Últimas notícias

Fique informado

HUB ITI assespro-SP nasce como um ecossistema voltado a startups e empresas do setor de Tecnologia da Informação

16/09/2020

Spotlight

A sanção da Lei 14.063 de 2020, segundo agência Senado.

A nova lei cria dois novos tipos de assinatura eletrônica em comunicações com entes públicos e em questões de saúde: simples e avançada.

25/09/2020

Lei Geral de Proteção de Dados Brasileira – LGPD começa a valer

Começa a valer nesta sexta 18 de setembro de 2020 conforme o texto aprovado pelo Senado .

18/09/2020

Como gerenciar Identidades Digitais em empresas públicas e privadas? Ouça

Sobre como gerenciar eIDs, conversamos com Luís Correia – Business Development da AET EUROPE, empresa global na área de soluções de segurança digital.

02/09/2020

LGPD: projetos de lei para minimizar as consequências do Covid-19 podem causar interpretações erradas

 A recomendação de Pedro Vilhena é que as empresas mantenham seus processos de adequação a LGPD independentemente de qualquer medida do Governo.

02/04/2020

Cinco dicas para o sucesso das empresas na era da LGPD. Por Paulo Padrão

A LGPD irá impor limites muito mais específicos e rígidos para coleta, armazenamento, manuseio e até eliminação de informações pessoais.

18/03/2020

Com custo acessível e localizado no coração de São Paulo, esse HUB é muito mais que um coworking

A assespro-SP (Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação – Regional de São Paulo) e o ITI – Instituto Tecnológico Inovação firmaram uma parceria para a criação de um novo hub de oportunidades, o Hub ITI assespro-SP.

O projeto tem como objetivo fomentar o ecossistema de inovação e de novos negócios entre as micro, pequenas e médias empresas e startups do setor de tecnologia do Brasil.

Idealizado pela assesspro-SP – associação que está há 43 anos fomentando inovação e conectando os ecossistemas do setor de TIC do estado de São Paulo –  em parceria com o ITI – entidade que tem a tecnologia em seu DNA –  o hub foi pensado para apoiar as startups, PME e ter um espaço físico para fomentar e conectar o setor de tecnologia do estado de São Paulo, trabalho já realizado pela entidade.

Marelo Pascios – Presidente da assespro-SP

“A proposta é construir um ecossistema forte entre os associados da assespro-SP, residentes do HUB e os ecossistemas do setor de tecnologia de todo o estado, com o mercado nacional e internacional. Seguindo nosso lema: “Vamos construir juntos!”, é exatamente disso que o espaço se trata: um local de colaboração e construção aberto ao empreendedor que busca um caminho para o desenvolvimento em seu ramo de atuação”, explica Marelo Pascios, presidente da assespro-SP.

Neste novo momento, onde toda sociedade foi conduzida a realizar uma transformação digital, e por consequência redesenhar suas estruturas, o hub terá um grupo inicial de 14 residentes. A entidade e o instituto esperam assim, conectar as empresas, startups, organizações públicas e privadas, empreendedores em busca de inovação e centros de conhecimento e pesquisa em tecnologia.

Norio Nakashima – Diretor de startups

“A assespro-SP oferecerá às startups residentes uma mentoria individualizada, na qual eu e profissionais com experiência na criação e lançamento de negócios do setor de TIC compartilham suas opiniões, insights e reflexões com os empreendedores, visando identificar atalhos nos processos de marketing, vendas, finanças e, principalmente, parcerias estratégicas.”

O networking amplo e qualificado da assespro-SP potencializa o fomento aos novos negócios. O sucesso da mentoria virá da compatibilidade pessoal combinada ao contraste fora da zona de conforto, cujo papel mais importante é inspirar os residentes a definir metas e perseguir seus objetivos empresariais”, comenta Norio Nakashima, diretor de startups e mentor dos residentes iniciais do HUB.

Na de Adriano Mendes, diretor Jurídico e responsável pelo Grupo Juridico/LGPD exclusivo aos associados da assespro-SP, a transformação digital trouxe uma série de possibilidades para o mercado de tecnologia, mas ainda há muitos “ifs” e maneiras do direito brasileiro ser interpretado.

Adriano Mendeiros – Diretor Jurídico e responsável pelo Grupo Juridico/LGPD

“Ao analisar um MVP ou business plan, saber logo se pode ou não, ou melhor, como pode-se fazer algo que também pare de pé em termos jurídicos, salvará muito tempo e evitará problemas que podem facilmente serem resolvidos nos estágios iniciais de desenvolvimento.”

Por isso, a possibilidade trazida pelo ITI e ASSESPRO-SP de oferecer apoio jurídico especializado nas áreas de consultoria em direito digital, empresarial e proteção de dados é fundamental para que as startups e residentes consigam desenvolver seus produtos e tecnologias de forma madura e com visão de longo prazo”, afirma.

As “residentes” (startups e empresas do setor de TIC), terão acesso à Internet WI FI de alta velocidade; Copa compartilhada; Monitoramento / Segurança; Sala de reunião e Treinamentos*; Recepção e aquele bom e tradicional cafezinho. Mas o conceito vai além do tradicional de coworking. A partir de um investimento mensal de R$ 800,00*.

Sua localização estratégica, na Alameda Santos 880, no coração da cidade de São Paulo, a poucos metros e no mesmo quarteirão da Avenida Paulista, conta com coworking, espaço para pequenos eventos, sala de reunião e treinamentos, estúdio de gravação**.

Enfim, um ecossistema voltado a colaboração e conexão dos ecossistemas de tecnologia do estado de São Paulo, conectando com outros associados da própria Assespro e outros empresários nacionais e internacionais.

Waldemar Lobo – Vice-presidente de articulação da assespro-SP

“Quanto falamos do cenário brasileiro, os comentários dos empreendedores ou de quem pretende empreender, é exatamente a falta de apoio e de suporte ao empresário no país.”

O Hub  irá fomentar a conexão do empreendedor com outros do seu meio, fornecendo um espaço confortável para que ele possa iniciar e/ou desempenhar a sua empresa, além de ter um grande apoio, com aconselhamentos, mentorias, palestras preparando-o na captação de investidores e todo apoio que essas duas instituições trazem com a força que têm no mercado de TIC.” 

“Trazendo a startup/empresa para o nosso espaço, o empreendedor ganha a “musculatura” que precisa para divulgar a sua empresa ou startup, de uma forma estruturada”, enfatiza Waldemar Lobo, vice-presidente de articulação da assespro-SP.

Há várias possibilidades de contratação dos serviços oferecidos no espaço. Conheças as principais:

Residente Virtual

Com um plano a partir de R$ 100,00* mensais o empreendedor terá: Endereço comercial, 2h/mês de acesso ao hall do HUB, no horário comercial 9h às 18h, segunda a sexta, conforme disponibilidade; gestão de correspondência; desconto na utilização da sala de reunião, treinamento e espaço para eventos.

As startups e empresas que não tenham CNPJ no estado de São Paulo, podem ter acesso a orientações para abertura de filial. Para isso é preciso informar essa necessidade no cadastro inicial.

Residente

Com este plano mais amplo, a partir de R$ 800,00*, os empreendedores terão acesso a endereço comercial; 01 estação de trabalho; Acesso ao HUB de segunda a sexta das 08h às 19h; grupo exclusivo dos residentes do HUB; 4h/mês de sala de reunião (não acumulativa e conforme disponibilidade); Gestão de correspondência; Desconto na utilização extra da sala de reunião e treinamento e espaço para eventos no HUB*. 

Vídeo do Pitch e divulgação no site da assespro-SP/HUB/residentes; Mentoria com o consultor Norio Nakashima – 1h/mês (coletivo e/ou individualmente, conforme programação); Diagnóstico comunicação ON e OFF realizado pela N19 Comunicação; Palestra “Preparando sua startup para captar investidores”. Além de 01 Atividade / Atendimento por mês pelo escritório Assis e Mendes Advogados (Não incluso trabalhista, apenas empresarial, em regime virtual / online. Até 2h/mês).

 *Necessário agendamento para utilização das salas de reuniões e outros espaços. Verificar as condições e período mínimo de contratação para cada plano.

Mas se o que o empreendedor precisa é de algo personalizado, o Hub também oferece essa opção. Os escritórios podem ser montados sob demanda. E o espaço disponibiliza a estrutura de sala de reunião e treinamentos, espaço para encontros de até 30 a 35 pessoas.

O hub permite ainda que empresas da sociedade em geral, de tecnologia ou não, tenham sua marca em destaque no espaço, realize ações com residentes e associados, além de realizar parcerias que agreguem valor ao ecossistema do HUB e associados assespro-SP.

Conecte-se com o HUB ITI assespro-SP!

Assespro-PR alerta empresas sobre adequação à LGPD, que pode entrar em vigor em agosto

Assespro se pronuncia sobre a aprovação pelo Senado da prorrogação da vigência da LGPD e das punições às empresas

Confira como foi a 2ª CertLive do ITI

Siga o Crypto ID no Linkedin e acompanhe as atualizações sobre inovação e segurança da informação com foco em eIDs e Criptografia!