Últimas notícias

Fique informado
Começa hoje, 4/10 – o Web Summit Lisboa

Começa hoje, 4/10 – o Web Summit Lisboa

04/11/2019

Web Summit Lisboa recebe 70 mil participantes no maior evento tecnológico do mundo

Segundo a Forbes, Web Summit Lisboa é a melhor conferência de tecnologia do planeta

O evento que acontece a partir de hoje, 4 de novembro e vai até o dia 7,  esgotou oficialmente os bilhetes este fim de semana e entre os muitos oradores conta na abertura Edward Snowden por videoconferência, uma vez que se encontra asilado na Rússia, para onde fugiu depois de ter revelado informação confidencial da Agência de Segurança Nacional (NSA) dos EUA e por isso é procurado pela justiça norte-americana.

O palco central do Web Summit 2019 reúne alguns dos mais influentes formuladores de políticas, CEOs, chefes de estado e celebridades que se tornaram empreendedores para compartilhar ideias sobre o impacto da tecnologia em nosso futuro.

Além de Snowden, há muitos oradores interessantes para ouvir nessa edição do evento entre outros o CEO do Tinder, um dos chairman rotativos da Huawei, o CEO da Wikimedia e duas comissárias europeias, entre muitos outros.

Entre as palestras em destaque estão os brasileiros Ronaldo Nazaro e Ronaldinho (Gaúcho) e Carlos Moyses, do Ifood.com. Além deles, 25 startups brasileiras estarão presentes nos pavilhões de exibição e seis farão Pitch durante o evento, competindo pela atenção dos investidores e do público.

Confira a programação completa aqui.

Devido ao acordo firmado, em 2018, entre o Governo, a Câmara Municipal de Lisboa e Paddy Cosgrave, a Web Summit vai permanecer na capital portuguesa durante 10 anos

“Temos um escritório em Lisboa, onde trabalham 12 pessoas, e estamos a planear expandir a nossa presença em Portugal. Estamos neste momento a contratar para várias áreas, desde desenvolvimento de ‘software’ até organização de eventos”, acrescentou o cofundador da Web Summit.

A Web Summit teve início na Irlanda, como Dublin Web Summit, em 2009. Os conteúdos apresentados durante a conferência são centrados na tecnologia da internet e os participantes vão desde grandes players do mercado até às pequenas empresas de tecnologia. O público também é bastante variado, contando com CEOs, investidores, fundadores de startups e pessoas da indústria de tecnologia global.

A empresa brasileira Peoplenect terá um lugar de destaque na próxima Web Summit de Lisboa, maior evento de tecnologia da atualidade, ela participará do evento no dia 05 de novembro, no stand número A407, apresentando seus trabalhos que buscam trazer um grande avanço nas tecnologias de contratação de profissionais.

A empresa apresentou seu projeto para os organizadores, sendo convidada a participar do evento como “Alpha Company”, e apresentar seu novo aplicativo para o mundo da tecnologia em RH. O evento acontece em Lisboa, entre os dias 4 a 7 de novembro, com a presença de mais 70 mil visitantes do mundo todo.

Guilherme Ramos

“Ser selecionado como Alpha Company, tem um grande significado de reconhecimento para nós. Fazemos parte de um grupo seleto de empresas que criam o futuro da tecnologia no mundo. Estamos abrindo caminhos para o segmento de Recursos humanos, dentro do conceito de Indústria 4.0”, explica o CEO da Peoplenect, Ricardo Dallalana.

O aplicativo desenvolvido pela Peoplenect atinge diversos segmentos da economia, se adequando perfeitamente ao novo perfil de profissional, que busca um equilíbrio entre a vida pessoal e vida profissional, flexibilizando sua agenda de trabalho, sem causar diminuição de renda.

“O aplicativo permite que o profissional tenha, rapidamente, acesso às oportunidades de trabalho na sua região geográfica de escolha, tudo de forma muito simples. Por outro lado, a empresa pode aplicar o conceito de recrutamento ágil para as posições de maior rotatividade e que tem alto impacto no resultado no negócio.”, avalia o COO, Guilherme Ramos.  A expectativa é apresentar ao mundo uma nova tecnologia que permitirá às empresas contratar de maneira ágil, simples e barata. É a revolução do conceito de Indústria 4.0, chegando ao RH.