Últimas notícias

Fique informado

Edmar Araujo é o novo presidente-executivo da AARB

05/11/2018

Edmar Araujo

Durante o evento da AARB, que será realizado dia 12 de novembro, em São Paulo, a Associação das Autoridades de Registro do Brasil apresentará oficialmente o seu novo presidente-executivo, Edmar Araujo.

Após oito anos dedicados ao Instituto Nacional de Tecnologia da Informação (ITI), Edmar Araújo assume a direção da entidade. Nesta entrevista, Araujo fala da sua experiência no setor público, de suas visões sobre o mercado da certificação digital ICP-Brasil e dos desafios que a nova jornada impõe.

Crypto ID: Você esteve por oito anos atuando diretamente com Certificação Digital no ITI – O Instituto Nacional de Tecnologia da Informação. Como foi essa experiência?

Edmar Araújo: O ITI foi uma grande escola e lá aprendi tudo o que sei sobre certificação digital ICP-Brasil. Cheguei em 2010 como auxiliar administrativo e saí como chefe de gabinete substituto e como coordenador da Assessoria de Comunicação Social. Aí também exerci as funções de ouvidor e de dirigente de monitoramento do Serviço de Informações ao Cidadão. Atuei na elaboração de materiais jornalísticos e documentos oficiais, além de ter organizado pequenos eventos e o já nacionalmente conhecido CertForum. Impressionam na autarquia a altíssima qualidade do corpo técnico e o comprometimento de todos pelo sucesso dos projetos. É sempre importante destacar que o ITI é vinculado à Casa Civil da Presidência da República, status que eleva sobremaneira sua missão institucional e reforça a convicção de que se trata de uma estratégica autarquia para o Brasil.

Crypto ID: Como será a transposição entre a atuação do setor público para o privado e como sua formação acadêmica vai lhe auxiliar nesse novo desafio?

Edmar Araújo: como acabei de dizer, estive numa grande escola. Sou Bacharel em Comunicação Social e pós-graduado em Letras – Leitura e Produção de Textos, ambos pela Universidade Católica de Brasília, além de ter cursado o mestrado em Comunicação Social por um ano na Universidade de Brasília (UnB). No ITI, esta formação foi aproveitada pelos gestores ao mesmo tempo em que o incentivo para o aprendizado era contínuo. Em 2014, ao fim da especialização em letras, apresentei como trabalho de conclusão de curso o estudo “Criptografia, uma linguagem especializada” em que a apresentei enquanto uma linguagem especializada. Neste estudo, que levei dois anos para concluir, destaquei os elementos históricos do texto criptográfico, a relação deste texto com as práticas e eventos de letramento, o seu uso em situações de guerra e como a segurança da informação utiliza está linguagem para proteger informações de Estado e de seus cidadãos, em especial o uso que o Brasil faz de criptografia e de certificados digitais no padrão da Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira – ICP-Brasil. Atuei no campo das relações institucionais e da comunicação púbica, mas não teria permanecido no ITI sem envolver-me no tema da certificação digital e, por isso, creio que possa ajudar a AARB e as entidades do setor._

Crypto ID: Como você explica sua permanência no ITI, ocupando cargo de confiança, mesmo com a trocas de governo?

Edmar Araujo: o ITI, como eu disse, é diferente de tudo. Trabalhei no fim do governo Lula, nos dois mandatos da presidente Dilma e na administração do presidente Temer. Nunca sofri qualquer ingerência política no meu trabalho e sempre contei com o respaldo dos diretores-presidentes Renato Martini e Gastão Ramos, aos quais era subordinado. Sempre me orgulhei de haver uma relação extremamente profissional entre mim e a chefia imediata e posso garantir que durante esses anos a influência política no andamento dos trabalhos era irrisória e nada decisória.

Crypto ID: agora você atuará na defesa do mercado privado. Como você reagiu ao convite?

Edmar Araujo: honrado e surpreso, pois nunca havia sido sondado para o mercado privado. Quando a AARB me consultou para o cargo, comuniquei o fato ao diretor-presidente do ITI e informei que gostaria de ouvir a proposta, mas gostaria que fosse feito às claras. O senhor Gastão Ramos sempre soube de tudo desde o início das conversas e ao comunicá-lo da minha decisão de aceitar a proposta da AARB, organizamos uma transição interna para as funções em seu Gabinete e na Assessoria de Comunicação Social, unidades que ficaram muito bem servidas de boníssimas pessoas. O ITI não queria que eu saísse, mas entendeu se tratar de uma oportunidade profissional. Foi um momento muito diferente de tudo o que já havia vivenciado, e minha saída da autarquia foi harmônica e pela porta da frente.

Crypto ID: sabemos que as estratégias de atuação de Associações como a AARB são sigilosas, mas é possível dizer em quais frentes pretende atuar?

Edmar Araújo: é oportuno valorizar o que até aqui foi feito pela Associação. Seria indelicado da minha parte deixar de reconhecer o pioneirismo e a importância do Nivaldo Cleto na AARB, bem como o bom trabalho de relações institucionais deixado pelo Marcelo Lemgruber. Minha opinião é a de que devemos atuar fortemente em três frentes. A primeira é a da comunicação, pois a AARB precisa fazer-se entender como entidade representativa do setor e ofertar conteúdos cada vez mais atraentes e vantajosos aos seus associados e, também, ao cidadão que procura informar-se sobre o tema da certificação digital. A segunda linha de atuação é a do relacionamento institucional com o governo e com as demais entidades coirmãs do setor de certificação digital. Sem união e sem entendimentos comuns será impossível avançar em importantes pautas para o setor diante do governo. Por fim, fortalecer a AARB por meio do aumento de associados que queiram ser por nós representados em seus interesses e auxiliados em suas necessidades.

Crypto ID: por fim, deixamos o espaço aberto para suas considerações

Edmar Araujo: pretendemos transformar a AARB numa instância de democracia e de comunhão para o setor. Queremos falar com todos, atender aos que da AARB precisem, ajudar o governo a implantar a tão sonhada sociedade digital por meio da massificação da certificação digital ICP-Brasil e, também, fazer-nos valer perante todos os atores do setor. Posso garantir que trabalharemos muito e forte por todos os objetivos.

Acompanhe o mais completo conteúdo sobre certificação digital do Brasil aqui no Crypto ID!

As principais Autoridades Certificadoras Brasileiras compartilham seus conteúdos aqui no Crypto ID para a disseminação da tecnologia no mercado brasileiro, acesse as colunas nos links a seguir: CERTISIGN, SAFEWEB, SERASA, SOLUTI e VALID 

Conheça também as colunas CERTIFICADO DIGITAL, ITI e ANCD.