Últimas notícias

Fique informado

Fintech Juno anuncia parceria com o PicPay e lança pagamento via QR Code

7 de julho de 2020

Spotlight

Facebook fala sobre o incidente de 4 de outubro

“Agora que nossas plataformas estão funcionando normalmente após a interrupção de 4 de outubro achei que valeria a pena compartilhar,”Santosh Janardhan.

6 de outubro de 2021

Webinar: Como Implantar Pagamentos Instantâneos PIX com Segurança, Escala e Flexibilidade

A E-VAL em conjunto com a Thales apresentará nesse webinar os principais fatores para as empresas participantes cumprirem os requisitos de segurança do PIX determinados pelo Banco Central do Brasil relacionados a criptografia, autenticação, velocidade e disponibilidade.

16 de junho de 2020

Reconhecimento facial: o futuro dos pagamentos chega ao Brasil

Visionária no uso do QR Code para transações financeiras desde 2012, a carteira digital PicPay, com 20 milhões de usuários, dará próximo passo na evolução digital dos pagamentos ao incluir no processo o reconhecimento facial.

27 de maio de 2020

A VISA dá dicas super valiosas para você fazer pagamentos seguros

Fraudes nos pagamentos digitais são relativamente raras e você pode agir proativamente para evitá-las. Conheça também as modalidades de fraude, além de dicas de segurança e prevenção da Visa.

20 de abril de 2020

Com a novidade, clientes Juno poderão gerar cobranças por QR Code e enviá-las para seus consumidores de forma rápida e totalmente segura

Embora tenham ganhado maior visibilidade nos últimos tempos, os Códigos QR já existem há mais de 25 anos e podem ser um recurso interessante para quem deseja alavancar seus negócios.

Aqui no Brasil, a tecnologia vem ganhando espaço e se tornando cada vez mais comum. Segundo uma pesquisa da Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo, cerca de 82% dos comerciantes têm intenção de utilizar aplicativos e QR Codes até o próximo ano.

Neste cenário, o mercado brasileiro de pagamentos vem se preparando para aceitar os QR Codes como um método de pagamento rápido e descomplicado.

Em parceria com o PicPay, a maior carteira digital do Brasil com mais de 20 milhões de usuários e 2,5 milhões de estabelecimentos cadastrados, a Juno, fintech que oferece uma solução completa para emissão de cobranças e recebimento de pagamentos para MEIs, e-commerces, marketplaces, empresas de qualquer tamanho e, também, para pessoas físicas, agora disponibiliza o QR Code como mais um método de pagamento para os seus usuários.

Gabriel Falk – Product Manager da Juno

O Product Manager da Juno, Gabriel Falk, conta que a integração entre as fintechs é fruto de um trabalho de aproximadamente oito meses.

“Hoje, temos tudo muito bem delimitado junto com o PicPay, quem vai dar suporte pra qual lado, o que acontece quando, por exemplo, é necessário estornar um pagamento, ou quando precisamos verificar uma transação ou fazer uma conciliação financeira, pra qual conta todas essas transações vão ser liquidadas.”

“Essas arestas estão muito bem amarradas, pois foi uma integração técnica minuciosa”, explica Falk.

Esse novo método de pagamento faz com que os usuários possam emitir o QR Code e realizem pagamento pelo PicPay de uma forma bem descomplicada, visto que só é preciso ter uma Conta Juno ativa.

Além disso, os impactos na vida dos usuários da Juno vão além da segurança e agilidade.

Com essa parceria, eles passam a oferecer mais flexibilidade para que seus clientes paguem como quiser. Em tempos de pandemia e isolamento social, há o boom dos e-commerces e marketplaces, e a opção de pagamento contacless vem para somar ao atual conjunto de serviços já existentes na Juno.

“A Juno é basicamente um hub de serviços financeiros e uma das nossas grandes facilidades é oferecer para o mercado um leque de pagamentos, que o varejista usa conforme a sua demanda. Hoje em dia, se o cliente final for usuário do PicPay, já entende as vantagens de usar uma carteira digital para fazer transações. Dessa forma, não precisa sair do ambiente virtual para concretizar a compra, já que o vende já está utilizando a Juno”, ressalta o Product Manager da fintech.

As empresas que já são clientes Juno não precisam ter conta ativa no PicPay para usufruir de todos os benefícios da parceria. As cobranças podem ser enviadas via link de pagamento por e-mail ou WhatsApp para o cliente final.

O prazo de recebimento é similar ao dos cartões de crédito: em 31, 14 ou 2 dias, tudo isso em um ambiente de transações seguro para os usuários.

“O vendedor tem muitas vantagens. Caso ele não queira pagar a Juno por boleto bancário ou comprometer o cartão de crédito, ele pode utilizar o saldo disponível em sua carteira digital para fazer isso. Também é possível centralizar seus recebíveis pelo PicPay, e aproveitar todos os benefícios da plataforma como consumidor”, finaliza Falk.

A evolução dos sistemas de pagamento: dos talões de cheque ao QR Code em menos de uma década

DINAMO Networks promove webinars referente ao PIX do Banco Central

No Reino Unido pagamento com papel moeda cai pela metade por conta da pandemia

Leia nossa coluna sobre mercado financeiro e as novidades!

  Explore outros artigos!