Últimas notícias

Fique informado

Brasil corre em frente na inovação de pagamentos móveis

08/04/2019

O aumento na adoção de smartphones e transações móveis criará mais oportunidades para o mercado mais avançado da América Latina e Caribe, de acordo com pesquisa da Visa

O Brasil verá sua liderança em inovação tecnológica para pagamentos móveis fortalecida, já que um aumento previsto na adoção de smartphones está definido para criar mais oportunidades no setor, segundo um estudo.

Lar de uma indústria de tecnologia de serviços financeiros em expansão, o Brasil é o mais avançado na América Latina e no Caribe quando se trata de pagamentos móveis, de acordo com o relatório “O estado da inovação na América Latina” publicado pelo Visa Innovation Center.

O futuro dos pagamentos por comunicações móveis é promissor, acrescenta o estudo, já que o número de usuários de smartphones no Brasil aumentará em 30%, levando a um aumento de 7,2% nas transações móveis.

O Brasil representa 3% do mercado de comércio móvel e isso deve aumentar significativamente, segundo a Visa. Metade de todas as transações de comércio eletrônico na América Latina, algumas do Brasil e consumidores da região que usam aplicativos para compras, gastam 48 vezes mais que a média internacional.

“Em comparação com outros mercados da região, as empresas brasileiras são líderes em inovação de alta tecnologia. Seus negócios incorporaram tecnologias avançadas como aprendizado de máquina, IA e big data em seu DNA em um ritmo muito mais rápido do que nos países vizinhos”, diz o estudo. ressalta.

Fintechs brasileiros e instituições financeiras também estão começando a adotar blockchain, algo que é “quase desconhecido” em outros lugares da América Latina, acrescenta a pesquisa.

Os bancos e varejistas do país estão progredindo quando se trata de tecnologias relevantes para o setor, como biometria com ênfase no reconhecimento facial, observa o relatório, além de tokenização, chatbots e outras ferramentas avançadas.

“Por todas essas razões, o Brasil está posicionado para continuar a liderar a região em inovação, abrindo caminho para o resto da América Latina.”

O país também é o quarto maior consumidor de aplicativos do mundo: usuários brasileiros acessam cerca de 10 diárias e principalmente para compras, segundo pesquisa separada da Qualibest, que também indica que 81% dos usuários da Internet no Brasil encomendaram ou contrataram algum produto ou serviços via apps.

Fonte: ZDNet