Últimas notícias

Fique informado

Criminosos aproveitam preocupação com o coronavírus para mais um ataque de ransomware

19 de março de 2020

Spotlight

Cloudflare blocks an almost 2 Tbps multi-vector DDoS attack

Earlier this week, Cloudflare automatically detected and mitigated a DDoS attack that

24 de novembro de 2021

Registros de ponto eletrônico deverão utilizar Certificado Digital ICP-Brasil

Registrador Eletrônico de Ponto Via Programa (REP-P) e Registrador Eletrônico de Ponto Alternativo (REP-A), deverão utilizar certificados ICP-Brasil.

24 de novembro de 2021

Número de registros e credenciais expostas cai, mas vazamento de cartões de crédito e débito cresce 405% no último trimestre

O estudo da Axur mostra que, entre os 2,03 milhões de registros expostos, os CPFs continuam, pelo terceiro trimestre consecutivo, a ocupar a primeira posição da lista dos dados mais compilados pelos cibercriminosos, com 57% do total.

24 de novembro de 2021

Quem paga a conta de um Ransomware?  

Notícia publicada no jornal New York Times em agosto relata a experiência do ex-diretor de TI de Lake City, na Flórida.

10 de setembro de 2019

ESET mostra países mais afetados por ransomware na América Latina

ESET divulga os países da região da América Latina que terminaram o ano com mais detecções de malware do tipo ransonware, que sequestra o computador afetado, pedindo resgate geralmente em criptomoedas ou dinheiro.

15 de janeiro de 2019

Uma nova modalidade de ataque de ransomware está explorando o medo e a ansiedade gerados pela proliferação do coronavírus em escala mundial

Através das redes sociais, um link convida a baixar o aplicativo COVID-19Tracker que, como o próprio nome faz levar a crer, promete apresentar um relatório preciso da propagação do vírus pelo mundo.

O aplicativo falso, quando baixado, criptografa e bloqueia o acesso às informações armazenadas nos celulares, computadores e outros dispositivos no qual ele for instalado por meio de ransomware. Na sequência, o usuário recebe uma solicitação de pagamento em bitcoins, normalmente na faixa de US$ 100,00, para que os dados possam voltar a ser acessados.

Daniela Costa – Vice-presidente para a América Latina da Arcserve.

“As tragédias costumam despertar o melhor e o pior do ser humano. E não é diferente com o cenário gerado pela proliferação do coronavírus.”

“Vários exemplos de solidariedade contrastam com ações como essa, que exploram a ansiedade e o medo gerados pelo coronavírus como alavancas para essa modalidade de ataque criminoso, no qual um aplicativo infectado serve de isca para roubar dados armazenados nos dispositivos que usamos rotineiramente, para posterior exigência de pagamento de resgate para que os mesmos voltem a poder ser acessados”, alerta Daniela Costa, vice-presidente para a América Latina da Arcserve.

A executiva ressalta, ainda, que práticas básicas de prevenção de ataques de ransomware, tais como antivírus e, em especial, de programas para backup, proteção e recuperação de dados sensíveis são esquecidas com frequência e isso acaba fazendo com que muitas vezes esses crimes sejam bem-sucedidos.

“A alteração da rotina da maioria das empresas para enfrentar o coronavírus inclui um maciço aumento do trabalho em home office e essa é uma decisão que deve vir acompanhada de um profundo cuidado com a segurança das informações”, conclui Daniela.

Coronavírus: AARB divulga medidas de segurança para Autoridades de Registro

Ataque cibernético atinge a agência de saúde dos EUA em meio ao surto de Covid-19

Sobre a Arcserve

A Arcserve fornece soluções excepcionais para proteção dos ativos digitais de valor inestimável de empresas que precisam de proteção abrangente e em larga escala dos seus dados. Fundada em 1983, a Arcserve é o nome mais experiente do mundo em soluções para a continuidade dos dados que protegem infraestruturas de TI com aplicativos e sistemas de diferentes gerações em qualquer local, dentro da empresa e na nuvem.

Empresas em mais de 150 países confiam na experiência, no conhecimento e nas tecnologias integradas e altamente eficientes da Arcserve para acabar com os riscos de perda de dados, inatividade prolongada e para reduzir em até 50% os custos e a complexidade de fazer backup e recuperar dados. Com sede em Minneapolis, Minnesota, a Arcserve está presente em várias partes do mundo. Saiba mais no site e siga a @Arcserve_br no Twitter.

Por que o Ransomware é uma ameaça para as PMEs?

Saibam as novidades sobre ransomware e o mercado de tecnologia! 

  Explore outros artigos!