Últimas notícias

Fique informado

BRy Tecnologia amplia atuação no setor de Certificados Digitais

15/06/2019

Empresa acompanha o crescimento do setor, que só em 2018 emitiu mais de quatro milhões de certificados digitais

A Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira (ICP-Brasil) emitiu mais de quatro milhões de certificados digitais em 2018 — aumento de 23,10% em relação ao ano anterior, quando foram emitidos 3.587.733. De junho de 2018 a maio de 2019 foram emitidos 4.953.954 certificados digitais no padrão da Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira – ICP-Brasil, crescimento de 31,67%.

O crescimento é um reflexo de políticas de inovação e transformação digital que passaram a ser implementadas por empresas públicas e privadas nos últimos anos.

Uma das referências neste segmento é a BRy Tecnologia, empresa que desenvolve soluções para carimbo do tempo, assinatura e certificação digital, infraestrutura de chaves públicas e biometria, conferindo mais segurança a operações eletrônicas.

Ao longo de seus 18 anos de atuação, já foram realizadas 2 bilhões de assinaturas digitais em suas aplicações e mais de 100 milhões de carimbos do tempo foram emitidos a partir de seu sistema, único homologado pela ICP-Brasil.

Com nova sede, em Florianópolis (SC), e vagas abertas em diversos setores, a empresa estima crescimento de 30% em seu faturamento em 2019.

Desde que foi criada no início dos anos 2000, a BRy tem como propósito tornar operações e negociações digitais mais seguras. Apostando na evolução da tecnologia para solucionar as principais dores dos empresários brasileiros em relação a coleta e verificação de assinaturas, protocolação e carimbo digital, armazenamento e emissão de certificados digitais, identificação biométrica, além do sistema para tornar empresas autoridades certificadoras corporativas.

Segundo Carlos Roberto De Rolt, fundador da empresa, o objetivo é contribuir para a transformação digital das organizações brasileiras.

“Estamos focados em fornecer a tecnologia segura e necessária para caminharmos cada vez mais para o fim da burocratização. Isso é possível a partir da desmaterialização de processos, aliado ao aumento da produtividade de empresas e à otimização do tempo”, comenta.

Os serviços oferecidos pela BRy atendem as necessidades de profissionais liberais, bancos, financeiras, empresas de tecnologia, órgãos públicos e startups, atualmente são mais de 20 mil clientes atendidos.

“Os primeiros dez anos de empresa foram de desenvolvimento de produtos e formação de mercado. Criamos um acervo de tecnologia forte e adquirimos uma bagagem tecnológica importante para continuarmos inovando em nosso segmento e expandir nossa atuação para novos mercados”, recorda De Rolt.

A empresa continua se atualizando e lançando novidades, como a nova funcionalidade do serviço de coleta de assinaturas da Plataforma de Certificação Digital BRy Cloud.

A assinatura híbrida permite que o mesmo documento eletrônico contenha assinaturas digitais e eletrônicas, conferindo valor jurídico para contratos como financiamento, aluguel, linha telefônica e prestação de serviço.

Além disso, também pode ajudar organizações a otimizar processos internos — contratação, solicitação de férias, memorandos. “Mais um passo dado em direção ao movimento importante que é a transformação digital no nosso país e no mundo”, segundo o fundador da BRy.

Para o futuro, a ideia é escalar o uso da tecnologia de certificação digital no Brasil, ajudando a conferir mais agilidade e reduzir o custo de operações eletrônicas.

“Queremos prover serviços fáceis de certificação digital e carimbo do tempo, agregando privacidade aos documentos. O desafio é entregar a criptografia empacotada e pronta para o usuário final, sem a complexidade matemática, para que as pessoas possam fazer uso da tecnologia e tenham cada vez mais confiança ao realizar suas transações na internet”, explica De Rolt.

A certificação digital, que já é conhecida e utilizada no setor público, está conquistando um novo espaço no meio corporativo, agregando segurança às relações entre pessoas jurídicas.

“Cada vez mais as empresas percebem as vantagens da desmaterialização de processos. Com a transformação digital, o meio virtual passará a ser mais utilizado e para isso são necessárias certas garantias da formalização das relações — compras, pedidos, financiamentos —, que serão proporcionadas pela certificação digital”, conta De Rolt.

Outro benefício do uso da tecnologia na troca de documentos eletrônicos para as organizações é tornar as transações mais ágeis, eficientes e transparentes para as empresas e o público em geral.

Segundo o fundador da BRy, a tendência é que a certificação digital seja popularizada, passando a ser utilizada para exercer a cidadania, como uma forma de acesso ao serviço público no futuro.

“Imagine que o cidadão está angustiado com a burocracia para abrir ou fechar uma empresa, para assinar um contrato de compra e venda, uma escritura ou para fazer um testamento. Nossa missão é tornar esses processos mais fáceis, desenvolvendo a tecnologia de certificação digital para que essas relações de troca de documentos eletrônicos sejam transparentes de fato”, afirma. Ele acredita que a tecnologia tem o potencial de prover integração, aumentando a qualidade dos serviços para atender melhor aos cidadãos.

Nova regra libera qualquer certificado digital para constituição de empresas

Serasa Experian fecha acordo com Abav-SP para emissão de Certificados Digitais – Ouça