Últimas notícias

Fique informado

CVM avança em transparência da agenda ESG

22 de março de 2023

Spotlight

A Transformação Digital do Mercado Imobiliário: Blockchain, Moedas digitais, Cartórios e o Futuro

A tecnologia blockchain tem despertado interesse devido ao seu potencial disruptivo em vários setores, incluindo o setor imobiliário.

8 de abril de 2024

Empresa de Israel traz tecnologia de ponta em cibersegurança para o mercado brasileiro

Com o potencial de crescimento do mercado brasileiro e sua consequente inserção no ambiente digital, os fundadores da Cysfera decidiram trazer as inovações de ponta israelenses ao cenário nacional.

3 de abril de 2024

Do primeiro Robô Advogado ao ChatGPT: Você sabe como as IAs podem impactar o futuro do setor jurídico?

Assista o webinar na íntegra, gratuitamente pelo canal oficial da doc9 no YouTube e obtenha insights essenciais sobre como aproveitar ao máximo as tecnologias emergentes e manter vantagem competitiva neste setor em constante evolução.

28 de março de 2024

AX4B: 64% das empresas brasileiras não possuem soluções corporativas de antivírus, apesar do aumento de 7% nos ataques cibernéticos

A AX4B acaba de divulgar os resultados de sua mais recente pesquisa sobre a situação da segurança cibernética no Brasil.

26 de março de 2024

Sequestro de dados: é mais caro investir em segurança ou pagar o resgate?

Também é preciso ter processos bem definidos, mapeamento de dados, maturidade da TI, políticas de segurança bem estabelecidas, senhas complexas, plano de continuidade.

11 de outubro de 2022

O papel fundamental do compliance na agenda ESG

O compliance está relacionado a Governança Corporativa, este compromisso possui três pilares essenciais: prevenir, detectar e corrigir

2 de setembro de 2022

O Pacto Global da ONU no Brasil divulgou resultados que acendem o sinal de alerta para a atuação das empresas brasileiras no tema ESG

Em sua nova edição do Observatório 2030, o Pacto Global da ONU no Brasil divulgou resultados que acendem o sinal de alerta para a atuação das empresas brasileiras no tema ESG.

Segundo reportagem publicada pelo Valor Econômico, a análise de 82 empresas de capital aberto que reportam seus resultados nos padrões do Global Reporting Initiative (GRI) mostrou que pouco menos de 3% das companhias brasileiras de capital aberto possuem metas baseadas em estudos e pesquisas científicas em suas agendas.

Entre os pontos destacados estão as mudanças climáticas, cuidado com a água e o avanço da diversidade nas empresas. 

“Tem muita gente prometendo zerar emissões de carbono até 2050, o que é fundamental, mas como? Qual o caminho até lá? Precisamos do caminho, do comprometimento com iniciativas com base na ciência, então o Observatório 2030 mostra o quanto é fundamental monitorar todos esses compromissos”, exemplifica Carlo Pereira, CEO do Pacto Global da ONU no Brasil, ao veículo de imprensa.

A necessidade de cobrar resultados mais claros e compará-los com os discursos das empresas é crucial para a sociedade.

E essa frente ganhou uma importante ferramenta de transparência com a Resolução nº 59/21 da Comissão de Valores Mobiliários (CVM). 

Em vigor desde o dia 2 de janeiro de 2023, a norma estabelece a necessidade de divulgação por parte das companhias abertas dados referentes às suas práticas ESG, com base no formato “pratique ou justifique”, no formulário de referência. 

Exigências da resolução

Entre os principais pontos que passam a ser exigidos pela CVM estão: auditoria independente, indicadores-chave de desempenho da avaliação de materialidade, metas para a matriz de materialidade baseadas nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), informações claras sobre diversidade, metas e critérios que vinculam a remuneração dos executivos às métricas ESG e recomendações de organizações relacionadas ao clima.

A padronização desses dados divulgados pelas Companhias pode tornar a análise dos investidores mais assertiva, fornecendo informações consistentes, comparáveis e confiáveis, diminuindo o risco de greenwashing.

Como a tecnologia pode ajudar a levar as ações de ESG à prática

Afinal, como unir ESG e cibersegurança em busca de governança efetiva?

Cibercriminosos usam a LGPD para pressionar seus alvos a quitarem o “resgate” com valor mais alto

Somos o maior portal brasileiro sobre Criptografia e Identificação Digital.

Com uma década de existência, temos um público de cerca de 2 milhões de leitores por ano.

As empresas que nos apoiam e nossos colunistas ajudam a criar um mundo digital mais seguro, confiável e tranquilo.

Acompanhe o Crypto ID nas redes sociais!