Últimas notícias

Fique informado

Como trabalhar remotamente com segurança

22/01/2020

Avast compartilha dicas sobre como as pessoas podem trabalhar em casa ou em viagem, sem preocupações com a segurança dos dados

A Avast , líder global em produtos de segurança online, traz dicas sobre como trabalhar remotamente com segurança em casa ou em viagem, especialmente durante as férias de janeiro quando muitas pessoas vão para outras cidades visitar familiares.

O Country Manager da Avast no Brasil, André Munhoz, compartilha as seguintes recomendações:

1. Use uma VPN

Ao trabalhar remotamente, especialmente em viagens, os usuários devem se proteger quando conectados com redes Wi-Fi públicas, seja no aeroporto, na estação ferroviária, na rodoviária ou em uma cafeteria. Uma VPN (Rede Privada Virtual) cria uma conexão segura e criptografada, direcionando o tráfego para um servidor proxy. A conexão criptografada protege os dados sigilosos, garante a segurança e impede que os cibercriminosos acessem ou até alterem as comunicações na internet.

2. Ative a autenticação de dois fatores

Os usuários podem incluir uma etapa adicional de proteção aos logins, solicitando que um código seja enviado por telefone ou aplicativo. A autenticação de dois fatores agrega uma camada extra de segurança e pode alertar o usuário se alguém tentar fazer o login em sua conta.

3. Verifique cuidadosamente os e-mails

Os usuários devem sempre ser cautelosos, mesmo que os e-mails pareçam ser enviados por familiares, amigos ou colegas. A Avast aconselha os usuários a revisar os e-mails em busca de erros gramaticais incomuns, verificando se o estilo de escrita é diferente das mensagens anteriores do “mesmo” remetente ou se há um senso excessivo de urgência na mensagem. Essas características podem indicar que a mensagem é maliciosa.

Muitos e-mails de phishing incluem anexos maliciosos que parecem ser documentos importantes e links para sites falsos, que por parecerem ser reais, tornam-se difíceis de serem reconhecidos como fraudulentos. Esses sites falsos podem solicitar que o usuário faça o login em uma conta ou insira informações confidenciais, como detalhes de pagamento.

Em dezembro do ano passado, a Avast protegeu 489.693 dos seus usuários contra 1.340.711 tentativas de ataques de phishing. Portanto, as pessoas sempre devem inserir URLs diretamente no navegador e evitar clicar em anexos. Os usuários devem ainda entrar em contato com as entidades das quais os e-mails parecem pertencer, por meio de um canal à parte, para certificar que a mensagem e o anexo foram enviados por remetentes legítimos.

4. Nunca perca de vista seus dispositivos móveis

Viajar pode ser estressante e é fácil para as pessoas perderem os seus dispositivos móveis, quando estão se deslocando de um lado para outro. Os usuários devem sempre estar atentos se estão com o seu telefone celular ou computador. Também é importante usar senhas longas para proteger esses dispositivos móveis valiosos para que, caso sejam roubados ou perdidos, não possam ser acessados facilmente por outras pessoas, além de garantir a segurança dos arquivos.

5. Fale ao telefone

Frequentemente, as chamadas podem substituir o envio de um e-mail. Ao trabalhar remotamente, uma chamada ou videoconferência pode ser mais rápida e segura do que dezenas de e-mails enviados através de diferentes dispositivos e locais com diferentes níveis de segurança.

“Trabalhar em casa ou durante uma viagem requer mais atenção devido às distrações, especialmente durante a agitação das férias”, comenta André Munhoz. “Ser cauteloso com a segurança no universo online pode dar às pessoas a tranqüilidade de que precisam nesse momento”.

A mobilidade para o trabalho remoto exige cuidados especiais com a segurança da informação

Segurança em primeiro lugar: a faca de dois gumes da conectividade remota

Avast detecta e protege usuários contra malwares multifuncionais direcionados para bancos, usuários de e-mails e Netflix