Últimas notícias

Fique informado

Receita simplifica o processo de validação de Pessoa Jurídica para obtenção do certificado digital ICP-Brasil

10 de julho de 2020

Spotlight

Fim do ciclo de vida da cadeia V1 da ICP-Brasil

A cadeia de certificação V1 da Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira (ICP-Brasil) expirou no dia 29 de julho de 2021

3 de agosto de 2021

Autorização para viagens de menores desacompanhados pode ser feita online

Para a emissão da autorização por videoconferência, os pais devem possuir um certificado digital ICP-Brasil ou Certificado e-Notariado.

1 de agosto de 2021

A unico adquire CredDefense e consolida liderança no mercado de identidade digital

Com a transação, a IDTech unico expande sua atuação para mercados como locadoras de veículos, logística e propensão à fraude

29 de julho de 2021

O que é o open banking e como ele funciona

Saiba o que vai mudar na vida dos brasileiros com

14 de julho de 2021

Incidente na Kaseya chama a atenção para atrativa maneira em propagar de ataques

O incidente na Kaseya resultou na indisponibilização de ativos de mais de mil empresas no início deste mês.

14 de julho de 2021

Marcelo Fernandes da FICO fala sobre a segunda fase do open banking

Em 15 de julho, os bancos passam a operar com sistemas abertos e clientes terão mais acesso aos serviços financeiros.

8 de julho de 2021

Novo serviço desenvolvido pelo ITI permite consultar certificados digitais emitidos pela ICP-Brasil

Os usuários de Certificados digitais da ICP – Brasil agora contam com mais um serviço, o Meu Certificado, com intuito de facilitar seu o uso

25 de junho de 2021

A Receita Federal publicou no dia 7 de julho novas regras para o processo de validação necessária para a emissão do certificados digitais ICP-Brasil de pessoa jurídica.

O empresário agora apresentará o “Comprovante de Inscrição e de Situação Cadastral”, que traz informações do CNPJ e do quadro societário.

Com esses dados será possível analisar o poder de representação do empreendedor, o que facilita os processos de emissão dos certificados. A novidade é gratuita para o empreendedor.

Segundo Edmar Araujo, presidente da AARB – Associação das Autoridades de Registro do Brasil, entidades que são responsáveis pela verificação de todos os dados dos titulares dos certificados digitais ICP-Brasil, a medida vai ao encontro da atividade principal das empresas.

G1“Entendo que isso melhora a capacidade de execução das atividades de cadastro e confirmação de identidade de pessoas jurídicas realizadas pelas ARs, que agora têm mais uma fonte segura de informação e que é eficiente no combate a potenciais tentativas de fraude, declara Araújo.

Os procedimentos para validação no antigo modelo exigia a apresentação de contratos sociais e outros documentos constitutivos das empresas que precisavam ser analisados o que refletia na demora do processo de emissão do certificado digital.

O novo procedimento além de tornar mais rápida a emissão certamente contribuirá para a redução de custos para as Autoridades de Registro.

 

 

DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO

Publicado em: 07/07/2020 Edição: 128 Seção: 1 Página: 14

Órgão: Ministério da Economia/Secretaria Especial da Receita Federal do Brasil

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 1.963, DE 3 DE JULHO DE 2020

Altera a Instrução Normativa RFB nº 1.863, de 27 de dezembro de 2018, que dispõe sobre o Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ).

O SECRETÁRIO ESPECIAL DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL no uso da atribuição que lhe confere o inciso III do art. 327 do Regimento Interno da Secretaria Especial da Receita Federal do Brasil, aprovado pela Portaria MF nº 430, de 9 de outubro de 2017, e tendo em vista o disposto nos arts. 1º, 3º e 5º da Lei nº 5.614, de 5 de outubro de 1970; no inciso II do art. 37 da Lei nº 9.250, de 26 de dezembro de 1995; nos arts. 80 a 82 da Lei nº 9.430, de 27 de dezembro de 1996; no art. 16 da Lei nº 9.779, de 19 de janeiro de 1999; nos arts. 2º a 4º, 7º a 9º, 11 e 16 da Lei nº 11.598, de 3 de dezembro de 2007; e na Portaria MF nº 187, de 26 de abril de 1993, resolve:

Art. 1º A Instrução Normativa RFB nº 1.863, de 27 de dezembro de 2018, passa a vigorar com a seguinte alteração:

“Art. 12. A comprovação da condição de inscrito no CNPJ e da situação cadastral é feita por meio do “Comprovante de Inscrição e de Situação Cadastral”, que contém as informações descritas nos modelos I e II constantes do Anexo III desta Instrução Normativa.

§ 1º O modelo I do Comprovante de Inscrição e de Situação Cadastral poderá ser acessado por meio do sítio da RFB, disponível no endereço <https://www.receita.economia.gov.br>.

§ 2º O modelo II do Comprovante de Inscrição e de Situação Cadastral, que possui código de autenticidade, poderá ser acessado somente mediante identificação do usuário, por meio do Portal Nacional da Redesim, disponível no endereço <https://www.redesim.gov.br>.” (NR)

Art. 2º O Anexo III da Instrução Normativa RFB nº 1.863, de 2018, fica substituído pelo Anexo I desta Instrução Normativa.

Art. 3º Esta Instrução Normativa será publicada no Diário Oficial da União e entrará em vigor na data de publicação.

JOSÉ BARROSO TOSTES NETO

ANEXO I

  INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 1.963, DE 3 DE JULHO DE 2020

 

“O Governo digital é bom para todos”

Um terço dos profissionais brasileiros desconhece os riscos de um ciberataque

CFF, Anvisa, CFM e ITI debatem a prescrição e dispensação de receitas digitais em reunião na Casa Civil

Por conta do coronavírus, presidente da república inclui em sua rotina a videoconferência e intensifica o uso do Certificado Digital ICP-Brasil