Últimas notícias

Fique informado

Por que o certificado digital tipo A3 é mais seguro?

21 de junho de 2021

Spotlight

Facebook fala sobre o incidente de 4 de outubro

“Agora que nossas plataformas estão funcionando normalmente após a interrupção de 4 de outubro achei que valeria a pena compartilhar,”Santosh Janardhan.

6 de outubro de 2021

Pode-se dizer que a principal diferença entre o certificado digital do tipo A3 e do tipo A1 é o modo de armazenamento dos dados

Praticidade, agilidade e segurança. Se você nos acompanha há algum tempo ou se interessa pelo mercado que atuamos, sabe que são essas as características que definem um certificado digital. 

Devido às vantagens e aplicações que o documento eletrônico oferece, a sua adoção por empresas e trabalhadores autônomos cresce a cada dia. Muitos são os que buscam por ferramentas para tornar as transações e processos realizados em ambiente virtual mais seguros. Essa função é desempenhada com excelência pelos certificados digitais. 

Porém, junto a essa grande aquisição por pessoas físicas e jurídicas, dúvidas a respeito dos modelos mais usados e dos níveis de confiabilidade que cada um oferece surgem frequentemente.

Características do certificado digital A3

O certificado digital do tipo A3 está entre os mais populares no mercado.

Esse modelo é caracterizado por possuir um par de chaves criptográficas gerado por meio de um smartcard (cartão com um chip) ou token (dispositivo que se assemelha a um pen drive).

Isso significa que os dados criptografados são armazenados em uma mídia externa, e não diretamente no computador, como em outros tipos de certificados.  

Assim, para usar a ferramenta em token, basta conectar o dispositivo na entrada USB de um desktop e digitar a senha de acesso. Já o smartcard exige um procedimento diferente. Para usá-lo, é necessário ter uma leitora própria para o dispositivo conectada no computador. Somente com esse equipamento será possível realizar qualquer tipo de operação eletrônica com o certificado digital. 

Outra característica do modelo A3 é que ele pode ser usado em um único dispositivo por vez e exige que o usuário digite a senha de acesso sempre que for utilizá-lo. Além disso, seu prazo de validade varia de 1 a 3 anos.  

Diferenças entre o certificado digital do tipo A3 e A1 

Pode-se dizer que a principal diferença entre o certificado digital do tipo A3 e do tipo A1 é o modo de armazenamento dos dados. 

Enquanto o primeiro modelo armazena as informações criptografadas no próprio computador em que foi instalado, o segundo realiza essa mesma função em um hardware separado, no cartão ou token.  

Outra diferença entre os dois modelos é que o certificado A3 é incompatível com dispositivos eletrônicos móveis, como tablet e smartphone. A ferramenta funciona apenas em desktops. Já o tipo A1 pode ser instalado em qualquer um desses equipamentos. 

Os certificados digitais apresentam níveis diferentes de segurança?

Tanto o certificado digital do tipo A3 quanto do tipo A1 são extremamente seguros por conterem a criptografia como principal recurso tecnológico.

Como sabemos, a criptografia é um mecanismo de segurança digital utilizado para enviar mensagens codificadas entre o emissor e o receptor. No caso do documento eletrônico, ela é a responsável por permitir que as transações eletrônicas aconteçam de forma totalmente confidencial. Neste artigo, explicamos melhor como isso funciona.

Porém, apesar de ambos os modelos contarem com essa tecnologia, o certificado digital A3 ainda se mostra mais vantajoso com relação à segurança pelos seguintes motivos. 

O modelo A3 não permite cópias para outros dispositivos

Um dos principais motivos que faz do certificado digital A3 ser mais seguro é o fato de que ele não pode ser copiado em outros dispositivos. Isso acontece porque o modelo é emitido e armazenado em uma mídia criptográfica externa que impede a exportação e qualquer tentativa de cópia. 

Consequentemente, as chances de fraude e roubo de informação são menores com a ferramenta do tipo A3. Diferente dos modelos armazenados diretamente no computador, que são mais vulneráveis e passíveis de serem copiados

Assim, somente o portador do token ou do cartão poderá usá-lo por meio de uma senha de acesso PIN e PUK que deve ser de conhecimento único do titular. 

O usuário tem o total controle sobre a ferramenta

Por não permitir cópias e não ser compartilhado com ninguém, o usuário consegue ter o controle total sobre o certificado digital tipo A3. Além disso, o documento eletrônico só pode ser usado em uma máquina por vez.

No caso do certificado em arquivo, como o tipo A1, é possível baixá-lo em mais de um dispositivo. Neste caso, se uma pessoa não autorizada tiver acesso à senha, ela poderá utilizar a assinatura digital do titular sem o consentimento dele.

Caso ocorra alguma modificação, tentativa de roubo das informações ou perda de mídia, é possível solicitar a revogação da ferramenta à Autoridade Certificadora.  

Possui um hardware separado que evita perda no sistema

Outra característica do certificado digital A3 é que as chances de perda no sistema durante o seu uso são muito menores. Afinal, os dados criptografados são armazenados em um hardware separado, e não diretamente no computador.

O mesmo não acontece com os documentos eletrônicos emitidos e salvos direto na máquina. No caso de uma nova configuração ou formatação da máquina, o certificado pode ser excluído e poucos são aqueles que fazem o backup. 

Mas, apesar do modelo A3 ter um índice menor de perda no computador, as chances de extravio ou dano da mídia física ainda são grandes. Por isso, é importante guardá-la em um local seguro e usá-la corretamente. 

Outras vantagens do certificado digital A3

Além de apresentar um nível de segurança maior em relação a outros modelos, o certificado digital do tipo A3 oferece outras vantagens ao usuário. 

Mobilidade

A mobilidade é uma das vantagens mais atrativas do modelo A3 de certificado digital. Isso significa que o usuário consegue levá-lo para qualquer lugar e realizar suas operações eletrônicas dentro ou fora da empresa.

Basta inserir o token na entrada USB ou a leitora de cartão no computador e digitar a senha de acesso para usar o documento. 

Prazo de validade maior

Se você procura por certificado digital que te ofereça um prazo de validade maior, o do tipo A3 é mais indicado que o A1. O modelo pode durar de 12 a 36 meses, o que elimina a necessidade de renová-lo anualmente. 

Pronto para emitir o seu certificado digital A3 com a Certificaminas?

A adoção do certificado digital A3 deve ser feita por toda empresa ou trabalhador autônomo que deseja, de alguma maneira, ter mais segurança em suas transações no meio digital.

Felizmente, as vantagens desse modelo não se limitam às que foram citadas ao longo do texto. O seu processo de emissão e instalação também é simples e não exige nenhuma etapa muito complexa.

Fonte: AC Certificaminas

AC Certificaminas explica como a criptografia funciona nos certificados digitais e quais seus benefícios

Entrevista com Heitor Pires da AC CERTIFICAMINAS

Como utilizar o certificado digital por token ou cartão no computador

Sobre Certificaminas

A Certificaminas está localizada na região Centro-Oeste de Minas Gerais, a Certificaminas oferece segurança em certificação digital às empresas de todos os portes e setores, pessoas físicas e profissionais liberais.

Aliando tecnologia ao conhecimento, oferecemos um portfólio de soluções abrangentes e adequadas ao seu modelo de negócio, com produtos altamente eficazes que utilizam tecnologia criptográfica para a proteção de transações eletrônicas, dados em repouso e identidades digitais.

Valorizamos os processos digitais e acreditamos na universalização do uso da certificação digital. Esperamos que, em um futuro bem próximo, essa ferramenta seja cada vez mais utilizada em todos os processos digitais e transações comerciais.

Estamos no mercado para atendê-los e para trazer uma maior satisfação em todos os processos que envolvem a certificação digital

Acesse a coluna da Certificaminas para ler outros artigos aqui!