Últimas notícias

Fique informado

Investimentos em genAI para evoluir nuvem avançada no Brasil impulsionam fornecedores de serviços em Oracle cloud, diz TGT ISG

5 de fevereiro de 2024

Spotlight

O Halving do Bitcoin: Entendendo o Evento que Redefine a Oferta da Criptomoeda. Por Susana Taboas

Uma visão geral do que é o halving do Bitcoin e sua importância no contexto da economia digital.

17 de abril de 2024

Bertacchini da Nethone compartilha sua visão sobre o cenário atual de fraudes digitais

Tivemos a oportunidade de conversar com Bertacchini, especialista em Desenvolvimento de Negócios Sênior na Nethone, sobre como as empresas podem se blindar contra ciberameaças.

17 de abril de 2024

Do primeiro Robô Advogado ao ChatGPT: Você sabe como as IAs podem impactar o futuro do setor jurídico?

Assista o webinar na íntegra, gratuitamente pelo canal oficial da doc9 no YouTube e obtenha insights essenciais sobre como aproveitar ao máximo as tecnologias emergentes e manter vantagem competitiva neste setor em constante evolução.

28 de março de 2024

AX4B: 64% das empresas brasileiras não possuem soluções corporativas de antivírus, apesar do aumento de 7% nos ataques cibernéticos

A AX4B acaba de divulgar os resultados de sua mais recente pesquisa sobre a situação da segurança cibernética no Brasil.

26 de março de 2024

Pesquisa aponta que ameaças à segurança na nuvem continuam desenfreadas

Apesar dos inúmeros benefícios que as organizações obtêm da nuvem, como escalabilidade e flexibilidade, protegê-la continua sendo um desafio

4 de julho de 2023

Relatório da GBG revela que consumidores valorizam mais segurança do que agilidade no Onboarding

GBG revela um cenário atual de desconfiança para os consumidores. Mais de dois terços (67%) dos consumidores estão preocupados que seus dados pessoais

4 de julho de 2023

Relatório da Trend Micro aponta aumento de 31% nos ataques cibernéticos no primeiro trimestre de 2023

O setor bancário continuou a ser o mais visado pelos cibercriminosos, com 1.580 ataques em março, seguido pela indústria e varejo

20 de junho de 2023

Estudo ISG Provider Lens revela que parceiros Oracle aprofundam seus conhecimentos para atender e oferecer suporte aos clientes

Segundo o estudo ISG Provider Lens™ Oracle Cloud and Technology Ecosystem 2023 para o Brasil, produzido e distribuído pela parceria TGT ISG, essa expectativa de investimento impulsionou os fornecedores de serviços a se movimentarem para lançar ofertas ou estabelecer parcerias, abrindo uma oportunidade para a adoção do Oracle Cloud Infraestructure (OCI), o qual oferece soluções para o manuseio de bases de dados em ambientes tecnológicos de nuvem avançados e modernos, caracterizados por alta velocidade e segurança, e que incorporam inteligência artificial generativa.  

Com o objetivo de acelerar sua liderança nos setores de aplicativos e nuvem, a Oracle está investindo na automação industrial de ponta a ponta, desenvolvendo soluções exclusivas segmentadas por setor e utilizando amplamente bancos de dados, ferramentas analíticas e inteligência artificial, criando oportunidade para as empresas fornecedoras.

Enquanto a nuvem é impulsionada por objetivos próprios de negócio, ela também é acelerada por tecnologias como análise de dados, automação de processos robóticos (RPA), aprendizado de máquina (ML), inteligência artificial (AI) e inteligência artificial generativa (GenAI)”, comenta Cristiane Tarricone, distinguished analyst da TGT ISG e autora do estudo. 

De acordo com o relatório, o ecossistema de parceiros da Oracle implementa ações específicas de alinhamento e, em alguns casos, de reposicionamento para atender e oferecer suporte aos clientes.

Os parceiros especializados em nuvem aprofundam seus conhecimentos em OCI, envolvendo os clientes desde o início do processo com abordagem consultiva para definir estratégia e arquiteturas de migração. Além disso, eles realizam significativos investimentos em certificações e especializações para assegurar a qualidade na prestação de serviços. 

Além disso, o estudo indica ênfase na combinação de ofertas SaaS, PaaS e IaaS, que oferecem inúmeras possibilidades e soluções compostas, inclusive viabilizando cenários híbridos, tanto no cenário mundial quanto local.

O Brasil possui o maior PIB da América Latina, além de contar com uma economia que tende a se recuperar no curto e médio prazo,  um mercado de grandes multinacionais que impulsionam o uso de tecnologias e um mercado de médias e pequenas empresas ágil, criativo, inovador e aberto à adoção de novas soluções e tecnologias emergentes no curto prazo”, explica a autora.

A inserção da evolução tecnológica exponencial nos modelos de negócio empresariais direciona os investimentos no ambiente digital, que seguem crescentes e não discricionários. O consumo de soluções e aplicações em nuvem é impulsionado por novos elementos motivadores, tais como a crise energética e a sustentabilidade”.  

O consumo de soluções em serviços gerenciados mantém-se em crescimento, à medida que muitas empresas enfrentam a pressão de otimizar custos e liberar recursos para investir em modelos de negócio em nuvem que promovam a inovação.

No terceiro trimestre de 2023, a ISG Research aponta que globalmente foram gerados $10.3 bilhões em valor de contratos anuais, com destaque para grandes e médias empresas. Migrações para nuvens múltiplas e híbridas estão ganhando espaço em um mercado onde a redução de custos discricionários é um fator prioritário na tomada de decisão. 

Para a autora, a oportunidade de mercado é também um ponto de atenção para as empresas. “Sabemos que essa tecnologia pode trazer impactos e oportunidades aos negócios. No entanto, é crucial ter em mente que todo hype tecnológico carrega consigo promessas de melhorias na produtividade que nem sempre se concretizam a curto prazo. Até o momento, observamos uma escassez de comprometimento e estudos de caso no mercado, com predominância de novos parceiros atuando em colaboração e cocriação”, explica Cristiane.

Diante disso, há ainda um longo caminho a ser percorrido para abordar a importante questão da privacidade de dados empresariais e pessoais, assim como a segurança, no uso da GenAI”.  

Por outro lado, o relatório destaca que os parceiros tradicionalmente focados no Oracle Fusion Cloud Applications Suite buscam atrair e envolver os clientes através da contribuição de conhecimento e especialistas no processo de integração de produtos Oracle e não-Oracle, muitas vezes limitados.

Os parceiros que se concentram em soluções específicas de nicho permanecem focados na oferta exclusiva da capacidade específica pela qual foram constituídos e contratados, como é o caso dos especializados em Customer Experience (CX)”, finaliza a autora.  

O relatório 2023 ISG Provider Lens™ Oracle Cloud and Technology Ecosystem para o Brasil avalia as capacidades de 37 fornecedores em três quadrantes: Consulting and Advisory Services, Implementation and Integration Services e Managed Services. 

O relatório nomeia Accenture, Deloitte, Ninecon, V8.Tech e Wipro como Líderes em todos os três quadrantes, enquanto KPMG e Lanlink são nomeadas como Líderes em dois quadrantes cada. G&P, IBM, Kyndryl e TRI são nomeadas Líderes em um quadrante cada. 

Além disso, Dedalus, EBS-IT e TIVIT são nomeadas como Rising Stars – empresas com um “portfólio promissor” e “alto potencial futuro” pela definição do ISG – em um quadrante cada. 

Gartner prevê que receita mundial de semicondutores crescerá 17% em 2024

Gartner prevê que mais de 50% dos líderes de CDAOs conseguirão investimentos para Programas de Alfabetização em Dados e IA até 2027

Até 2026, 80% das empresas irão operar a sua infraestrutura digital através de serviços baseados em assinatura

TAGS

ORACLE