Últimas notícias

Fique informado

Dinamo Networks reforça importância dos serviços de segurança digital e criptografia com a validade da LGPD

19 de março de 2021

Spotlight

Facebook fala sobre o incidente de 4 de outubro

“Agora que nossas plataformas estão funcionando normalmente após a interrupção de 4 de outubro achei que valeria a pena compartilhar,”Santosh Janardhan.

6 de outubro de 2021

Marco Zanini, CEO da Dinamo Networks, ressalta que o desenvolvimento das bases de dados criptografados é primordial para a maior proteção das informações

A transformação digital pela qual passamos, a mudança de hábitos de compra e a atual pandemia impactaram para uma maior e mais frequente utilização do ambiente digital. Com a validade da LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados) o assunto segurança online e proteção de dados passou a ser questão estratégica e mandatória para o bem do negócio.

dinamo
Marco Zanini – CEO da Dinamo Networks Foto: Crypto iD

“A chegada da LGPD, na qual o principal objetivo é garantir maior controle e segurança em relação à privacidade das pessoas nos meios digitais e a maior movimentação de transações online, têm motivado as empresas a buscarem soluções de proteção de dados.”

Ressalto que os RPs, os CRMs, os sistemas de informações e os BIGDatas, que guardam as informações em base de dados, precisam ‘nativamente e obrigatoriamente’ usar APIs de criptografia no desenvolvimento de seus sistemas, pois se houver qualquer vazamento, os dados estarão criptografados, e assim, não serão expostos porque estão protegidos pela criptografia que não permite a leitura das informações”, ressalta Marco Zanini, CEO da DINAMO Networks, empresa especialista em segurança de identidade digital.

Um recente estudo global do Ponemon Institute mostra que houve crescimento em praticamente todos os setores da economia quanto ao uso da criptografia e proteção de dados, especialmente nos últimos oito anos.

A pesquisa foi feita para o Estudo Global de Tendências da Criptografia, realizada entre dezembro 2019 e janeiro de 2020, com 6.457 empresas de 17 países, entre eles o Brasil, e destacou a importância da utilização dessas tecnologias em prol da segurança digital.

O estudo do instituto americano revela que 48% dos entrevistados no mundo possui um sistema de criptografia geral e amplo, que é aplicado de forma consistente na empresa toda.

Porém, um número ainda significativo de 39% informa que tem um plano de criptografia limitado, ou seja, é aplicado a dados e ou aplicativos específicos. O levantamento mostra ainda que Brasil e Rússia têm a menor adoção de estratégias e serviços de criptografia.

Aqui no Brasil, com a vigência da Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (Lei 13.709/2018), em vigor desde setembro de 2020, muitas empresas passaram a dar mais atenção à segurança digital.

Outro levantamento feito entre junho e julho do ano passado, pela Akamai Technologies, companhia americana de serviços e performance de tráfego global na internet, com 400 empresas brasileiras, demonstra que 24% das empresas já estavam se adaptando à legislação, 16% sabem a necessidade de adequação, mas ainda não a fizeram, e 24% sequer tinham conhecimento da nova lei.

O que acende o alerta: 64% das companhias não estão em conformidade com a LGPD! O levantamento consultou diversos setores, como: varejo, tecnologia, entretenimento, saúde, financeiro, logística, comunicação e marketing.

O Maior crescimento na adesão à criptografia no mundo, por setores (de acordo com o Ponemon Institute): dinamo

·Setor de bens de consumo saltou de 29% de uso 2011, para 43% em 2019;

·Indústria: era 30% em 2011, saltou para 49% em 2019;

·Hospitalar: 32% em 2011, 44% em 2019.

O setor público e o varejo também tiveram uma maior procura, mas foram os setores de menor adesão à tecnologia de proteção de dados. Ambos com 40% em 2019. O crescimento foi de 7% em oito anos.

“Temos visto diversas áreas procurando se adequar à LGPD, e também muito mais empresas atentas à proteção de dados (tanto dos próprios, como os de clientes), mas com nossa experiência no universo de segurança digital, sabemos que ainda há um longo caminho a ser percorrido. A DINAMO Networks está apta a orientar e contribuir para que a cultura da segurança no ambiente online seja cada vez mais uma realidade no Brasil”, enfatiza Marco Zanini.  

Sobre a DINAMO NETWORKS Fabrica diversos modelos de Hardware Security Module (HSMs), ou, cofres digitais, para guarda segura e gerenciamento de certificados e chaves criptográficas. Os equipamentos conferem sigilo e garantem integridade de informações críticas aos negócios dos clientes, por meio de diversas funcionalidades.

Para o mercado SMB a DINAMO Networks desenvolveu o HSM DINAMO Pocket, que faz a guarda e a gestão segura de 200 certificados digitais. Em 2021 lançou a primeira plataforma mundial de soluções de segurança de criptografia e identidade digital em nuvem, a DINAMO Super Cloud, com ofertas de anonimização de dados, para atender a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) e projetos do PIX.

Visite o DINAMO Market Place

Leia outros artigos sobre a Dinamo aqui!

Seus dados vazaram? Veja o que fazer

Marco Zanini, CEO da DINAMO Networks, fala sobre as novidades do mercado e a nova plataforma Supercloud

DINAMO Networks apresenta em webinar soluções de segurança em nuvem para diversas empresas de todos os portes

Acompanhe nossas redes sociais 📲

Pinterest | Instagram | Twitter | Facebook | LinkedIn