Últimas notícias

Fique informado

Crypto ID entrevista: Abílio Branco e Sergio Muniz – Cibersegurança no cenário brasileiro do 5G

4 de julho de 2022

Spotlight

Heather Vescent, pensadora e futurista do setor de identidade digital fala sobre ID no Metaverso

“Estamos começando a ver empresas de identidade digital aplicarem suas soluções para um mercado metaverso. Faz sentido resolver os casos de uso de hoje e planejar um mercado futuro”

9 de agosto de 2022

Telecomunicações, a raiz para os desafios de segurança cibernética

Alguns dos maiores golpes de inteligência artificial da história foram resultado do comprometimento dos sistemas de telecomunicações

8 de agosto de 2022

O que é criptografia assimétrica – ID Plus #10

No Id Plus dessa semana, a equipe de redação te explica o que é a criptografia assimétrica e como ela se aplica em nosso cotidiano

8 de agosto de 2022

FEBRABAN TECH traz renomados keynotes internacionais e nacionais para a edição 2022

Ban Ki-moon, Paul Krugman, Makaziwe Mandela, Ilan Goldfajn, Roberto Campos Neto e o ex-jogador Cafu estão entre os destaques do tradicional evento de tecnologia, que ocorre de 9 a 11 de agosto, na Bienal de São Paulo

3 de agosto de 2022

CISO Forum Brazil 2022 acontece 100% on line com o apoio do CRYPTO ID

CISO Forum Brazil 2022, a ser realizado nos dias 18, 19 e 20 de outubro de 2022 de forma 100% online.

25 de julho de 2022

Abílio Branco e Sergio Muniz conversaram sobre os principais pontos de atenção e a Cibersegurança no cenário brasileiro com a chegada do 5G

Abílio Branco, Head of Data Protection, Brazil, Thales DIS CPL e Sergio Muniz, Diretor Executivo de Vendas para América Latina & Caribe & CCA-IBGC da Thales falam sobre os principais pontos de atenção e as boas práticas de Cibersegurança no cenário brasileiro com a chegada do 5G.

As gestões de acesso e a segurança de dados também voltou a ser assunto com os executivos da Thales, que adicionaram como os sistemas de cibersegurança se adaptarão a chegada do 5G.

O Head of Data Protection, Brazil, Thales DIS CPL, Abílio Branco respondeu ao Crypto ID algumas perguntas extras sobre a preocupação com segurança de dados e o novo padrão de tecnologia de quinta geração.

Mais sobre a segurança de dados no 5G com Abílio Branco!

Crypto ID: A preocupação com segurança de dados ainda será uma realidade com o 5G?

Abílio Branco: Segurança e privacidade serão questões ainda mais prioritárias com a chegada do 5G ao Brasil. Uma vez que essa tecnologia, além de aumentar a velocidade de tráfego em redes móveis, também vai tornar a comunicação mais acessível. Com isso, haverá um número cada vez maior de informações disponibilizadas na nuvem, que contarão com uma rede mais robusta e consequentemente com novos desafios para garantir a segurança.

A revolução tecnológica é necessária, mas ao mesmo tempo abre portas para inúmeras ameaças e essa não é uma peculiaridade do Brasil. É nesse sentido que é necessário contar com empresas como a Thales, para garantir que a transformação digital garanta segurança aos dados. O distanciamento social provocado pela Covid-19 acelerou a transformação digital de muitas empresas no mundo inteiro, em especial no Brasil, e deixou evidente vulnerabilidades que precisam ser superadas o mais rápido possível para adequação à essa nova realidade.

Crypto ID: A chegada do 5G pode provocar mudanças na LGPD?

Abílio Branco: Não, a leis de privacidade de dados, como LGPD, vieram para ser o alicerce da transformação digital, ou seja, já estão preparadas para regular o uso de dados pessoais e certamente se adaptarão com a evolução das redes 5G.

Crypto ID: Já existem soluções com resultados positivos em outros países e que podem ser replicadas no Brasil? Quais e como funcionam?

Abílio Branco: Em março de 2020,  Viavi Solutions divulgou um relatório com dados referentes à tecnologia. De acordo com o documento, as redes 5G comerciais já tinham sido implantadas em 378 cidades, no total de 34 países.

Nesta ocasião, a Coreia do Sul estava em primeiro lugar, com 85 municípios. Na sequência, apareciam China com 57, Estados Unidos com 50 e Reino Unido com 31. No Brasil, temos relato um dos fortes concorrentes ao leilão tenha implementado 5G internamente para automatizar uma das suas plantas.

Crypto ID: Com o 5G, a preocupação com segurança de dados dos consumidores será uma questão exclusiva dos consumidores ou as operadoras e/ou a empresa que vencer o leilão serão as únicas responsáveis?

Abílio Branco: Quando se fala em segurança de dados, todo mundo na cadeia tem sua parcela de responsabilidade. E o indivíduo precisa sempre se certificar da credibilidade do requerente das informações, antes de compartilhar qualquer dado, pois ainda continua sendo o elo mais vulnerável. Por outro lado, a LGPD define que os operadores (quem tem autorização para uso de dados pessoais) precisam proteger os dados pessoais utilizando apenas para a finalidade requerida.

Crypto ID: Alguma dica de segurança para os consumidores, ligada exclusivamente ao 5G, ou os cuidados seguem sendo os mesmos?

Abílio Branco: Apesar de a LGPD trazer um arcabouço regulatório muito forte, o cidadão não pode deixar adotar boas práticas no uso da internet, ou seja, acessando apenas sites confiáveis e compartilhando apenas informação com operadores reconhecidos. Por outro lado, os sites e aplicativos deverão ser cada vez mais claros em seus disclaimers sobre a gestão dos dados pessoais.

Crypto ID: Como você avalia hoje a capacidade que as operadoras têm de garantir a segurança de dados e o que elas ainda precisam superar antes da chegada do 5G?

Abílio Branco: As operadoras, de forma geral, seguem as melhores práticas de segurança e utilizam tecnologias de proteção. Com a LGPD, a Thales tem trabalhado em projetos pensando em aumentar cada vez mais segurança de dados, já pensando nos desafios de implantar o 5G. Entre as soluções oferecidas pela Thales estão:

– A solução Thales CipherTrust Data Discovery and Classification oferece suporte às organizações ao automatizar o processo de visibilidade de dados em qualquer armazenamento (local, em rede, banco de dados, big data e nuvem) tanto para dados estruturados quanto para dados não estruturados. Ela proporciona uma lista completa de modelos integrados para LGPD e outros regulamentos de privacidade pertinentes para facilitar a conformidade com a legislação. A solução fornece às organizações uma compreensão de seus dados confidenciais ao descobrir, classificar e ordená-los e priorizar as ações de remediação apropriadas para fechar as lacunas da conformidade e reduzir o risco de exposição

– A CipherTrust Data Discovery and Classification faz parte da CipherTrust Data Security Platform que além de unificar a descoberta, classificação e proteção de dados, a CipherTrust Platform também oferece controles de acesso granulares inéditos, todos com gerenciamento de chaves centralizado. Isso simplifica as operações de segurança de dados, acelera o tempo de conformidade e reduz os riscos em seus negócios.

Sobre a Thales

Thales (Euronext Paris: HO) é líder global em tecnologias avançadas, investindo em tecnologia digital e inovações de “tecnologia profunda” – conectividade, big data, inteligência artificial, segurança cibernética e computação quântica – para construir um futuro confiante e crucial para o desenvolvimento de nossas sociedades.

O Grupo oferece a seus clientes – empresas, organizações e governos nos domínios de defesa, aeronáutica, espaço, transporte e identidade digital e segurança – soluções, serviços e produtos que os ajudam a cumprir sua função crítica, sendo a consideração pelo indivíduo a força motriz por trás de todas as decisões. A Thales tem 81.000 funcionários em 68 países. Em 2020, o Grupo gerou vendas de € 17 bilhões.

Leia outros artigos da Thales aqui no Crypto ID!

Índice de gestão de acesso da Thales de 2021: edição da América Latina: Desafios do acesso confiável em um mundo onde a nuvem predomina Clique aqui e leia o relatório!

Assista a entrevista com Abílio Branco e Sergio Muniz – Cibersegurança no cenário brasileiro do 5G

Sergio Muniz, da Thales, sintetiza os principais conceitos em torno de Controle de Acessos

Crypto ID entrevista: Sergio Muniz – Ransomware e sua relação com a gestão de acessos

As boas práticas para mitigar ataques de ransomware através da gestão de acesso