Últimas notícias

Fique informado

Ministério da Economia terá papel estratégico na articulação da Rede Federal de Gestão de Incidentes Cibernéticos

22 de julho de 2021

Spotlight

Philip R. Zimmermann apresenta o 3º episódio AET Security Topics: Quantum Key Distribution

Philip R. Zimmermann, um dos maiores criptógrafos, apresenta uma nova webserie. Não perca o 1º episódio! Com legenda em português!

15 de setembro de 2021

NSA publica atualização sobre criptografia resistente a quantum

A NSA publicou o FAQ “Quantum Computing and Post-Quantum Cryptography. Confira nesse artigo!

3 de setembro de 2021

A condição paradoxal do hacktivismo

O início dos anos 2000 foi marcado pela formação do movimento Anonymous e por ataques relevantes, classificados como hacktivistas.

1 de setembro de 2021

CertForum 2021: Fórum Mundial de Assinatura Digital

Como parte integrante do CertForum, será realizado o Fórum Mundial de Assinatura Digital, com o objetivo de ampliar o debate do uso da assinatura digital.

1 de setembro de 2021

CertForum 21: evento on-line para quem quer saber tudo sobre identificação digital e documentos eletrônicos

O CertForum é realizado pelo Instituto Nacional de Tecnologia da Informação (ITI) e organizado pela Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia em Identificação Digital (ABRID).

31 de agosto de 2021

A Rede Federal de Gestão de Incidentes Cibernéticos foi instituída esta semana por meio de decreto presidencial

A Secretaria de Governo Digital, vinculada a Secretaria Especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital do Ministério da Economia (SEDGG/ME), terá papel estratégico na articulação da Rede Federal de Gestão de Incidentes Cibernéticos, conforme estabelece o Decreto nº 10748/21.

A rede tem por objetivo promover a celeridade na resposta a ameaças e vulnerabilidades cibernéticas por meio da atuação coordenada entre órgãos e entidades da Administração Pública Federal.

A Secretaria de Governo Digital é o órgão central do SISP – sistema de planejamento, coordenação, organização, operação, controle e supervisão dos recursos de Tecnologia da Informação do Governo Federal – que reúne mais de 200 órgãos.

Com o decreto, fica melhor a articulação dos órgãos do SISP para prevenir a ocorrência de incidentes e mais claro o fluxo de ações numa possível situação de contingência.

Com a rede, a ideia é que haja o compartilhamento das informações para que possamos atuar proativamente no planejamento de ações de segurança ou apoiar na resposta, com articulação de todo o sistema, inclusive do Serpro e Dataprev.”, explica o diretor de Governança de Dados e Informação da Secretaria de Governo Digital, Mauro Sobrinho.

O diretor detalha ainda que ao ter conhecimento imediato sobre quais ataques estão acontecendo e possíveis vulnerabilidades exploradas, a SEDGG poderá alertar aos demais órgãos para que apliquem as medidas de contenção necessárias.

Além disso, a secretaria poderá focar em elaboração de guias e capacitações que enfrentem os principais problemas observados pela rede.

Caio Mario Paes de Andrade

Para o secretário especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital, Caio Mario Paes de Andrade, a criação da rede auxiliará o governo federal a fortalecer ainda mais sua atuação no enfrentamento a ameaças cibernéticas.

O avanço da transformação digital deve vir acompanhado da proteção aos usuários e nós temos assegurado essa proteção. Um exemplo disso é o resultado que obtivemos no Índice Global de Segurança Cibernética 2020, divulgado recentemente pela ONU. O Brasil subiu 53 posições nesse ranking, passando do 71º para o 18º lugar, um resultado excepcional. A ideia da rede é fomentar ainda mais essa cultura de enfrentamento coordenado do governo, para que possamos continuar avançando na questão da segurança cibernética”, afirmou o secretário.

Sobre a Rede

A Rede Federal de Gestão de Incidentes Cibernéticos será composta pelo Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República e, obrigatoriamente, pelos órgãos e entidades da Administração Pública Federal direta, autárquica e fundacional. Já as empresas públicas, sociedades de economia mista e suas subsidiárias poderão participar de forma voluntária, por meio de adesão.

O Departamento de Segurança da Informação do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República coordenará a rede por meio do Centro de Prevenção, Tratamento e Resposta a Incidentes Cibernéticos de Governo.

Governo e Tecnologia

No Crypto ID você acompanha as principais ações do Governo Brasileiro e de outros Países relacionadas a privacidade, proteção de dados, serviços eletrônicos, formas de autenticação e identificação digital.

Acesse agora e conheça nossa coluna GovTech!

CNJ, Ministério Público do RJ e prefeitura de Salvador aderem a acordo do governo federal para reduzir gastos em licitações de TIC

CERT.br em parceria com a ANPD publica dois novos Fascículos da Cartilha de Segurança para a Internet

Governo cria a Rede Federal de Gestão de Incidentes Cibernéticos