Últimas notícias

Fique informado
Algumas tendências que com certeza se ampliarão em 2019. Por William Bergamo

Algumas tendências que com certeza se ampliarão em 2019. Por William Bergamo

12/12/2018

Spotlight

Consentimento: dádiva ou presente de grego?

Obteve o consentimento? Então, seus problemas acabaram. Será?

06/09/2019

O que vai rolar no próximo CertForum? Programação atualizada. Confira!

A 17ª edição do CertForum será realizada em Brasília entre os dias 24 e 26 de setembro.

05/09/2019

Ataques por email são a maior ameaça para as empresas revela estudo

É realmente surpreendente que empresas contratem seguros contra ciberataques por invasão via emails corporativos e não adotem simples soluções para prevenção.

04/09/2019

A Transformação Digital do processo de envio de documentos transacionais

Enviar mensalmente documentos transacionais impressos como faturas, boletos, extratos, apólices, cobranças ficou ainda mais caro.

29/08/2018

Algumas tendências que com certeza se ampliarão em 2019

William Bergamo

Por William Bergamo

O ano de 2019 se aproxima e muita expectativa se cria em função do novo cenário político e econômico que se inicia em breve!

A eleição de um Presidente com grande apoio somado a uma diretriz econômica mais liberal sinaliza que teremos uma estabilidade política e um direcionamento econômico que facilitarão a entrada de novos investimentos, impulsionando nossa economia a iniciar uma retomada de seu crescimento.

Na área de tecnologia alguns temas despontam com grande viés de adoção para 2019: A Transformação Digital e a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados), a versão brasileira da GDPR (General Data Protection Resolution).

Diante dessas duas grandes oportunidades para 2019 existe muita expectativa positiva, mas de certa forma, também, apreensão.

Transformação Digital

A Transformação Digital é um assunto que mais cedo (de preferência) ou mais tarde, as empresas terão de se debruçar, entender como as tecnologias hoje disponíveis podem impactar positivamente os processos de negócio, seja reduzindo custos, otimizando processos ou aperfeiçoando a experiencia do cliente. O fato é que para as empresas se manterem competitivas terão de se movimentar para tornar seus processos mais aderentes a uma economia cada vez mais digital.

E a velocidade e qualidade com que se implementa a Transformação Digital será fator crítico de sucesso, e não estamos falando só de ferramental tecnológico, estamos nos referindo, também e principalmente, aos recursos humanos envolvidos. As pessoas continuam sendo um grande fator de sucesso em toda mudança que se implementa e desta forma o nível de aceitação e engajamento das mesmas é de extrema importância e pode significar o fracasso de um projeto de Transformação Digital, independentemente das tecnologias utilizadas, se os níveis de engajamento e aceitação por parte dos envolvidos forem negligenciados.

Segurança da informação

Outro ponto não menos importante é a preocupação com a Segurança. Quanto mais as empresas tornam seus processos digitais, mais diligentes devem ser com sua Segurança Digital. E, com isso não tem espaço para improvisação!  É preciso de fato escolher tecnologias e processos que mitigam de forma consistente os riscos cibernéticos inerentes a Transformação Digital.

LGPD

Nos últimos anos tivemos uma “explosão” de dados trafegados na internet decorrente do consumo digital de serviços em geral, e este cenário despertou em muitos a necessidade de se criar limites em um jogo que até então estava sendo jogado sem regras claras. Desta forma, a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados) veio para estabelecer uma norma para o uso de dados pessoais no Brasil, tanto no âmbito online quanto offline, nos setores privados e públicos.

De forma resumida, a LGPD, é uma legislação que estabelece regras para proteção dos dados e deve ser respeitada por todas as empresas que operam em território nacional e por conta disso será imperativo deixar em conformidade suas políticas de captura, armazenamento, consulta e distribuição de dados pessoais.

A lei prevê multas para empresas que descumprirem a lei e os valores podem chegar até 2% do faturamento da empresa, limitados a R$ 50 milhões por infração.

Isso tudo corrobora com a intrínseca necessidade das empresas em se preocupar de fato com a proteção dos dados sob sua responsabilidade. Com este cenário entendemos que existe uma perspectiva positiva com a busca por soluções de tecnologia e de processos que reduzam significativamente os riscos de um eventual vazamento de informações ou até mesmo um uso não autorizado. E, conforme anteriormente exposto, as multas serão altas para quem descumprir os termos desta Lei.

Desta forma, no crepúsculo de 2018, estamos confiantes que teremos um 2019 mais consistente economicamente, estável politicamente e “borbulhando” estes 02 temas que precisam, efetivamente ser endereçados pelas empresas, seja pelo “amor ou pela dor”.

Pronta para atender a todas estas demandas que surgirão no ano que se aproxima, a e-Safer (www.e-safer.com.br) atua fortemente para levar aos seus clientes as melhores soluções de Transformação Digital baseadas em solidas estruturas e conceitos de Segurança da Informação. Além de entregar soluções 100% aderentes a LGPD para que as empresas se preocupem apenas com o seu negócio.

William Bergamo –  Co-Founder, Board Member and Head of Sales at e-Safer Consultoria em Tecnologia da Informação