Últimas notícias

Fique informado

Hospitais Universitários adotam o NeoID

09/01/2020

O NeoID, certificado digital em nuvem do Serpro que pode ser armazenado em smartphones, foi adotado pela maior rede de saúde do país

Dia 30 de dezembro, foi fechado o contrato com a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH), que levará a tecnologia para os hospitais universitários em todo o Brasil. O certificado NeoID é utilizado em um aplicativo de gestão, com foco no paciente, que cuida desde prontuários online, até exames e acompanhamento de cirurgias e estoques de medicamentos.

Sem token

“Foi um caso de êxito de uso do NeoID, que pode ser utilizado em situações diversas, como contratos, declarações de imposto de renda, emissão de procurações eletrônicas, operações de importação e exportação e acesso a processos judiciais eletrônicos”, explica o gerente do Serviço de Certificação Digital do Serpro, Pedro Motta.

Segundo Motta, uma das maiores vantagens do NeoID é que a solução elimina a necessidade de uso de token, superando o problema de possíveis perdas ou esquecimentos do dispositivo físico.

Com o NeoID, o par de chaves de segurança do certificado digital sai do token e passa a ser armazenado no ambiente do PSC (Prestador de Serviço de Confiança) do Serpro, ambiente este credenciado e auditado pela ICP-Brasil. Acessando o aplicativo NeoID o usuário poderá acompanhar os registros de todas as assinaturas autorizadas, O mesmo certificado também pode ser acessado por mais de um equipamento mobile cadastrado.

Menos cartórios

A assinatura eletrônica com o NeoID tem validade jurídica garantida e elimina procedimentos de autenticação em cartórios. A tecnologia também é utilizada na autenticação de acesso do portal gov.br, ambiente que possui mais de 3 mil serviços de governo disponíveis para o cidadão. Para se autenticar no ambiente, basta fazer a leitura do QR Code de validação a partir do smartphone do usuário.

Rede Ebserh

Vinculada ao Ministério da Educação, a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) atua na gestão de hospitais universitários federais. O objetivo é, em parceria com as universidades, aperfeiçoar os serviços de atendimento à população, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), e promover o ensino e a pesquisa nas unidades filiadas.

A empresa, criada em dezembro de 2011, administra atualmente 40 hospitais e é responsável pela gestão do Programa Nacional de Reestruturação dos Hospitais Universitários Federais (Rehuf), que contempla ações em todas as unidades existentes no país, incluindo as não filiadas à Ebserh. 

LGPD: Quão seguras estão as informações e os dados pessoais dentro dos hospitais?

Inovação digital corrobora para prevenção e controle da saúde

Serpro quer colaborar com a Autoridade Nacional de Proteção de Dados