Últimas notícias

Fique informado

Startup lança receituário agronômico com assinatura digital e app off-line

06/04/2020

Spotlight

Como confirmar a validade das assinaturas digitais ICP-Brasil?

Com o isolamento social a tecnologia da certificação digital vem possibilitando com que pessoas e empresas resolvam alguns procedimentos por meio de documentos eletrônicos, mas como ter segurança?

21/05/2020

Multi-cloud é o novo normal, mas é um desafio maior à segurança de dados

A preocupação com o controle de identidades digitais nos ambientes corporativos se intensifica entre os CIOs do mundo todo na mesma proporção em que surgem as aplicações em Nuvem.

18/05/2020

Agronegócio se moderniza com soluções digitais criadas por agtech

Após pioneirismo na emissão de e-CPRs, Bart Digital lança novas plataformas tecnológicas para otimizar o financiamento agrícola

03/03/2020

O Grupo Siagri, empresa de tecnologia para agronegócio, acaba de lançar a startup AgriQ. A empresa trouxe ao mercado o software de mesmo nome, voltado à emissão de receitas agronômicas

Com a plataforma, é possível gerar o documento off-line, de forma otimizada e segura, de acordo com as exigências dos órgãos de fiscalização.

Legislação e segurança ambiental e alimentar

Para adquirir qualquer defensivo agrícola, é preciso apresentar a receita agronômica ao estabelecimento de compra. O documento é emitido pelo responsável técnico e seu principal objetivo é a utilização correta do produto. A receita agronômica contém orientações relacionadas à quantidade, período de aplicação e cultura indicada.

Outros dados que o arquivo contém são orientações de proteção ao trabalhador que fará o manuseio e cuidados com o meio ambiente, além da destinação final das embalagens vazias dos defensivos.

Receita agronômica em poucos passos

A emissão de receitas agronômicas é burocrática e pode ocorrer erros. Com o AgriQ, é possível emiti-las com agilidade e segurança, já que no sistema estão cadastrados todos os dados de defensivos agrícolas autorizados pelo Ministério da Agricultura. Isso traz mais assertividade, facilita o preenchimento da receita e agiliza o trabalho do responsável técnico.

O AgriQ possui também seu aplicativo, disponível para Android e IOS, que possibilita a emissão do documento off-line quando o usuário estiver fora do alcance da internet.

Adeilson Miranda – CEO da AgriQ

Na solução, além dos nomes dos defensivos agrícolas, há também culturas registradas nas bulas dos produtos e a dosagem permitida, informa o CEO da startup, Adeilson Miranda.

“A emissão de receitas agronômicas requer muito tempo, pois exige um preenchimento de dados minucioso. Com a solução, é possível ganhar praticidade e agilidade, já que os principais dados já estão na base do AgriQ. Assim, o emissor precisará preencher poucos campos”, explica.

“Outro ponto importante é o auxílio que o agrônomo tem em relação à legislação. Estamos sempre atualizando a plataforma e o aplicativo, adequando-os para atender todas as obrigações “, destaca o CEO.

Transparência e assinatura digital 

A AgriQ tem como objetivo ampliar a transparência e a produtividade agrícola do Brasil com responsabilidade, contribuindo com o uso consciente de defensivos agrícolas. O receituário agronômico da AgriQ conta com assinatura digital, substituindo a que é feita à mão. A assinatura digital até então era usada apenas para contratos. Agora, a staturp disponibiliza essa inovação para as receitas agronômicas, permitindo ainda mais agilidade ao assinar o documento em poucos cliques. A assinatura digital facilita, ainda, o armazenamento do documento e reduz a quantidade de papel usada para emissão da receita.

Facilidade na emissão durante a pandemia do COVID-19  Startup

A população enfrenta atualmente uma pandemia mundial, devido ao novo coronavírus. A OMS e governos estaduais decretaram que, para diminuir a curva de contágio da doença, é necessário que todos fiquem em quarentena.

O agronegócio, mesmo dentro das recomendações de decretos estaduais e federais, não para. A AgriQ, por ser uma solução web e possuir assinatura digital, permite que o responsável agrícola, depois de visitar a lavoura e fazer seu diagnostico, faça a emissão da receita agronômica e a envie ao produtor rural, sem contato físico, seguindo as recomendações dos órgãos responsáveis para o controle e combate ao COVID-19.

Sobre o tipo de assinatura

O Grupo Siagri informou ao Crypto ID que o Agriq utiliza atualmente a assinatura eletrônica, prevista pela MP 2.200-2/2001 com presunção jurídica pois a plataforma consegue reunir pontos de autenticação que atestam autenticidade e  integridade. Adicionalmente, a plataforma também utiliza tecnologia blockchain que assegura que o documento não foi modificado.

Clique aqui para acessar o aplicativo.

ICP-Brasil marca presença na feira de agronegócios no Paraná

Agricultura 4.0 inspira a nova geração de agricultores a investir em tecnologia

Saiba o que esperar da conectividade no campo em 2020

Saiba todas as atualizações do mercado e indústria de tecnologia explorando o Crypto ID!

  Explore outros artigos! Startup