-los.

Neste cenário, empresas de logística que lidam diariamente com os dados que possibilitam a identificação de um indivíduo, precisam redobrar os cuidados e se atentar, primeiramente, aos locais nos quais os dados do consumidor final ficam expostos, como por exemplo, etiquetas.

“Atualmente, as empresas podem usar a nota fiscal simplificada como etiqueta, porém, muitas corporações disponibilizam, neste documento, dados desnecessários para o processo de entrega, como, por exemplo, o CPF do consumidor. Nesse sentido, o varejista pode reduzir ao máximo as informações, ocultando dígitos de números de documento e informando apenas a categoria dos produtos contidos no embrulho”, explica Stefan Rehm, CSO do Grupo Intelipost. 

Neste aspecto, o investimento em tecnologias de gestão, que entendem que os dados são sensíveis e reduzem ou mascaram essas informações, são de grande valia para as empresas de logística.

Em relação às tecnologias, há outras medidas que as corporações do  segmento devem adotar para garantir a segurança da informação para clientes e consumidores finais.

“É necessário que haja treinamentos específicos para as pessoas que operam os dados, além de estabelecimento de medidas preventivas como, por exemplo, a avaliação de consultorias, testes de segurança de sistema e claro, dispor de certificações existentes no mercado”, comenta Rehm. 

Para o executivo, além de um DPO (Data Protection Officer) – profissional encarregado pela comunicação entre a instituição, os titulares dos dados e a Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD) – as empresas de logística precisam dispor de no mínimo um colaborador operacional para acompanhar de perto a gestão de dados gerados. 

A empresa inclusive foi uma das primeiras do setor em que atua a obter a certificação ISO27001, que é a referência Internacional para a gestão da Segurança da informação.

Vale ressaltar que as empresas que não atuam de acordo com a LGPD, estão expostas ao risco de serem penalizadas por meio de aplicações de multas, instauração de inquéritos administrativos e obrigatoriedade de bloqueio ou exclusão de dados.

Sobre o Grupo Intelipost

Presente no mercado há oito anos, o Grupo Intelipost é o maior grupo de tecnologia logística do Brasil com soluções que simplificam os processos logísticos para e-commerces, marketplaces e operadores logísticos.

O Grupo tem como missão revolucionar a logística por meio de tecnologias inteligentes e assim, ajudar empresas a crescer no mercado. 

Dois anos de LGPD expõem empresas a se tornar alvos fáceis das gangues cibernéticas

Inteligência Artificial une adequação à LGPD ao crescimento dos negócios

Sete práticas para garantir a conformidade com a LGPD

Cibercriminosos usam a LGPD para pressionar seus alvos a quitarem o “resgate” com valor mais alto