Últimas notícias

Fique informado

Serpro realizará licitação para contratar serviços de codificação de software

2 de março de 2021

Spotlight

O que é PKI? Definição e guia para infraestrutura de chaves públicas.

A infraestrutura de chave pública – PKI, em português ICP – gerencia a identidade e a segurança nas comunicações da Internet para proteger pessoas, dispositivos e dados.

13 de maio de 2021

GlobalSign anuncia mudanças no comprimento da chave de assinatura de código

Os clientes TSA devem migrar para os novos URLs até 1º de junho de 2021.

12 de maio de 2021

Entrevista com Daniela Costa – VP da Arcserve LATAM – sobre Proteção de dados e soluções de backup

Daniela Costa, VP Arcserve Latam, fala sobre o porque as corporações precisam repensar suas estratégias de backup.

7 de maio de 2021

Viviane Bertol explica o que é AR Eletrônica e fala sobre os novos procedimentos de validação da ICP-Brasil

Drª Viviane Bertol, fala sobre os novos procedimentos da ICP-Brasil, panorama mundial de eIDs e sobre LGPD.

8 de abril de 2021

O que o futuro da segurança na Internet mantém em 2019 segundo especialistas da Sectigo – Ouça

Especialistas em identificação digital e criptografia da Sectigo se reúnem para traçar as principais questões sobre segurança na internet em 2019

21 de janeiro de 2019

Empresas interessadas em participar devem se submeter à habilitação prévia, conforme edital de pré-qualificação publicado pela Serpro. Saiba mais

Neste mês de fevereiro, o Serpro publicou, no Diário Oficial da União, o edital do Chamamento Público Eletrônico Nº 0066/2021 para promover a pré-qualificação de pessoas jurídicas interessadas em participar de licitações para contratação de serviços de codificação e testes de software, que serão realizadas pela empresa.

A modalidade adotada para as futuras licitações será a de Pregão Eletrônico, do tipo menor preço por item e no regime de execução indireta.

“O Serpro decidiu pela subcontratação de serviços específicos para acelerar entregas da Administração Pública Federal e garantir a constante evolução da transformação digital do país”, avaliou o diretor de Desenvolvimento do Serpro, Ricardo Juca.

O executivo acredita que a ação também vai apoiar o setor produtivo de TI no Brasil. “Além disso, esperamos que auxilie o Serpro a superar mais rapidamente ‘gaps’ existentes nas equipes e direcionar os nossos especialistas para demandas mais complexas e estratégicas no desenvolvimento de soluções dos clientes”, completou. 

Uma boa notícia para os interessados em participar das licitações do Serpro é que o processo de pré-qualificação está aberto por tempo indeterminado e o edital traz todos os detalhes necessários para identificar as características exigidas para ser qualificado.

Entretanto, o diretor Juca ressaltou que a primeira licitação está prevista para ocorrer ainda em março deste ano e só poderão participar as empresas que tiverem concluído a etapa inicial de pré-qualificação. “Quanto antes as empresas se habilitarem, mais rápido poderemos lançar as licitações e garantir uma disputa efetiva”, analisou. 

O superintendente de Aquisições e Contratos do Serpro, Roni Alves, explica porque essa fase é importante para a estatal garantir um processo de contratação ágil e confiável.

Roni Alves – Superintendente de Aquisições e Contratos do Serpro

“Uma vez que a licitação será realizada por Pregão Eletrônico de menor preço, o Serpro optou por promover a certificação prévia e garantir que a empresa que está oferecendo aquele valor tem as qualificações técnicas mínimas para a prestação do serviço com o nível de qualidade exigido.”

Assim, pretendemos agilizar o processo de contratação a cada novo projeto, sem prejuízo de contratar empresas que comprovem possuir a capacidade técnica requerida”, avaliou Alves.  

Serviços de codificação de software para Serpro

No edital da Consulta Pública, o Serpro definiu que as empresas podem se candidatar à pré-qualificação considerando cinco grupos que indicam tecnologias e conhecimentos necessários. É possível buscar a habilitação em um ou mais grupos.

Grupos 1 e 2 são dedicados à comprovação da aptidão em Serviço de Codificação para Soluções Digitais: requisitos obrigatórios e requisitos opcionais, respectivamente.

Já o grupo 3 apresenta os requisitos obrigatórios dos Serviços de Codificação e Migração de Portais, que compreende frontend, padrões web, migração de conteúdos, CMS, entre outros.

Para o grupo 4, são requisitos obrigatórios dos Serviço de Codificação e Integração de Busca entre Portais os tópicos com destaque para os tópicos acessibilidade, teste funcional e não-funcional de software. E o grupo 5, requisitos obrigatórios – Serviço codificação para Portais de Dados Abertos.

O edital disponibiliza todas as informações necessárias para as empresas, os documentos a serem preenchidos e entregues, além de manuais sobre o processo de desenvolvimento de software, ambiente de desenvolvimento que deverá ser utilizado na prestação dos serviços, glossário de naturezas EGD, padrão de atribuição de nomes, modelo lógico e roteiro de métricas.

Fonte: Serpro

ATID e SERPRO fecham acordo para serviços de Consulta CNPJ, CPF e o DataValid

Serpro é protagonista em capacitação sobre LGPD no país

Solução do Serpro aprimora Justiça fiscal brasileira

Content Syndication

Content syndication – distribuição de conteúdo é um método de republicar conteúdo desenvolvido por sua empresa em outros sites para atingir um público mais amplo e levar novos visitantes a seu site. Fale conosco sobre Content Syndication, contato@cryptoid.com.br | +55 11 3881 0019.

Surpreenda-se com a qualificação da nossa audiência! Mídia Kit.