Últimas notícias

Fique informado

BRy Tecnologia é credenciada como Prestador de Serviço de Confiança pelo Instituto Nacional de Tecnologia da Informação

05/11/2019

Credenciamento é garantia de que a empresa de tecnologia segue alto padrão de segurança na emissão de certificados digitais em nuvem 

empresa-de-tecnologia

Da esquerda para a direita: Alexandre Munia, Mauricio Coelho, Angela Maria de Oliveira,Marcelo Buz, Rafael Godinho da BRy e Eduardo Lacerda.

A empresa catarinense BRy Tecnologia agora está credenciada como Prestador de Serviço de Confiança (PSC) pelo Instituto Nacional de Tecnologia da Informação  — uma autarquia federal, vinculada à Casa Civil da Presidência da República, que tem por missão manter e executar as políticas da Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira (ICP-Brasil).

O título foi concedido em cerimônia no dia 1º de novembro, em Brasília, e é uma certificação de que a BRy é auditada e fiscalizada pelo órgão federal para oferecer serviços de armazenamento de chaves privadas para usuários finais e está apta a comercializar certificados digitais das autoridades certificadoras (ACs) credenciadas.

Carlos Roberto De Rolt | Fundador da BRy Tecnologia

“O credenciamento é a garantia do nível máximo de confiança para o armazenamento de certificados digitais em nuvem”, explica Carlos Roberto De Rolt, fundador da BRy Tecnologia. Esta solução é usada em serviços de assinaturas digitais que seguem o padrão da Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira (ICP-Brasil).

Os clientes e empresas parceiras da BRy continuam a contar com o serviço de assinatura digital com certificado na nuvem que agrega velocidade, mobilidade, rastreabilidade e segurança no processo de contratualização digital.

“Já somos autoridade em carimbo do tempo nestas políticas da ICP-Brasil. Com o credenciamento, estamos dentro dos padrões de normatização que garantem a interoperabilidade entre os demais entes da ICP-Brasil. A BRy preza muito pela observância dos normativos técnicos e jurídicos com relação à certificação digital e esse credenciamento é um caminho natural dessas soluções tecnológicas”, afirma Rafael Godinho, diretor comercial da BRy Tecnologia.

Este ano, o ITI  reforçou o trabalho para padronizar a emissão de documentos digitais com o objetivo de prevenir fraudes, crimes cibernéticos e, ao mesmo tempo, facilitar a digitalização de serviços públicos e privados.  Neste processo, foi normalizada a categoria de PSC para agilizar e dar mais segurança à emissão de certificados em nuvem.

Para se tornar PSC é necessário que a solução oferecida pela empresa seja armazenada em uma sala cofre com todos os requisitos de segurança de uma autoridade certificadora (AC), além de estar de acordo com normas internacionais para módulos criptográficos.

A certificação digital hoje é usada para desburocratizar a assinatura de documentos e reduzir custos de impressão. A tecnologia também garante mais segurança, pois é protegida com criptografia de alta complexidade e tem validade jurídica.

Fazem uso desta solução da BRy Tecnologia empresas como o Banco Inter, que realiza assinatura de 40 mil documentos por mês, e a Prefeitura de Vitória (ES), que reduziu de 30 para 7 dias o prazo de entrega de exames médicos para pacientes das unidades de saúde do município.

Sobre a BRy

A BRy Tecnologia atua na aplicação de protocolos criptográficos para tornar operações e negociações digitais mais seguras. Apostando constantemente em parcerias e no desenvolvimento de tecnologia, é referência em soluções para carimbo do tempo, assinatura e certificação digital, infraestrutura de chaves públicas e biometria. Com sua tecnologia, abre caminho para a transformação digital, o aumento da produtividade de empresas e a otimização do tempo. Os serviços oferecidos pela BRy atendem as necessidades de grandes, pequenas empresas e startups, além de organizações públicas, que processam altos volumes de dados e documentos. A empresa se destaca por ser fabricante do Sistema de Carimbo do Tempo homologado pela ICP-Brasil. A empresa apresentou crescimento CAGR (taxa de crescimento anual composta) de 30% entre 2013 e 2018. Hoje, são mais de 20 mil clientes atendidos, 2 bilhões de assinaturas digitais realizadas em suas aplicações e mais de 100 milhões de carimbos do tempo emitidos. 

Qual é o primeiro passo para migrar para nuvem?

Tecnologia de reconhecimento facial da NEC ocupa o primeiro lugar nos testes de precisão do NIST

Arquitetura em Nuvem: entenda o conceito